• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Prova de Vinhos Soalheiro na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 30/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação dos vinhos do produtor Quinta de Soalheiro da região dos Vinhos Verdes.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 6 vinhos brancos.


Prova comentada pelo Enólogo António Luis Cerdeira.

Soalheiro Alvarinho 1994 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor amarela/dourada e nariz algo mineral e floral, com leve toque de verniz, na boca é um vinho que ainda mostra acidez e uma estrutura bem interessante, leve citrino num conjunto muito mineral, o final é médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Soalheiro Alvarinho 2000 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Apresenta um nariz pouco expressivo onde as notas florais dão alguma alegria ao conjunto, na boca é um vinho simples e muito suave, fica clara a ideia de que já está na sua curva descendente, tem uma acidez mediana e um final que lembra biscoitos e de comprimento curto.
Classificação Pessoal: 14
Soalheiro Alvarinho 2000 (Branco)
Soalheiro Alvarinho 2005 (Branco)Soalheiro Alvarinho 2005 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor citrina e nariz com leves notas de fruta tropical, acompanhados por sugestões de limão e algum fumado, na boca mostra estrutura e uma interessante acidez, está mais citrino que frutado, e termina com um comprimento e persistência médios.
Classificação Pessoal: 15.5
Soalheiro Alvarinho 2008 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Surpreende pela exuberância e pelo perfume de frutos tropicais, de notas florais e de sugestões citrinas, na boca é um vinho com uma excelente acidez, está muito frutado e levemente mineral, num fundo claramente citrino, tem um final longo e muito persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Soalheiro Alvarinho 2008 (Branco)
Soalheiro Alvarinho Primeiras Vinhas 2008 (Branco)Soalheiro Alvarinho Primeiras Vinhas 2008 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Nariz frutado e citrino, num conjunto marcado pela fineza e elegância, durante a prova sobressaiem ainda as notas minerais e uma leve tosta, o um paladar é dominado pela fruta madura e por uma enorme frescura, conta com uma boa acidez e revela um equilíbrio quase que perfeito entre a fruta, os citrinos, a tosta e um certo mineral, o final é prolongado e bem persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta de Soalheiro Reserva Alvarinho 2007 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor amarela muito suave e nariz fino, elegante e rico, em que a tosta e a baunilha estão muito bem integradas com a fruta tropical e um leve toque floral e especiado, na boca é arrasador, mostra um harmonia e um equilíbrio perfeitos, é cremoso e discretamente amanteigado, algo que não se sobrepõe às elegantes notas de fruta madura e a um subtil mineral e citrino, o final é vigoroso e de uma persistência incrível.
Classificação Pessoal: 18
Quinta de Soalheiro Reserva Alvarinho 2007 (Branco)

Etiquetas:

Prova dos Vinhos Fosco (Jul/2009)

No passado dia 24/07/2009, realizei uma Prova dos Vinhos Fosco do produtor alentejano Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 2 vinhos, 1 rosé e 1 tinto.


Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Fosco 2007 (Rosé)Fosco 2007 (Rosé)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda
Álcool: 13%
Enólogo: António Maçanita
Nota de Prova: Apresenta uma cor vermelha algo carregada e um nariz dominado por frutos vermelhos, nomeadamente morangos, tem um paladar equilibrado, fresco e com uma acidez interessante, está ligeiramente menos frutado que no nariz e termina de uma forma agradável e de comprimento algo discreto.
Classificação Pessoal: 15
Fosco 2006 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Maçanita
Nota de Prova: Cor rubi intensa, aromas exuberantes de frutos silvestres bem maduros e ligeiro toque de compota, na boca revela um paladar bem agradável, um corpo médio e uma estrutura interessante, a fruta continua bem presente, acompanhada por ligeiras sensações tostadas, trata-se de um vinho equilibrado, com boa acidez e um final médio/longo.
Classificação Pessoal: 15.5
Fosco 2006 (Tinto)

Etiquetas:

Prova do Vinho Niepoort Vintage 2007 (Jul/2009)

No passado dia 14/07/2009, realizei uma Prova do Vinho do Porto Niepoort Vintage 2007 do produtor Niepoort Vinhos.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Dirk Niepoort pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Niepoort Vintage 2007 (Porto)Niepoort Vintage 2007 (Porto)

Região: Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinto Cão, Tinta Francisca, Tinta Amarela, Sousão, Tinta Roriz e Vinhas Velhas
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: Dirk Niepoort
Nota de Prova: Apresenta uma cor forte, de grande concentração no centro e auréola de tonalidade violeta, no nariz dominam os aromas de fruta muito madura, compota e um ligeiro floral, tudo muito jovem e fresco, na boca impressiona pelo seu volume e complexidade, conta com uns taninos cheios de garra mas elegantes conferindo um equilíbrio ao conjunto notável, revela uma enorme capacidade de envelhecimento e tem um final muito prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5

Etiquetas:

Prova de Vinhos Quinta do Crasto na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 10/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação de dois vinhos do produtor Quinta do Crasto do Douro.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 2 vinhos, 1 branco e 1 tinto.


Crasto 2008 (Branco)Crasto 2008 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas:
Gouveio, Roupeiro e Rabigato
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 12.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor pálida e intensos aromas de fruta e algum citrino, na boca revela uma forte acidez acompanhada por uma frescura contagiante, os citrinos estão dominadores, secundados por um vegetal e floral muito ligeiro, o final tem um comprimento médio e uma agradável persistência.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor cheia e nariz exuberante de frutos silvestres acompanhados por um leve toque floral e uma madeira elegante mas discreta, na boca os taninos ainda estão por domar, embora já seja visível a sua complexidade e estrutura, a fruta continua arrebatadora devido à sua juventude, estando acompanhada por uma fina tosta, o final é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
1380 - Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2007 (Tinto)

Etiquetas:

Prova de Vinhos Ronco del Gelso na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 09/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação de alguns vinhos do produtor italiano Ronco del Gelso.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 3 vinhos brancos.


Ronco del Gelso Friulano 2007 (Branco)Ronco del Gelso Friulano 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Friulano
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela com ligeira tonalidade esverdeada, no nariz são dominadoras as notas vegetais e florais, secudandas por alguma fruta madura, na boca aparecem os citrinos a fazer companhia ao floral, num conjunto fresco e muito equilibrado, com boa acidez e estrutura, tem um final seco e com boa persistência.
Classificação Pessoal: 16
Ronco del Gelso Riesling 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Riesling
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: De cor muito pálida e aromas iniciais muito marcados por um intenso apetrolado que lentamente vai dando lugar às notas minerais, na boca apresenta uma acidez mediana e um equilíbrio notório entre a sua componente mineral e as notas vegetais, tem um final médio.
Classificação Pessoal: 14.5
Ronco del Gelso Riesling 2007 (Branco)
Ronco del Gelso Pinot Grigio Sot Lis Rivis 2007 (Branco)Ronco del Gelso Pinot Grigio Sot Lis Rivis 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Pinot Grigio
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: Cor levemente amarela e aromas subtis de notas florais, em conjunto com um leve toque mineral e vegetal, na boca apresenta alguma fruta e uma doçura que não se sobrepõe à sua interessante acidez, corpo mediano de volume e menos expressivo que no nariz, o final é médio.
Classificação Pessoal: 15

Etiquetas:

Prova de Vinhos Quinta das Marias (Jul/2009)

No passado dia 04/07/2009, realizei uma Prova de Vinhos do produtor Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias do Dão.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 3 vinhos tintos.


Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Quinta das Marias Alfrocheiro 2006 (Tinto)Quinta das Marias Alfrocheiro 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Alfrocheiro
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Apresenta um aroma frutado e muito floral aliado a finas notas de especiarias, o paladar é suave e muito equilibrado, destacando-se a complexidade da fruta em conjunto com a madeira e um ligeiro toque vegetal, é um conjunto marcado pelos taninos bem polidos e por uma estrutura interessante, tem um final médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Quinta das Marias Reserva Cuvée TT 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Apresenta um perfume intenso de notas florais em conjunto com delicadas sugestões de frutos silvestres, na boca mostra um corpo com um volume médio e uma interessante frescura, estrutura e complexidade medianas e fruta madura evidente, a madeira aparece discreta e o final é persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta das Marias Reserva Cuvée TT 2006 (Tinto)
Quinta das Marias Reserva Touriga Nacional 2006 (Tinto)Quinta das Marias Reserva Touriga Nacional 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Cor rubi de boa concentração e nariz dominado pelos frutos silvestres maduros, estando secundado por leves notas florais e por uma fina tosta, na boca apresenta um bom volume, é encorpado e conta com uns taninos já bem integrados no conjunto, a sua frescura é marcante e a fruta elegante, tem um final equilibrado e com boa persistência.
Classificação Pessoal: 16.5<