• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

sábado, 16 de Setembro de 2006

270 - Quinta do Carmo 2001 (Tinto)


270 - Quinta do Carmo 2001 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Alicante Bouschet, Trincadeira, Castelão, Cabernet Sauvignon e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola Quinta do Carmo, Lda
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14%
Enólogo: Joachim Roque
Notas de Prova: Cor bem rubi e de muita concentração, aromas delicados de frutos bem maduros e leves notas vegetais e de especiarias, paladar elegante e intenso, taninos maduros e complexidade acima da média, ligeiras notas de baunilha e pimentos, num conjunto marcado pela fruta, o final é persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Pessoal: Dezembro 2007

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Pessoal: Agosto 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Maio 2014

Classificação Revista Escanção: ........................89*
• Data da Prova: Maio 2011 / Junho 2011
* Classificação de 0-100


Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Março 2006

Rótulo: Os antigos vinhedos deram a notoriedade aos vinhos da Sociedade Quinta do Carmo, S.A. Desde 1992, os Domaines Barons de Rothschild (Lafite) e, mais tarde, o sócio Senhor Comendador José Berardo, levaram à propriedade o seu renascimento, sendo acompanhado de novas plantações e de uma adega renovada. Plantadas em terrenos argilo-xistosos, as castas Aragonês, Alicante Bouschet, Trincadeira e Castelão, complementadas agora com Cabernet Sauvignon e Syrah no vinho da Quinta do Carmo, com renome pela sua concentração e elegância. Os métodos de cultura e vinificação respeitam a tradição com integração das novas tecnologias que permitem exprimir o melhor da tipicidade do Alentejo. O vinho passa por um estágio de um ano em barricas de carvalho francês, antes de ser engarrafado na Quinta.

Etiquetas: , , , , , , , , ,

269 - Dolium Reserva 2003 (Tinto)

269 - Dolium Reserva 2003 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês e Cabernet Sauvignon
Produtor: Eborae Vitis e Vinus, Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Paulo Laureano
Notas de Prova: Aromas de frutos vermelhos e algum mineral bem acompanhados com leve pimento sem exagerar, no paladar mostra uma boca cheia e macia, é suave e os taninos estão muito bem casados com a madeira, tem um final comprido e muito persistente, no fundo de boca evidencia a especiaria.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Revista: Janeiro 2007

Classificação Blue Wine: ...................................14
• Data da Revista: Setembro 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Dezembro 2005

Rótulo: Este vinho conjuga as variedades Aragonês e Cabernet Sauvignon, e após cuidada vinificação estagiou em barricas novas de carvalho americano e francês. Sofreu uma filtração grosseira pelo que poderá criar depósito com a idade.

Etiquetas: , , , , ,

268 - Pasmados 2003 (Tinto)

268 - Pasmados 2003 (Tinto)
Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Touriga Nacional, Castelão e Touriga Franca
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Notas de Prova: Frutos vermelhos no aroma que melhoram no paladar, os taninos estão em evidência e o final de boca é agradável e mediano.



Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Outubro 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Novembro 2005

Rótulo: Produzido pela José Maria da Fonseca na Península de Setúbal a partir das castas Touriga Nacional, Castelão e Touriga Franca. Pasmados é um vinho tinto de carácter muito próprio com aromas a tabaco e frutos vermelhos que se traduzem num paladar frutado e com taninos persistentes. Aprecie moderadamente em boa companhia acompanhando caça e queijos de cura.

Etiquetas: , , , , , ,

267 - Esporão Reserva 2003 (Tinto)

267 - Esporão Reserva 2003 (Tinto)
Região: DOC Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonês e Cabernet Sauvignon
Produtor: Esporão S.A.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14.5%
Enólogo: David Baverstock e Luís Duarte
Notas de Prova: Aromas intensos de frutos maduros e muito ligeira baunilha, na boca revela frescura e corpo cheio, taninos sólidos e complexidade interessante, devido à harmonia entre a fruta e a madeira, final longo, frutado e bem agradável.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Outubro 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Abril 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Maio 2006

Classificação Blue Wine: ...................................15.5
• Data da Revista: Maio 2006

Rótulo: Esporão D.O.C. Reserva 2003 foi criado através da vinificação em estreme das castas Trincadeira, Aragonês e Cabernet Sauvignon. Revela um aroma de fruta madura bem integrado com carvalho americano. O sabor é intenso e profundo com taninos robustos, encorpado e com uma estrutura que lhe garante uma boa evolução em garrafa. Para preservar a qualidade deste grande vinho, resolvemos não o estabilizar a frio. Não será de estranhar que algum depósito venha a ser com a idade, encontrado no fundo da garrafa. Deve ser consumido à temperatura de 16ºC a 18ºC.

Etiquetas: , , , , , ,

266 - Periquita Clássico Special Reserve 2001 (Tinto)

266 - Periquita Clássico Special Reserve 2001 (Tinto)
Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Castelão
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Notas de Prova: Cor rubi e aromas marcados pela fruta madura e as especiarias, na boca mostra bom volume e complexidade, acidez equilibrada e fruta bem presente, taninos bem vivos fazendo esquecer a data da colheita, o final é persistente.


Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Agosto 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Novembro 2005

Rótulo: Produzido pela José Maria da Fonseca na Península de Setúbal a partir da casta Castelão em anos de particular qualidade. Periquita Clássico é uma reserva especial dos melhores anos de Periquita. Aprecie moderadamente em boa companhia acompanhando caça, carnes assadas e queijos de pasta mole.

Etiquetas: , , , , ,

265 - José de Sousa Mayor 1999 (Tinto)

265 - José de Sousa Mayor 1999 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonez e Grand Noir
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Notas de Prova: Aromas atractivos e intensos de fruta preta de qualidade superior, no paladar temos um vinho com boa estrutura, muito equilibrado e complexo, realçando a madeira num conjunto harmonioso, o final de prova é cheio e prolongado.



Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Julho 2006

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............17.5
• Data da Revista: Fevereiro 2010

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Janeiro 2004

Classificação Revista dos Vinhos: ......................18
• Data da Revista: Dezembro 2003

Rótulo: José de Sousa Mayor produzido pela José Maria da Fonseca a partir de uma selecção das melhores uvas das castas Trincadeira, Aragonez e Grand Noir produzidas na Herdade do Monte da Ribeira, é um vinho que segue a tradição romana de fermentação em ânforas de barro após a pisa de pés em lagares de granito. Com um envelhecimento em meias de pipas de carvalho novo é um vinho de aromas complexos e um corpo cheio e macio, com um paladar equilibrado. Aprecie moderadamente, depois de decantado, em boa companhia com caça e queijo. A colheita de 1999 deu origem a 23.593 garrafas que se encheram em Março de 2001.

Etiquetas: , , , , , ,

264 - José de Sousa 2003 (Tinto)

264 - José de Sousa 2003 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonez e Grand Noir
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Notas de Prova: Aromas marcados pelos frutos maduros e leves notas vegetais e ligeira especiaria, na boca revela alguma evolução embora o carácter seja ainda bem vincado, fruta e especiaria em maioria e complexidade mediana, estrutura simples e suave, o final é macio e especiado.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Outubro 2007

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16.5
• Data da Revista: Fevereiro 2010

Rótulo: José de Sousa é produzido pela José Maria da Fonseca em Reguengos de Monsaraz, no Alentejo, a partir das castas Trincadeira, Aragonez e Grand Noir. Seguindo a tradição romana é parcialmente fermentado em ânforas de barro. Com um aroma rico e um paladar cheio deve ser apreciado moderadamente, em boa companhia, com caça e queijos curados.

Etiquetas: , , , , , ,

263 - Mosteirinho 2004 (Tinto)

263 - Mosteirinho 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonês e Alicante Bouschet
Produtor: F. N. F. Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: -
Notas de Prova: Tem bons aromas de frutos maduros e na boca é suave, já o final acaba por ser agradável para um vinho tão jovem.




Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Abril 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Março 2006

Rótulo: Vinho jovem, moderno, feito exclusivamente das castas Trincadeira, Aragonês e Alicante Bouschet. Côr vermelho violeta vivo, aroma a fruta vermelha madura, com notas de compota, especiarias e chocolate. Na boca é persistente, com um final longo e equilibrado. Servido a uma temperatura de 16-18ºC.

Etiquetas: , , , , , ,

262 - Quinta da Garrida 2000 (Tinto)

262 - Quinta da Garrida 2000 (Tinto)
Região: DOC Dão
Castas: Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Caves Aliança, SA
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Francisco Antunes e Pascal Chatonnet
Notas de Prova: Cor fechada e aromas a frutos vermelhos bem presentes, algumas especiarias e nleves notas de madeira perfeitamente harmoniosas no paladar, os taninos estão macios e equilibrados, é comprido no final.



Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Dezembro 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Outubro 2004

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Dezembro 2003

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Janeiro 2003

Rótulo: Produzido na Quinta da Garrida, em Vila Nova de Tázem a partir de uvas seleccionadas das castas Tinta Roriz e Touriga Nacional. O estágio de cerca de 12 meses em barricas de carvalho francês e americano, permitiu obter este vinho harmonioso, com carácter e persistência agradável.

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 13 de Setembro de 2006

261 - Herdade da Ajuda Reserva 2004 (Tinto)

261 - Herdade da Ajuda Reserva 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Cabernet Sauvignon, Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade da Ajuda Nova
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Nariz com muita fruta e alguma baunilha, a boca tem um corpo bem preenchido e um leve toque vegetal e apimentado, de complexidade notória e taninos redondos, acaba de forma bem agradável e frutada.


Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2007

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Março 2007

Classificação Wine Passion: ..............................14
• Data da Revista: Dezembro 2006/Janeiro 2007

Rótulo: Nota Gastronómica - Acompanha pratos de Caça. Deve ser servido à temperatura de 18ºC. Apreciação Organolética - Cor rubi, aroma a frutos maduros, redondo e aveludado. Descrição técnica - Elaborado pelo processo clássico a partir das castas Cabernet Sauvignon, Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet. Origem - Produzido na Herdade da Ajuda no Distrito de Évora.

Etiquetas: , , , , , , ,

260 - Quinta de Cabriz Colheita Seleccionada 2004 (Tinto)

260 - Quinta de Cabriz Colheita Seleccionada 2004 (Tinto)
Região: DOC Dão
Castas: Alfrocheiro, Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Carlos Lucas e Carlos Moura
Notas de Prova: Cor rubi intensa e aromas a frutos maduros em evidência, no paladar frutado aparecem as especiarias, o final de boca é equilibrado e mediano.



Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2008

Classificação Pessoal: ......................................14
• Data da Prova: Janeiro 2007

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Dezembro 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Junho 2006

Rótulo: Este vinho foi obtido a partir das castas Alfrocheiro, Tinta-Roriz e Touriga Nacional. Para preservar todo o seu potencial, vinificaram-se em separado e em tempos diferentes com todos os cuidados. O estágio decorreu em meias barricas de carvalho Francês durante 6 meses, após o qual foi engarrafado permanecendo em cave até sair para o mercado.

Etiquetas: , , , , , ,

259 - Egoísta 2004 (Tinto)

259 - Egoísta 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonez, Syrah e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Aromas ligeiramente frutados, vinho elaborado e indicado para os jovens apreciadores, no paladar nota-se uma certa frescura, é harmonioso e o final de boca é agradável.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Maio 2006

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , ,

258 - Monte da Cal Reserva 2003 (Tinto)


258 - Monte da Cal Reserva 2003 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Syrah e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade Monte da Cal, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Carlos Lucas e Carlos Moura
Notas de Prova: Aromas frutados e bem complementados na boca, é cheio e volumoso, sente-se a madeira e no final da prova é persistente e denota bastante garra.




Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2007

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Dezembro 2006

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Julho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Maio 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Novembro 2005

Rótulo: A região do Alentejo desde sempre produziu vinhos de excelência. Os solos são de origem argilo-xistosa, proporcionando condições excelentes para a produção de vinhos de qualidade e de grande concentração. As castas Trincadeira, Syrah e Alicante Bouschet foram vindimadas em óptimo estado sanitário. Depois de vinificado este vinho estagiou 8 meses em barricas de carvalho francês que complexou os seus aromas e sabores.

Etiquetas: , , , , , ,

257 - Duas Quintas 2004 (Tinto)

257 - Duas Quintas 2004 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: Ramos Pinto
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Notas de Prova: Cor granada viva com nuances violetas, forte nos aromas de frutos vermelhos, é complexo mas suave, os taninos consistentes mostram que ainda pode evoluir, o final de boca dá a conhecer toda a sua estrutura e persistência.


Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Março 2010

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Setembro 2009

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Setembro 2006

Classificação Wine Passion: ..............................14.8
• Data da Revista: Fevereiro 2007

Rótulo: A casa Ramos Pinto, fundada em 1880, mantém ainda hoje a firme determinação do seu fundador, Adriano Ramos Pinto, de produzir e seleccionar as melhores uvas da Região Demarcada do Douro para a elaboração dos seus vinhos. Em terras de xisto e de baixa altitude situa-se a Quinta de Ervamoira, onde as uvas são criadas num clima quente e seco, permitindo a sua profunda maturação. Noutro terreno granítico de maior altitude situa-se a Quinta dos Bons Ares. Aqui, as uvas amadurecem em clima fresco e arejado, o que lhes confere frescura e vivacidade. Através de uma prova cuidada fundiram-se as "Duas Quintas" num só vinho, com fruto, força e complexidade. A casa Ramos Pinto elaborou este vinho a partir das castas Tinta Roriz, Touriga Nacional e Touriga Franca. Vinho de qualidade, sujeito a criar depósito.

Etiquetas: , , , , , ,

terça-feira, 12 de Setembro de 2006

256 - Catapereiro 2004 (Tinto)


256 - Catapereiro 2004 (Tinto)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Castelão e Outras
Produtor: Companhia das Lezírias, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Bento de Carvalho e Frederico Falcão
Notas de Prova: O aroma a frutos é muito ligeiro, tal como na boa, já o seu final é curto embora seja um vinho fácil de beber.





Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Maio 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Abril 2006

Rótulo: Este vinho, obtido pela fermentação das castas regionais com predominância do Castelão, apresenta uma originalidade e tipicidade do terreno e do clima que lhe deu origem. Deve ser servido a uma temperatura de 16-18ºC.

Etiquetas: , , , , ,

255 - Quinta d'amares Loureiro 2005 (Branco)

255 - Quinta d'amares Loureiro 2005 (Branco)
Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Loureiro
Produtor: Quinta de Amares - Vinicultura, Lda
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 10.5%
Enólogo: José Alberto Pedrosa
Notas de Prova: Cor brilhante e aromas com notas florais dominantes, no paladar é fresco e sauve, tendo um final de boca curto.





Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Julho 2006

Classificação Wine Passion: ..............................14
• Data da Revista: Setembro 2006

Rótulo: -

Etiquetas: , , , ,

254 - Quinta da Lagoalva Reserva 2003 (Tinto)

254 - Quinta da Lagoalva de Cima Reserva 2003 (Tinto)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Alfrocheiro Preto, Cabernet Sauvignon e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta da Lagoalva de Cima, S.A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Rui Reguinga e Diogo Campilho
Notas de Prova: Frutos vermelhos bem presentes principalmente no aroma, o final de boca é agradável mas talvez falte um pouco de complexidade.


Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Fevereiro 2007

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Agosto 2005

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , ,

253 - Quinta da Lagoalva Talhão 1 2005 (Branco)

253 - Quinta da Lagoalva Talhão 1 2005 (Branco)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Fernão Pires, Arinto e Alvarinho
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta da Lagoalva de Cima, S.A.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Rui Reguinga e Diogo Campilho
Notas de Prova: Aromas com notas florais e levemente frutadas, no final de boca tem frescura e mostra suavidade.




Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Abril 2007

Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Setembro 2006

Rótulo: Produzido a partir das castas tradicionais portuguesas e vinificado a temperaturas baixas, mantém uma riqueza aromática própria de vinhos jovens. A sua estrutura de boca é macia, fresca e elegante. Sugerimos o consumo a 8ºC, acompanhado de refeições ligeiras e massas.

Etiquetas: , , , , , ,

252 - Quinta da Lagoalva 2005 (Rosé)

252 - Quinta da Lagoalva de Cima 2005 (Rosé)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Tinta Roriz, Castelão e Alvarelhão
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta da Lagoalva de Cima, S.A.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Rui Reguinga e Diogo Campilho
Notas de Prova: Aromas jovens e refrescantes a frutos vermelhos, nomeadamente morangos, no paladar sente-se a pureza da madeira e a complementariedade de um final suave mas persistente.


Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Julho 2008

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Setembro 2006

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Agosto 2006

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2006

Rótulo: Produzido a partir das castas tradicionais portuguesas e vinificado a temperaturas baixas, mantém uma riqueza aromática própria de vinhos jovens. A sua estrutura de boca é macia, fresca e elegante. Sugerimos o consumo a 8ºC, acompanhado de refeições ligeiras e massas.

Etiquetas: , , , , , ,

251 - Mateus Rosé (Rosé)


251 - Mateus (Rosé)
Região: Mesa
Castas: Baga, Rufete, Tinta Barroca, Touriga Franca e outras
Produtor: Sogrape Vinhos de Portugal, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 11%
Enólogo: Miguel Pessanha
Notas de Prova: Cor brilhante, é fresco e transborda aromas frutados próprios de um vinho jovem, na boca é equilibrado e possui um final suave.



Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2008

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Agosto 2007

Classificação Pessoal: ......................................14
• Data da Prova: Agosto 2006

Rótulo: Mateus Rosé é um vinho jovem, fresco, frutado e versátil. Excelente como aperitivo, é o acompanhamento ideal para cozinha chinesa, italiana, barbecues, saladas e marisco.

Etiquetas: , , , , , , , ,

domingo, 10 de Setembro de 2006

250 - Quinta da Lagoalva de Cima Touriga Nacional & Tinta Roriz 2003 (Tinto)

250 - Quinta da Lagoalva de Cima Touriga Nacional & Tinta Roriz 2003 (Tinto)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta da Lagoalva de Cima, S.A.
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Rui Reguinga e Diogo Campilho
Notas de Prova: Aromas ligeiramente frutados e vegetais, na boca revela alguma estrutura, num casamento perfeito entre a madeira e a fruta, taninos polidos, volume médio e final comprido mas ligeiramente seco.


Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Revista: Março 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Julho 2005

Rótulo: Vinho produzido em vinha de seis anos, apresenta características especiais para um "terroir sui generis". A natureza dos aromas da Touriga, associada à estrutura da Tinta Roriz (aka Tempranillo), criou um vinho que, fermentado a temperaturas baixas, permitiu uma extracção nos aromas., que se confirmam ao nível da profundidade do sabor. Após estágio de sete meses em barricas de carvalho francês. Deverá ser consumido a 18ºC, com carnes bem condimentadas.

Etiquetas: , , , , ,

249 - Quinta Vale de Fornos 2001 (Tinto)

249 - Quinta Vale de Fornos 2001 (Tinto
Região: DOC Ribatejo
Castas: Periquita
Produtor: Sociedade Agrícola de Vale de Fornos, S.A.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12%
Enólogo: Bento de Carvalho
Notas de Prova: Aromas a frutos maduros evidentes mas sem deslumbrar, tem um paladar fresco e algo resínico, o final de boca é mediano.




Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Setembro 2006

Rótulo: A história e tradição da Quinta Vale de Fornos perpétua uma obra criadora na produção de vinhos que remonta ao séc. XVII. Situa-se no concelho e freguesia de Azambuja e possui actualmente uma mancha vitícola de cerca de 70 hectares, bem implantadas em terrenos argilo-calcários. Este é um vinho tinto obtido através da fermentação tradicional da casta Periquita, de distinta cor, apresentando um delicado aroma e sabor pleno de equilíbrio e harmonia. Deve ser servido a uma temperatura de 16-18ºC. Deste lote foram engarrafadas 6666 garrafas, cabendo a esta o nº 0076.

Etiquetas: , , , , ,

sábado, 9 de Setembro de 2006

248 - Companhia das Lezírias 2005 (Rosé)


248 - Companhia das Lezírias 2005 (Rosé)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Aragonês
Produtor: Companhia das Lezírias, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 11%
Enólogo: Bento de Carvalho e Frederico Falcão
Notas de Prova: Cor rosada e aromas frutados, que se perdem na boca, tem um final de boca curto demais.





Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Junho 2006

Rótulo: Feito a partir da nobre casta Aragonês, este Rosé mostra-se muito frutado, fresco e elegante. Sirva-o a uma temperatura de 10ºC, podendo servir como aperitivo ou a acompanhar comida Japonesa, marisco ou saladas.

Etiquetas: , , , , ,

247 - Bridão 2004 (Tinto)

247 - Bridão 2004 (Tinto)
Região: DOC Ribatejo
Castas: Periquita, Trincadeira e Preto Martinho
Produtor: Adega Cooperativa do Cartaxo, CRL
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Pedro Gil
Notas de Prova: Aromas frutados não muito intensos, taninos bem vincados mas agradavelmente em harmonia com o conjunto, o final de boca não impressiona mas revela alguma complexidade.



Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Junho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................13.5
• Data da Revista: Junho 2006

Rótulo: Dos terrenos argilo-calcários do "Bairro" e vinificado a partir das castas "Periquita", "Trincadeira" e "Preto Martinho" resulta este vinho que após um ligeiro estágio em madeira de carvalho, apresenta uma cor granada, aroma com fruta presente e um sabor frutado harmoniosamente conjugado com a madeira, proporcionando um final macio, equilibrado e persistente. Acompanha bem com carnes vermelhas e pratos fortes e bem condimentados, devendo ser servido à temperatura aproximadamente de 18ºC.

Etiquetas: , , , , , ,

246 - Quinta do Casal Branco 2005 (Branco)

246 - Quinta do Casal Branco 2005 (Branco)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Fernão
Pires
Produtor: Casal Branco, Sociedade de Vinhos, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Dina Luís
Notas de Prova: Cor limpa e aromas com leves notas de citrinos, é fresco e tem final de boca demasiado curto.



Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Junho 2006

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 7 de Setembro de 2006

245 - Dom Hermano Clássico 2005 (Branco)

245 - Dom Hermano Clássico 2005 (Branco)
Região: DOC Ribatejo
Castas: Fernão Pires e Chardonnay
Produtor: Casa Agrícola Herdeiros de D. Luís de Margaride, S.A.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: João Sardinha Cruz
Notas de Prova: Cor algo brilhante e aromas florais evidentes, embora tenham tendência a desaparecer na boca, o final não impressiona.




Classificação Pessoal: ......................................12.5
• Data da Prova: Junho 2006

Classificação Wine Passion: ..............................15
• Data da Revista: Maio 2007

Rótulo: Este vinho branco seco é fruto da longa experiência vitivinícola desta Casa, que preserva no seu património uma tradição familiar de mais de 150 anos, nos quais as gerações foram passando o testemunho no respeito pelo ancestral, mas com ambição de progresso e vontade de modernidade. Produzido a partir das cstas Fernão Pires e Chardonnay, de produção própria, vinificado na adega da Quinta do Casal Monteiro. Tem cor citrina, aroma frutado e floral, complexo, fresco e seco. Servir entre os 8 e 10ºC, como aperitivo, ou a acompanhar pratos de peixe e mariscos.

Etiquetas: , , , , ,

244 - Alcambar 2004 (Tinto)

244 - Alcambar 2004 (Tinto)
Região: Regional Beiras
Castas: Bastardo e Marufo
Produtor: Adega Cooperativa do Fundão
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: António Saramago e António Madalena
Notas de Prova: Aromas jovens e levemente frutados, acompanhados no paladar com alguma acidez desnecessária, no final de boca é curto e pouco prolongado.




Classificação Pessoal: ......................................12
• Data da Prova: Maio 2006

Rótulo: Notas de Prova. Cor: Ruby. Aroma: Jovem, intenso com ligeira evolução. Sabor: Muito macio e agradável, com um fim de boca persistente sugerindo frutos vermelhos. Vinificação: O vinho tinto “Alcambar” é produzido a partir de uma selecção de vinhas com castas regionais. É realizada uma fermentação com controle de temperatura.

Etiquetas: , , , , ,

243 - Loios 2005 (Tinto)

243 - Loios 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Trincadeira e Castelão
Produtor: João Portugal Ramos - Vinhos, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Portugal Ramos
Notas de Prova: Aromas bem frutados, com a mesma sensação na boca, trata-se de um tinto agradável para o quotidiano, no final tem uma presença simpática.




Classificação Pessoal: ......................................14
• Data da Prova: Agosto 2006

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Julho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Junho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Abril 2006

Rótulo: Lóios, monges profundamente ligados à História do Alentejo e em particular aos seus vinhos, encontram as suas raízes no séc. XV, em sua memória foi este o nome eleito para um vinho que resulta de uma vinificação tradicional das castas regionais alentejanas.

Etiquetas: , , , , , ,

quarta-feira, 6 de Setembro de 2006

242 - Fagote 2002 (Tinto)

242 - Fagote 2002 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: CVD - Companhia dos Vinhos do Douro, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: José Miguel Vasquez de Almeida
Notas de Prova: Aromas frutados e bem acompanhados por ligeiras notas vegetais, tem um paladar equilibrado sem grande exuberância, frutos maduros e alguma baunilha, boa acidez e complexidade mediana, o final é médio, lembrando notas de café.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Setembro 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Dezembro 2004

Rótulo: Este vinho é produzido a partir das principais castas da Região Demarcada do Douro, como sejam a Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca. Após vinificação com maceração prolongada e controlo de temperatura, estagiou durante 12 meses em barricas de 225Lts de Carvalho Francês. Apresenta um bom volume na boca, taninos firmes e equilibrados, com uma complexidade de aromas onde a madeira se encontra muito bem integrada, formando um conjunto vivo e encorpado, com um final elegante, prolongado e agradável.

Etiquetas: , , , , , , ,

241 - Passadouro 2003 (Tinto)


241 - Passadouro 2003 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca e Touriga Nacional
Produtor: Quinta do Passadouro, Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Jorge Serôdio Borges
Notas de Prova: Cor rubi e com leves notas violetas, aromas marcantes de frutos silvestres e especiarias, no paladar a madeira está bem casada com a fruta e os taninos estão redondos, é encorpado e volumoso na boca, tem um final longo e muito agradável.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2007

Classificação Blue Wine: ...................................16.5
• Data da Revista: Junho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Novembro 2005

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , ,