• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

domingo, 31 de Agosto de 2008

Prova de Vinhos Casa de Santar na Tasca do Joel (Ago/2008)

No passado dia 31/08/2008 no Gourmet do Restaurante Tasca do Joel em Peniche, teve lugar uma Prova de Vinhos do Produtor Casa de Santar (Dão Sul) do Dão.

Foram provados um total de 4 vinhos, 2 brancos e 2 tintos.


Prova acompanhada pelo Enólogo Pedro de Vasconcellos e Souza.

Casa de Santar 2007 (Branco)Casa de Santar 2007 (Branco)

Região: DOC Dão
Castas:
Encruzado e Cerceal
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Álcool: 12.5%
Enólogo: Pedro de Vasconcellos e Souza
Nota de Prova: Cor citrina, muito pálida e com tons esverdeados, o nariz é exuberante, dominado por um expressivo floral e muita fruta branca, no paladar denota uma acidez correcta e uma frescura agradável, é equilibrado e tem um final mediano.
Classificação Pessoal: 15
Casa de Santar Reserva 2007 (Branco)

Região: DOC Dão
Castas:
Encruzado, Cerceal e Bical
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Álcool: 14%
Enólogo: Pedro de Vasconcellos e Souza
Nota de Prova: Aromas intensos de frutos tropicais, com algumas notas florais e uma baunilha bem presente, é saboroso no paladar, muito fresco e mineral, cremoso e com uma fina tosta a dotar o conjunto de uma agradável elegância, embora a fruta não saia beliscada pela sua presença, o final é de grande persistência e vivacidade.
Classificação Pessoal: 16.5
Casa de Santar Reserva 2007 (Branco)
Casa de Santar 2005 (Tinto)Casa de Santar 2005 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional, Alfrocheiro e Tinta Roriz
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro de Vasconcellos e Souza
Nota de Prova: Aromas profundos, ricos em fruta e especiarias, bem como um leve tostado, na boca tem uma boa estrutura, é elegante e equilibrado, corpo bem preenchido e taninos bem polidos, o final é longo e com boa persistência.
Classificação Pessoal: 16
Casa de Santar Reserva 2004 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional, Tinta Roriz e Alfrocheiro
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro de Vasconcellos e Souza
Nota de Prova: Cor intensa e aromas elegantes de frutos maduros e um floral acompanhado por uma baunilha muito envolvente, na boca tem um bom volume, corpo cheio e rico em especiarias, fruta sempre presente e uma complexidade muito interessante, taninos vivos mas que são equilibrados no conjunto, o final é prolongado.
Classificação Pessoal: 17
870 - Casa de Santar Reserva 2004 (Tinto)

Etiquetas:

Prova de vinhos do Dão na ViniPortugal (Ago/2008)


No passado dia 23/08/2008 na Sala Ogival da ViniPortugal, em Lisboa, realizei uma Prova de Vinhos do Dão (uma das 3 regiões em Prova até meados de Setembro, as outras são Trás-os-Montes e Douro).
Esta prova foi efectuada com a degustação de 5 vinhos tintos.


Only 2004 (Tinto)Only 2004 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Anselmo Mendes
Álcool: 14%
Enólogo: Anselmo Mendes
Nota de Prova: Cor intensa, de laivos bem violetas, nariz cheio de fruta vermelha, muito bem acompanhada por bagas silvestres, formando um conjunto harmonioso que evolui para algumas especiarias a lembrar notas de café, na boca destaca-se a frescura e um vegetal muito directo, tem um volume agradável, é encorpado e os taninos estão bem polidos, o final é apelativo e muito fresco.
Classificação Pessoal: 16.5
Azul Portugal Dão 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Anselmo Mendes
Álcool: 12.5%
Enólogo: Anselmo Mendes
Nota de Prova: Cor rubi e aromas florais que são secundados por notas discretas de frutos silvestres que evoluiem para um ligeiro vegetal e balsâmico, o paladar apresenta uma bela textura, onde a fruta aparece bem combinada com leves notas das barricas, apresenta uma frescura muito interessante apesar da sua juventude ainda ser muito significativa, o final tem um comprimento médio mas com uma persistência bem razoável.
Classificação Pessoal: 15.5
Azul Portugal Dão 2006 (Tinto)
Casa de Santar 2005 (Tinto)Casa de Santar 2005 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional, Alfrocheiro e Tinta Roriz
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro de Vasconcellos e Souza
Nota de Prova: Cor granada e aromas quentes e complexos, onde se destacam os frutos vermelhos e as notas florais, na boca revela elegância, a fruta é volumosa e aparece uma fina especiaria que confere equilíbrio ao conjunto, através das notas de baunilha e algum cacau, apresenta ainda uma boa estrutura e um final persistente.
Classificação Pessoal: 16
Lagar de Darei Reserva 2004 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Alfrocheiro, Touriga Nacional, Tinta Roriz, Jaen e Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agro Pecuária da Quinta de Darei, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Pedro Pereira
Nota de Prova: Cor que dá sinais de boa concentração, aromas que inicialmente lembram alguma fruta em passa e notas terrosas, sendo que na boca está equilibrado, a predominância das especiarias é acompanhada por leves notas florais e onde a fruta também marca presença fazendo com que o vinho apresente uma interessante estrutura, de taninos subtis e com um final médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Lagar de Darei Reserva 2004 (Tinto)
Azul Portugal Reserva Dão 2005 (Tinto)Azul Portugal Reserva Dão 2005 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas:
Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Anselmo Mendes
Álcool: 13%
Enólogo: Anselmo Mendes
Nota de Prova: Cor intensamente violeta e de excelente concentração, tem um nariz muito floral, secundado por uma delicada fruta bem madura, o paladar é refinado e aveludado, muito fresco, notas profundas de especiarias e um tostado elegante, é um conjunto harmonioso, encorpado, elegante e complexo, sendo que a fruta está sempre presente, o final é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

Prova de Vinhos Quinta do Crasto (Ago/2008)

No passado dia 20/08/2008, realizei uma Prova de Vinhos do produtor Quinta do Crasto do Douro.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 3 vinhos, 1 branco e 2 tintos.


Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Crasto 2007 (Branco)Crasto 2007 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas:
Gouveio, Roupeiro, Cercial e Rabigato
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 12.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor muito esbatida e aromas muito citrinos com leves sensações florais, no paladar destaque para a sua acidez fruto da sua grande juventude, continua muito citrino durante a prova e termina de uma forma agradável e de comprimento médio.
Classificação Pessoal: 15
Crasto 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Franca e Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 13.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor intensa e nariz de grande exuberância aromática, frutos silvestres e um rebuçado muito presente, na boca tem um perfil agradável, com uma frescura interessante e leves notas florais que se misturam muito bem com a fruta madura, o final é médio de comprimento e relativamente persistente.
Classificação Pessoal: 15.5
Crasto 2007 (Tinto)
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2006 (Tinto)Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2006 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor rubi intensa e aromas pujantes de frutos silvestres muito bem apoiados por elegantes notas abaunilhadas vindas das barricas de grande qualidade, na boca mostra toda a sua complexidade e elegância, é um conjunto frutado e muito harmonioso, é bem visível a sua juventude e capacidade de envelhecimento mas que não retira mérito algum no prazer que provoca a sua degustação para já, ligeiras sugestões de café e cacau que conferem ao vinho uma estrutura assinalável, o final é de grande persistência.
Classificação Pessoal: 18

Etiquetas:

Prova de vinhos do Douro na ViniPortugal (Ago/2008)

No passado dia 19/08/2008 na Sala Ogival da ViniPortugal, em Lisboa, realizei uma Prova de Vinhos do Douro (uma das 3 regiões em Prova até meados de Setembro, as outras são Trás-os-Montes e Dão).
Esta prova foi efectuada com a degustação de 4 vinhos tintos.


Azul Portugal Douro 2005 (Tinto)Azul Portugal Douro 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: João Silva e Sousa & Anselmo Mendes
Álcool: 13%
Enólogo: João Silva e Sousa e Anselmo Mendes
Nota de Prova: Cor granada, tem um nariz correcto, com frutos pretos e agradáveis notas florais que acompanham bem um leve balsâmico, na boca não é muito volumoso mas é intenso, está mais virada para o vegetal que associado à fruta dá um certo equilíbrio durante a prova, o final é de médio porte e saboroso.
Classificação Pessoal: 15.5
Lello 2006 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Sociedade dos Vinhos Borges, SA
Álcool: 13%
Enólogo: José Maria Machado
Nota de Prova: Cor rubi com uma suave violeta à volta, aromas iniciais muito frutados, acompanhados por um ligeiro fumado e algum rebuçado, evoluíndo depois para uma especiaria mais profunda, na boca tem uma prova fácil, equilibrada e denota uma estrutura simples e mediana, taninos polidos e algum vegetal que acompanha a fruta durante a prova, final médio e ligeiramente amargo.
Classificação Pessoal: 15
Lello 2006 (Tinto)
Azul Portugal Reserva Douro 2004 (Tinto)Azul Portugal Reserva Douro 2004 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: João Silva e Sousa & Anselmo Mendes
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Silva e Sousa e Anselmo Mendes
Nota de Prova: Cor intensa e com boa concentração, o nariz está elegante, muito aromático e de finas especiarias, que dão origem a um belo conjunto, sendo notória a sua frescura, tem um paladar complexo e estruturado, taninos redondos, delicadas notas de especiarias, baunilha e fruta muito delicada, final comprido e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Curva Reserva 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: A. A. Cálem & Filhos, S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Gonçalves
Nota de Prova: Cor muito carregada no centro e auréola de brilhante violeta, tem uns aromas muito elegantes, dominados por finas e suaves especiarias, sugestões de baunilha e fruta de qualidade, leves notas florais e um fumado muito delicado, na boca mostra garra e vivacidade, conta com um corpo cheio, volumoso e de taninos robustos, não esquecendo a sua grande estrutura, tem uma prova aveludada sempre dominada pelas sugestões de especiarias que impressionam pela sua elegância, evolui para um ligeiro alicorado e conta com um final intenso e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Curva Reserva 2005 (Tinto)

Etiquetas:

Grande Prova Riedel (Ago/2008)


No passado dia 13/08/2007 no Hotel Ritz em Lisboa, teve lugar a Grande Prova Riedel, organizada pela Vinho e Coisas.

Esta prova foi efectuada com o objectivo de dar a conhecer as diferenças nas provas de vinhos usando vários copos, bem como a apresentação da gama de copos Riedel Grape @ Riedel.



As degustações vinho/copo foram as seguintes:

Soalheiro Alvarinho 2007 (Branco)/Copo Riedel Grape Riesling/Sauvignon Blanc
Trivento Reserve Chardonnay 2005 (Branco)/Copo Riedel Grape Chardonnay
Clous Bay Pinot Noir 2006 (Tinto)/Copo Riedel Grape Pinot/Nebbiolo
Redoma 2005 (Tinto)/Copo Riedel Grape Cabernet/Merlot



Prova comentada por Georg Riedel.


Soalheiro Alvarinho 2007 (Branco)Soalheiro Alvarinho 2007 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas:
Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor citrina, de nariz intenso, cheio de fruta e algumas notas minerais, revelando sempre grande frescura, o paladar é muito equilibrado e de uma fineza subtil, sempre com uma fruta bem presente e com uma complexidade assinalável, termina de uma forma persistente e vigorosa.
Classificação Pessoal: 16
Trivento Reserve Chardonnay 2005 (Branco)

Região: Argentina
Castas:
Chardonnay
Produtor: Trivento Bodegas y Viñedos, S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Federico Galdeano
Nota de Prova: A cor apresenta uma tonalidade muito citrina e os aromas, sendo na sua maioria frutados, lembram algumas especiarias e um floral e vegetal muito ligeiros, na boca é bastante fresco, tem um corpo gordo e untuoso, sendo a sua textura ivejável, as notas de tosta estão bem integradas no conjunto dotando-o de uma boa complexidade, o final é de grande persistência.
Classificação Pessoal: 17
Trivento Reserve Chardonnay 2005 (Branco)
Cloudy Bay Pinot Noir 2006 (Tinto)Cloudy Bay Pinot Noir 2006 (Tinto)

Região: Nova Zelândia
Castas:
Pinot Noir
Produtor: Cloudy Bay Vineyards
Álcool: 14%
Enólogo: Kevin Judd e Eveline Fraser
Nota de Prova: Cor rubi de grande intensidade, aromas marcados pelos frutos pretos, por leves especiarias e um primoroso apimentado, o paladar tem um corpo médio mas é de uma elegância que impressiona, taninos elegantes e um volume de boca acima da média, tem um paladar algo picante, onde sobressaiem imensas especiarias e um fumado que realça a sua grande complexidade, o final é longo e ligeiramente seco.
Classificação Pessoal: 17
Redoma 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Tinto Cão, Touriga Franca, Tinta Amarela e Tinta Roriz
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Dirk Niepoort
Nota de Prova: Cor intensa e de grande concentração, nariz cheio de frutos vermelhos e de uma especiaria muito apurada, destacando-se um abaunilhado e fumado vindos das barricas que marca agradavelmente o conjunto, na boca é encorpado, frutado, aveludado e muito equilibrado, de taninos amaciados e de um frutado constante, bem secundado por notas achocolatadas, revela ainda uma boa capacidade de envelhecimento e tem um final persistente e envolvente.
Classificação Pessoal: 17
884 - Redoma 2005 (Tinto)

Etiquetas:

sexta-feira, 29 de Agosto de 2008

905 - Encostas do Enxoé Reserva 2005 (Tinto)

905 - Encostas do Enxoé Reserva 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês e outras
Produtor: Sociedade Agrícola de Pias
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Leonardo Maia
Notas de Prova: Cor rubi e aromas delicados de frutos vermelhos e ligeiro vegetal, na boca é macio e suave, fino e equilibrado, volume médio tal como o seu final.




Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Janeiro 2008

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 27 de Agosto de 2008

904 - Outeiro da Águia Colheita Seleccionada 2004 (Tinto)

904 - Outeiro da Águia Colheita Seleccionada 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Trincadeira e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Nariz marcado pelos frutos vermelhos e ligeiras notas de especiarias, na boca tem um volume médio, acidez equilibrada e fruta bem presente, leves notas de café num conjunto harmonioso, o final é mediano.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2008

Rótulo: Um vinho de qualidade superior elaborado a partir de uma cuidada selecção das castas Trincadeira, Aragonês e Alicante Bouschet, com vinificação em lagares com engaço total pelo processo de curtimenta completa e estágio de 6 meses em barricas de carvalho francês e americano. Apresenta-se de cor rubi, aroma a frutos vermelhos e cerejas, bons taninos, encorpado, boa acidez e final prolongado, revelando toda a nobreza dos melhores vinhos tradicionais alentejanos. Deve ser servido a uma temperatura média de 18ºC, idealmente a acompanhar pratos de carne vermelha condimentada e queijos. A Herdade do Meio, Adega Oficial da Rota do Fresco, apoia e dá corpo a este projecto de promoção e divulgação das mais belas pinturas alentejanas.

Etiquetas: , , , , , ,

terça-feira, 26 de Agosto de 2008

903 - Quinta dos Poços Grande Reserva 2005 (Tinto)


903 - Quinta dos Poços Grande Reserva 2005 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz e Outras
Produtor: Sociedade Agrícola José Mesquita Guimarães, Lda
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Pedro Sequeira e António Rosa
Notas de Prova: Cor muito escura e nariz cheio de frutos pretos, compotas e madeira de qualidade, na boca é encorpado, profundo e rico em fruta e especiarias, esta muito elegante, taninos redondos e com uma bela estrutura, o final é comprido e muito persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17.5
• Data da Prova: Março 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Dezembro 2008

Classificação Wine Passion: ..............................16.6
• Data da Revista: Dezembro 2007 / Janeiro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Dezembro 2007

Classificação Blue Wine: ...................................17
• Data da Revista: Outubro 2007

Rótulo: A Quinta dos Poços situa-se na zona de Património da Humanidade da Região Demarcada do Douro, é uma das mais antigas da região e os actuais donos cultivam-na há 22 anos. Em 2003 fundaram a Sociedade Agrícola José Mesquita Guimarães, Lda., empresa familiar que se caracteriza pelo sentido profissional, modernidade e desejo de produzir apenas vinhos de excelência.

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 25 de Agosto de 2008

902 - Quinta dos Poços Reserva 2004 (Tinto)


Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola José Mesquita Guimarães, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Pedro Sequeira e António Rosa
Notas de Prova: Cor delicada, nariz marcado pelos frutos vermelhos e leves especiarias, tem um paladar fino, equilibrado, boa acidez e madeira bem integrada num conjunto de taninos polidos, o final é médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2008

Rótulo: Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz. Aspecto: Cor Rubi. Nariz: Aroma a frutos vermelhos maduros com complexidade da madeira. Boca: Frutado, persistente, equilibrado com taninos presentes. Temperatura de serviço: 16ºC - 18ºC. Gastronomia: Ideal com pratos de carne, assados no forno ou com queijos bem curados.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 22 de Agosto de 2008

901 - Mark Stephen Schultz Reserva Touriga Nacional 2005 (Tinto)


901 - Mark Stephen Schultz Reserva Touriga Nacional 2005 (Tinto)
Região: Regional Ribatejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Mark Stephen Schultz Wines
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Leonel Cruz
Notas de Prova: Cor de centro carregado e auréola avioletada, aromas muito florais, nomeadamente violetas, acompanhados de algum rebuçado, na boca revela toda a sua estrutura e muita fruta, leves notas achocolatdas num final saboroso em que se realça a sua persistência.


Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Abril 2009

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Janeiro 2008

Classificação Blue Wine: ...................................16
• Data da Revista: Maio 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Setembro 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Dezembro 2006

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 21 de Agosto de 2008

900 - Quinta de Alcube Castelão 2005 (Tinto)

900 - Quinta de Alcube Castelão 2005 (Tinto)
Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Castelão
Produtor: Quinta de Alcube
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 15%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: Nariz exuberante com muitos frutos vermelhos, na boca é um vinho suave, delicado mas com uma estrutura interessante, de volume médio e bem frutado, tem um final mediano mas bem agradável.



Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Setembro 2008

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2008

Rótulo: A Quinta de Alcube está situada em Azeitão, em pleno Parque Natural da Arrábida. Na parte mais elevada dos seus terrenos foi construída a Capela das Necessidades, no seu interior da qual se ergue um valioso Padrão do séc. XV, classificado como monumento nacional. Este vinho foi criado a partir de uvas da casta Castelão produzidas nas parcelas monovarietais da nossa Quinta. É o resultado de um trabalho rigoroso na vinha, com o total respeito pela Natureza e na adega com a utilização de modernas tecnologias. Estagiou 10 meses em meias barricas de carvalho americano e francês e 4 meses em garrafa antes de ser introduzido ao consumo. Acompanha pratos de caça, carnes vermelhas e queijos de pasta mole. Deve ser consumido entre 16º e 18º graus de temperatura. Consumir já ou guardar em local fresco, garrafa deitada por um período máximo de 7 anos. Desta colheita engarrafaram-se 10.333 garrafas. Cabendo a esta o nº 7.284.

Etiquetas: , , , , ,

terça-feira, 19 de Agosto de 2008

899 - Outeiro da Águia Colheita Seleccionada 2005 (Tinto)

899 - Outeiro da Águia Colheita Seleccionada 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Trincadeira e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Cor rubi muito viva e nariz marcado pelos frutos vermelhos, no paladar é encorpado, com os taninos bem maduros e uma acidez interessante, que dão prazer durante a prova, aparecem as especiarias, cacau, leve chocolate e que dão um final agradável e médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Dezembro 2008

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Abril 2008

Rótulo: Um vinho de qualidade superior elaborado a partir de uma cuidada selecção das castas Trincadeira, Aragonês e Alicante Bouschet, com vinificação em lagares com engaço total pelo processo de curtimenta completa e estágio de 6 meses em barricas de carvalho francês e americano. Apresenta-se de cor rubi, aroma a frutos vermelhos e cerejas, bons taninos, encorpado, boa acidez e final prolongado, revelando toda a nobreza dos melhores vinhos tradicionais alentejanos. Deve ser servido a uma temperatura média de 18ºC, idealmente a acompanhar pratos de carne vermelha condimentada e queijos. A Herdade do Meio, Adega Oficial da Rota do Fresco, apoia e dá corpo a este projecto de promoção e divulgação das mais belas pinturas alentejanas.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 8 de Agosto de 2008

898 - Quinta da Vedejosa 2004 (Tinto)


898 - Quinta da Vedejosa 2004 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Amorim Queirós
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14.5%
Enólogo: João Brito e Cunha
Notas de Prova: Nariz complexo, lembrando notas de compota e revelando algumas semelhanças com um LBV, na boca é austero, tem um corpo volumoso, as especiarias e a fruta estão bem integradas num conjunto em tudo equilibrado e de grande finura, é encorpado, com taninos maduros e um final atraente.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Dezembro 2007

Rótulo: Quinta da Vedejosa é um vinho especial feito a partir das melhores uvas do Vale do Douro. Tem um carácter único, decorrente dos múltiplos aromas que explodem no copo e saturam na boca. Frutos vermelhos, ameixas maduras e amoras silvestres combinam com aromas de violeta e passas. A fruta é extensa no paladar com taninos sumptuosos e um final quente e prolongado.

Etiquetas: , , , , ,

897 - Curva Reserva 2004 (Tinto)

897 - Curva Reserva 2004 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: A. A. Cálem & Filhos, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Francisco Gonçalves
Notas de Prova: Cor rubi bem viva, com aromas a fruta vermelha, acompanhadas por ligeiras notas de especiarias e alguma baunilha, na boca revela um bom volume, com a madeira bem integrada num conjunto elegante e harmonioso, boa fruta e leve achocolatado, para um final longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2007

Classificação Wine Passion: ..............................14.6
• Data da Revista: Março 2007

Rótulo: O Curva surge como uma singela homenagem ao território duriense que se perde na sua infindável paisagem sinuosa desenhada pela própria Natureza. Possuindo uma cor retinta, apresenta um aroma e paladar a frutos vermelhos maduros combinados com toques de madeira. É um vinho quente, encorpado e com um longo fim de boca.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 7 de Agosto de 2008

896 - CARM 2005 (Tinto)

896 - CARM 2005 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca
Produtor: CARM - Casa Agrícola Roboredo Madeira, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: Rui Madeira e António Braga
Notas de Prova: Aromas complexos a lembrar frutos bem maduros, amoras e cerejas, e um leve químico, tudo numa envolvência exótica, na boca tem uma bela estrutura, a fruta continua e a madeira aparece com notas de leve chocolate, taninos redondos e um final de belo efeito e persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Maio 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Janeiro 2008

Rótulo: Das Quintas da CARM em Almendra no Douro Superior, foram seleccionadas as uvas das castas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca. A combinação entre: ano de colheita, castas, "terroir", enologia e envelhecimento deu origem a este vinho da CARM. Uma sensação de amoras silvestres e cerejas pretas, introduz este vinho, seguida de sedutoras notas de figos pretos e "liquorice". Na boca as notas tostadas de barrica surgem em harmonia com um frutado quente e especiado de textura sedosa.

Etiquetas: , , , , , ,

895 - Adega São Miguel dos Descobridores 2005 (Tinto)

895 - Adega São Miguel dos Descobridores 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Tricadeira e Alicante Bouschet
Produtor: Casa Agrícola Alexandre Relvas, Lda
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte e Nuno Franco
Notas de Prova: Cor rubi e aromas suaves e delicados de frutos vermelhos, é um vinho fácil na boca mas agradável, com uma estrutura simples e pouco volumoso mas correcto, o final é curto.



Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Dezembro 2007

Classificação Blue Wine: ...................................15
• Data da Revista: Abril 2007

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , ,

894 - Cem Reis Reserva Syrah 2005 (Tinto)

894 - Cem Reis Reserva Syrah 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Syrah, Aragonez e Alicante Bouschet
Produtor: Herdade da Maroteira - Michael Brian Mollet
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14%
Enólogo: António Maçanita
Notas de Prova: Cor bem carregada e ligeiramente avioletada à volta, o nariz começa algo fechado, químico, com o tempo dá origem a notas de frutos pretos e alguma especiaria e cacau, a boca está equilibrada e é volumosa, é macio e os taninos estão redondos, boa fruta e leve toque vegetal, final envolvente e com uma interessante persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2007

Classificação Wine Passion: ..............................17.5
• Data da Revista: Maio 2007 / Junho 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Março 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Fevereiro 2008

Rótulo: Reserva de 10.000 garrafas produzidas na região alentejana, e vinificado a partir das melhores uvas da casta Syrah, este vinho estagiou 9 meses em barricas de carvalho francês (70%) e em carvalho americano (30%). De cor violeta concentrada, notas quentes e intensas a frutos pretos maduros e especiarias. Encorpado, acidez equilibrada e com taninos bem presentes e redondos no final da prova. Excelente acompanhamento de pratos de caça, borrego e carnes vermelhas, entre outras. Deverá ser servido a uma temperatura entre os 17/18ºC.

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 6 de Agosto de 2008

893 - Maria Mansa 2002 (Tinto)

893 - Maria Mansa 2002 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Quinta do Noval - Vinhos, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Agrellos
Notas de Prova: Aromas com frutos vermelhos e ligeira especiaria, na boca mostra uma estrutura interessante, macio e muito suave, acidez equilibrada, fruta bem presente e final mediano.



Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Março 2008

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Janeiro 2008

Rótulo: O Maria Mansa Tinto é vinificado na Quinta do Noval. É proveniente de uvas de letra A dos agrestes socalcos do coração da Região Demarcada do Douro. Entre as castas típicas da região, predomina na sua constituição a Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca. Tem um aroma intenso a fruta madura e, na boca, é aveludado e macio. Deve ser servido com cuidado pois pode apresentar um depósito natural.

Etiquetas: , , , , , ,

892 - Quinta do Cachão Grande Escolha 2004 (Tinto)

892 - Quinta do Cachão Grande Escolha 2004 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Barroca e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola e Comercial dos Vinhos Messias, S. A.
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14.5%
Enólogo: João Soares e Ana Urbano
Notas de Prova: Cor fechada e aromas de frutos bem maduros e compotas, bem acompanhados pela madeira de qualidade e um floral requintado, na boca denota envolvência, corpo poderoso, taninos bem polidos e certa elegância, a fruta reaparece em força com leves notas de especiarias, o final é bem comprido e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Fevereiro 2008

Classificação Blue Wine: ...................................16
• Data da Revista: Fevereiro 2008

Classificação Wine Passion: ..............................16
• Data da Revista: Março 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Fevereiro 2007

Rótulo: Selecção das melhores uvas das castas Touriga Francesa, Touriga Nacional, Tinta Barroca e Tinta Roriz. Vinho cor rubi intensa e aroma complexo, onde a fruta madura se deixa envolver por notas de especiarias. Estágio prolongado em barricas de carvalho. Final muito longo, acompanha pratos de caça, carnes vermelhas e queijos fortes.

Etiquetas: , , , , , , ,

terça-feira, 5 de Agosto de 2008

891 - Los Navales Verdejo 2006 (Branco)

891 - Los Navales Verdejo 2006 (Branco)
Região: Espanha
Castas: Verdelho
Produtor: Viñedos de Nieva S.L.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: José María Herrero Vedel
Notas de Prova: Nariz de intensidade média, dominado pelo limão e algum vegetal, paladar com boa acidez e algum mineral, é um vinho agradável que termina de uma forma curta mas atractivo.




Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Janeiro 2008

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 4 de Agosto de 2008

890 - Inurrieta Norte 2005 (Tinto)

890 - Inurrieta Norte 2005 (Tinto)
Região: Espanha
Castas: Cabernet Sauvignon e Merlot
Produtor: Bodega Inurrieta
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Joseba Altuna
Notas de Prova: Cor rubi intenso e aromas iniciais dominados pelos pimentos e notas muito vegetais que vão evoluíndo para uma especiaria agradável, na boca tem um ataque enérgico, corpo mediano e acidez interessante, as especiarias dominam com algum fumo pelo meio, o final é médio e agradável.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Maio 2008

Rótulo: La brújula apuntaba al Norte cuando unimos nuestros racimos de Cabernet Sauvignon y Merlot para crear este vino. Color rojo rubí y brillante. Aromas a frutos negros y especiados com ligeras notas ahumadas. Poderoso ataque en boca, lleno de volumen y grasa com taninos redondos. Disfrútelo com carnes a la parrilla o guisadas y una buena compañia. Servir a 16ºC.

Etiquetas: , , , , ,

889 - Vila Régia 2004 (Tinto)

889 - Vila Régia 2004 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Sogrape Vinhos de Portugal, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: José Maria Soares Franco e Luis Sottomayor
Notas de Prova: Um vinho suave e fácil de beber, algo frutado e também com algumas especiarias a darem nas vistas, na boca é delicado e muito macio, leve e discreto, de final curto.

Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Dezembro 2007

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , ,

sexta-feira, 1 de Agosto de 2008

888 - Arco de Curiel 2004 (Tinto)


888 - Arco de Curiel 2004 (Tinto)
Região: Espanha
Castas: Tempranillo
Produtor: Bodegas Arco de Curiel S.L.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Isaac Fernández
Notas de Prova: Cor rubi com pouca concentração, no nariz a fruta é ligeira, bem como algumas sugestões a especiarias, o paladar é equilibrado, de volume médio, sendo um vinho indicado para o dia-a-dia, demonstra um final mediano e macio.


Classificação Pessoal: ......................................14
• Data da Prova: Junho 2008

Rótulo: Tempranillo 100%. Fermentación a 26ºC y macerácion 20 días. 4 meses en barrica de roble francés y americano. Servir entre 16 - 18ºC. Combina bien com todo tipo de carnes, quesos y embutidos.

Etiquetas: , , , , ,

887 - Vinha das Garças Castelão 2003 (Tinto)

887 - Vinha das Garças Castelão 2003 (Tinto)
Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Castelão
Produtor: Unicer Vinhos, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Mário Machado
Notas de Prova: Aromas muito delicados e pouco frutados, na boca revela que já está na curva descendente, é um vinho leve, fácil de beber e com um final de boca simples.




Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Dezembro 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14
• Data da Revista: Junho 2006

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14
• Data da Revista: Setembro 2005

Rótulo: Castas oriundas do Sul de Portugal, predominantemente Castelão (Periquita). Vinho tintencorpado e aveludado. Sobressaem os aromas e frutos silvestres. É um vinho equilibrado, com presistência e de uma suavidade que facilita o seu consumo. Consumir entre os 16º e os 18ºC. Recomenda-se este vinho para acompanhar pratos de carne, massas, peixes gordos, bacalhau e queijos de cura leve, entre outros. Conservar em local fresco e sem contacto directo com a luz.

Etiquetas: , , , , ,