• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Prova de Vinhos Soalheiro na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 30/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação dos vinhos do produtor Quinta de Soalheiro da região dos Vinhos Verdes.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 6 vinhos brancos.


Prova comentada pelo Enólogo António Luis Cerdeira.

Soalheiro Alvarinho 1994 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor amarela/dourada e nariz algo mineral e floral, com leve toque de verniz, na boca é um vinho que ainda mostra acidez e uma estrutura bem interessante, leve citrino num conjunto muito mineral, o final é médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Soalheiro Alvarinho 2000 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Apresenta um nariz pouco expressivo onde as notas florais dão alguma alegria ao conjunto, na boca é um vinho simples e muito suave, fica clara a ideia de que já está na sua curva descendente, tem uma acidez mediana e um final que lembra biscoitos e de comprimento curto.
Classificação Pessoal: 14
Soalheiro Alvarinho 2000 (Branco)
Soalheiro Alvarinho 2005 (Branco)Soalheiro Alvarinho 2005 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor citrina e nariz com leves notas de fruta tropical, acompanhados por sugestões de limão e algum fumado, na boca mostra estrutura e uma interessante acidez, está mais citrino que frutado, e termina com um comprimento e persistência médios.
Classificação Pessoal: 15.5
Soalheiro Alvarinho 2008 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Surpreende pela exuberância e pelo perfume de frutos tropicais, de notas florais e de sugestões citrinas, na boca é um vinho com uma excelente acidez, está muito frutado e levemente mineral, num fundo claramente citrino, tem um final longo e muito persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Soalheiro Alvarinho 2008 (Branco)
Soalheiro Alvarinho Primeiras Vinhas 2008 (Branco)Soalheiro Alvarinho Primeiras Vinhas 2008 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Nariz frutado e citrino, num conjunto marcado pela fineza e elegância, durante a prova sobressaiem ainda as notas minerais e uma leve tosta, o um paladar é dominado pela fruta madura e por uma enorme frescura, conta com uma boa acidez e revela um equilíbrio quase que perfeito entre a fruta, os citrinos, a tosta e um certo mineral, o final é prolongado e bem persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta de Soalheiro Reserva Alvarinho 2007 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor amarela muito suave e nariz fino, elegante e rico, em que a tosta e a baunilha estão muito bem integradas com a fruta tropical e um leve toque floral e especiado, na boca é arrasador, mostra um harmonia e um equilíbrio perfeitos, é cremoso e discretamente amanteigado, algo que não se sobrepõe às elegantes notas de fruta madura e a um subtil mineral e citrino, o final é vigoroso e de uma persistência incrível.
Classificação Pessoal: 18
Quinta de Soalheiro Reserva Alvarinho 2007 (Branco)

Etiquetas:

Prova dos Vinhos Fosco (Jul/2009)

No passado dia 24/07/2009, realizei uma Prova dos Vinhos Fosco do produtor alentejano Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 2 vinhos, 1 rosé e 1 tinto.


Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Fosco 2007 (Rosé)Fosco 2007 (Rosé)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda
Álcool: 13%
Enólogo: António Maçanita
Nota de Prova: Apresenta uma cor vermelha algo carregada e um nariz dominado por frutos vermelhos, nomeadamente morangos, tem um paladar equilibrado, fresco e com uma acidez interessante, está ligeiramente menos frutado que no nariz e termina de uma forma agradável e de comprimento algo discreto.
Classificação Pessoal: 15
Fosco 2006 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas:
Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Maçanita
Nota de Prova: Cor rubi intensa, aromas exuberantes de frutos silvestres bem maduros e ligeiro toque de compota, na boca revela um paladar bem agradável, um corpo médio e uma estrutura interessante, a fruta continua bem presente, acompanhada por ligeiras sensações tostadas, trata-se de um vinho equilibrado, com boa acidez e um final médio/longo.
Classificação Pessoal: 15.5
Fosco 2006 (Tinto)

Etiquetas:

Prova do Vinho Niepoort Vintage 2007 (Jul/2009)

No passado dia 14/07/2009, realizei uma Prova do Vinho do Porto Niepoort Vintage 2007 do produtor Niepoort Vinhos.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Dirk Niepoort pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Niepoort Vintage 2007 (Porto)Niepoort Vintage 2007 (Porto)

Região: Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinto Cão, Tinta Francisca, Tinta Amarela, Sousão, Tinta Roriz e Vinhas Velhas
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: Dirk Niepoort
Nota de Prova: Apresenta uma cor forte, de grande concentração no centro e auréola de tonalidade violeta, no nariz dominam os aromas de fruta muito madura, compota e um ligeiro floral, tudo muito jovem e fresco, na boca impressiona pelo seu volume e complexidade, conta com uns taninos cheios de garra mas elegantes conferindo um equilíbrio ao conjunto notável, revela uma enorme capacidade de envelhecimento e tem um final muito prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5

Etiquetas:

Prova de Vinhos Quinta do Crasto na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 10/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação de dois vinhos do produtor Quinta do Crasto do Douro.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 2 vinhos, 1 branco e 1 tinto.


Crasto 2008 (Branco)Crasto 2008 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas:
Gouveio, Roupeiro e Rabigato
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 12.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor pálida e intensos aromas de fruta e algum citrino, na boca revela uma forte acidez acompanhada por uma frescura contagiante, os citrinos estão dominadores, secundados por um vegetal e floral muito ligeiro, o final tem um comprimento médio e uma agradável persistência.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor cheia e nariz exuberante de frutos silvestres acompanhados por um leve toque floral e uma madeira elegante mas discreta, na boca os taninos ainda estão por domar, embora já seja visível a sua complexidade e estrutura, a fruta continua arrebatadora devido à sua juventude, estando acompanhada por uma fina tosta, o final é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
1380 - Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2007 (Tinto)

Etiquetas:

Prova de Vinhos Ronco del Gelso na Delidelux (Jul/2009)

No passado dia 09/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação de alguns vinhos do produtor italiano Ronco del Gelso.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 3 vinhos brancos.


Ronco del Gelso Friulano 2007 (Branco)Ronco del Gelso Friulano 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Friulano
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela com ligeira tonalidade esverdeada, no nariz são dominadoras as notas vegetais e florais, secudandas por alguma fruta madura, na boca aparecem os citrinos a fazer companhia ao floral, num conjunto fresco e muito equilibrado, com boa acidez e estrutura, tem um final seco e com boa persistência.
Classificação Pessoal: 16
Ronco del Gelso Riesling 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Riesling
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: De cor muito pálida e aromas iniciais muito marcados por um intenso apetrolado que lentamente vai dando lugar às notas minerais, na boca apresenta uma acidez mediana e um equilíbrio notório entre a sua componente mineral e as notas vegetais, tem um final médio.
Classificação Pessoal: 14.5
Ronco del Gelso Riesling 2007 (Branco)
Ronco del Gelso Pinot Grigio Sot Lis Rivis 2007 (Branco)Ronco del Gelso Pinot Grigio Sot Lis Rivis 2007 (Branco)

Região: Itália
Castas: Pinot Grigio
Produtor: Ronco del Gelso
Álcool: 13.5%
Enólogo: Giorgio Badin
Nota de Prova: Cor levemente amarela e aromas subtis de notas florais, em conjunto com um leve toque mineral e vegetal, na boca apresenta alguma fruta e uma doçura que não se sobrepõe à sua interessante acidez, corpo mediano de volume e menos expressivo que no nariz, o final é médio.
Classificação Pessoal: 15

Etiquetas:

Prova de Vinhos Quinta das Marias (Jul/2009)

No passado dia 04/07/2009, realizei uma Prova de Vinhos do produtor Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias do Dão.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 3 vinhos tintos.


Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias pela disponibilidade apresentada para com o Blog Os Vinhos.

Quinta das Marias Alfrocheiro 2006 (Tinto)Quinta das Marias Alfrocheiro 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Alfrocheiro
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Apresenta um aroma frutado e muito floral aliado a finas notas de especiarias, o paladar é suave e muito equilibrado, destacando-se a complexidade da fruta em conjunto com a madeira e um ligeiro toque vegetal, é um conjunto marcado pelos taninos bem polidos e por uma estrutura interessante, tem um final médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Quinta das Marias Reserva Cuvée TT 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Apresenta um perfume intenso de notas florais em conjunto com delicadas sugestões de frutos silvestres, na boca mostra um corpo com um volume médio e uma interessante frescura, estrutura e complexidade medianas e fruta madura evidente, a madeira aparece discreta e o final é persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta das Marias Reserva Cuvée TT 2006 (Tinto)
Quinta das Marias Reserva Touriga Nacional 2006 (Tinto)Quinta das Marias Reserva Touriga Nacional 2006 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Nota de Prova: Cor rubi de boa concentração e nariz dominado pelos frutos silvestres maduros, estando secundado por leves notas florais e por uma fina tosta, na boca apresenta um bom volume, é encorpado e conta com uns taninos já bem integrados no conjunto, a sua frescura é marcante e a fruta elegante, tem um final equilibrado e com boa persistência.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas:

Prova de Vinhos Churchill na Delidelux (Jul/2009)


No passado dia 02/07/2009 nas instalações da Garrafeira Delidelux em Lisboa, teve lugar a Apresentação dos vinhos do produtor Churchill do Douro.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 10 vinhos, 1 rosé, 6 tintos e 3 portos.


Churchill Estates Touriga Nacional 2007 (Rosé)Churchill Estates Touriga Nacional 2007 (Rosé)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 13%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor vermelha bem intensa e aromas de fruta vermelha suaves e frescos, sem a exuberância normal dos rosés mostra na boca uma boa acidez, alguma fruta e uma estrutura interessante, é um vinho muito gastronómico, que tem um final ligeiramente seco e um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 15.5
Churchill Estates 2006 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Apresenta uma cor cheia e uma boa concentração, no nariz destaque para as notas florais em conjunto com um elegante toque mineral, aparecendo a fruta madura em segundo plano, na boca é um vinho rico e complexo, onde os taninos ainda mostram a sua garra, a fruta está mais evidente do que no nariz e conta com um final médio/longo muito saboroso.
Classificação Pessoal: 16
Churchill Estates 2006 (Tinto)
1650 - Churchill Estates 2007 (Tinto)Churchill's Estates 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor intensa no centro e bem violeta à volta, no nariz os aromas perfumados florais e de fruto silvestre são dominantes apesar de ainda denotarem grande juventude e complexidade, na boca evidenciam-se os jovens taninos, bem como uma forte predominância de fruta madura em conjunto com leves toques de madeira, é encorpado e estruturado, o final é longo e cheio de garra.
Classificação Pessoal: 16.5
Churchill's Estates Reserva 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Aromas expressivos de notas florais combinadas com elegantes notas de baunilha e tosta e ainda algum fumado, na boca está muito complexo e jovem, claramente marcado pelos vigorosos taninos, durante a prova lá aparece alguma fruta e uma fina especiaria, tem um corpo volumoso e complexo e um final prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Churchill Estates Reserva 2007 (Tinto)
1598 - Churchill Estates Touriga Nacional 2007 (Tinto)Churchill's Estates Touriga Nacional 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor cheia no centro e laivos muito violetas, o nariz inicialmente mostra-se fechado e complexo mas rapidamente exibe toda a sua componente floral, típica da casta, em conjunto com um ligeiro fumado e leves notas de tabaco, no paladar parece outro vinho, mais vivo e rico em complexidade e estrutura, mostra muita bela elegância e um exuberante floral misturado com frutos silvestres e alguma compota, e claro, um ligeiro fumado vindo das barricas, tem um final enorme em termos de persistência.
Classificação Pessoal: 17
Churchill's Estates Grande Reserva 2007 [amostra de casco] (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas e Touriga Nacional
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor opaca e nariz muito perfumado e elegante, fazendo lembrar violetas e amoras silvestres, apesar da sua enorme juventude, pois ainda nem sequer está engarrafado, já mostra um equilíbrio de aromas entre a madeira e a fruta que não passa despercebido, na boca é tudo elegância e frescura, com taninos cheios de garra e uma enorme capacidade de envelhecimento, é um vinho que alia potência à pujança no paladar durante toda a prova, evidenciando um corpo fino, volumoso e muito encorpado, o final é enorme em termos de comprimento e revela uma persistência ímpar.
Classificação Pessoal: 17.5
Churchill Estates Grande Reserva 2007
Quinta da Gricha 2005 (Tinto)Quinta da Gricha 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Apresenta um nariz frutado e muito elegante, onde as notas tostadas da madeira são acompanhadas por um leve perfume floral e um ligeiro toque mineral que enriquece o conjunto, na boca mostra uns taninos bem integrados no conjunto, uma boa estrutura e uma fineza impressionante, estão mais notórias as especiarias apesar de os frutos pretos também marcarem presença, o final é longo e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17
Churchill's White Port (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Malvasia Fina
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 19.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: De cor laranja/atijolada límpida, revela aromas melados e de frutos secos, destacando-se alguma amêndoa, na boca é um vinho fino, delicado e muito equilibrado, aliando a elegância do conjunto à riqueza dos frutos secos, o final é ligeiramente seco mas com uma persistência bem interessante.
Classificação Pessoal: 17
Churchill's White Port (Porto)
Churchill's Tawny 20 Anos (Porto)Churchill's Tawny 20 Anos (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: -
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 19.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor âmbar e nariz rico em finos e delicados frutos secos em conjunto com algum caramelo, na boca o equilíbrio entre a fruta e o doce, bem como a sua elegância e riqueza de sabores, merecem todo o destaque, tem um final autoritário e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Churchill's Vintage 2007 [amostra de casco] (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: -
Produtor: Churchill Graham, Lda
Álcool: 19.5%
Enólogo: John Graham
Nota de Prova: Cor retinta e levemente violácea, apresenta um nariz exuberante, cheio de fruta madura e muita compota, tudo ainda muito "verde", como que a pedir mais tempo em cave de forma a poder equilibrar todos os imensos aromas, na boca é um porto encorpado e estruturado, marcado pela fruta em passa e um ligeiro alicorado, tem um final vivo e bem vigoroso.
Classificação Pessoal: 17.5
Churchill's Vintage 2007 [amostra de casco] (Porto)

Etiquetas:

1088 - Quinta de Cabriz Touriga Nacional 1999 (Tinto)

1088 - Quinta de Cabriz Touriga Nacional 1999 (Tinto)
Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Carlos Lucas e Carlos Moura
Notas de Prova: De tonalidade acastanhada dando notas de uma normal evolução, nariz que ainda mostra aromas complexos, sendo que as notas de couro são dominantes, na boca apresenta uma bela estrutura, algumas especiarias e leves sugestões de "terra", o final é ainda bem persistente e muito agradável, que prazer proporcionou este vinho durante a prova.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Setembro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Março 2001

Rótulo: Com origem na região do Dão, a Touriga Nacional é uma das grandes castas tintas portuguesas a caminho do estrelato nacional. Produz pouco, é muito sensível aos acidentes metereológicos, mas, quando amadurece bem, origina vinhos inimitáveis, plenos de cor e de corpo e com perfil aromático intenso, onde dominam as notas de frutos pretos, plantas silvestres e caruma de pinheiro. Este vinho, feito só com uvas de Touriga Nacional, já se bebe com prazer, mas irá melhorar muito nos próximos 20 anos se for conservado adequadamente. Beba-o a uma temperatura de 16ºC.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 30 de julho de 2009

1087 - Rosé da Peceguina 2007 (Rosé)

1087 - Rosé da Peceguina 2007 (Rosé)
Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês e Touriga Nacional
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Notas de Prova: Cor vermelha com uma boa intensidade, aromas muito frutados, lembrando morangos e cerejas, acompanhados por delicadas sugestões florais, na boca revela frescura e uma acidez correcta, tem um paladar harmonioso e um final ligeiramente doce e de comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2009

Classificação Wine Passion: ..............................15.5
• Data da Revista: Agosto 2008 / Setembro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Maio 2008

Rótulo: Produzido e engarrafado na propriedade a partir das castas Touriga Nacional e Aragonês.

Etiquetas: , , , , ,

terça-feira, 28 de julho de 2009

1086 - Crasto 2007 (Tinto)

1086 - Crasto 2007 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Franca e Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Notas de Prova: Cor intensa e nariz de grande exuberância aromática, frutos silvestres e um rebuçado muito presente, na boca tem um perfil agradável, com uma frescura interessante e leves notas florais que se misturam muito bem com a fruta madura, o final é médio de comprimento e relativamente persistente.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2009

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Agosto 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Fevereiro 2009

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Outubro 2008

Rótulo: Localizada na margem direita do rio Douro, a meia distância entre a Régua e o Pinhão, a Quinta do Crasto já figurava no mapa do Barão de Forrester. Produzido a partir das castas Tinta Roriz, Tinta Barroca, Touriga Franca e Touriga Nacional, este vinho revela um aroma muito vigoroso de frutos vermelhos com boas notas de especiarias. Na boca mostra uma boa estrutura, com taninos firmes e uma acidez equilibrada. Crasto Douro 2007 foi ligeiramente filtrado antes de ser engarrafado em Junho de 2008.

Etiquetas: , , , , , , ,

segunda-feira, 27 de julho de 2009

1085 - Salira Negra Mole 2007 (Rosé)


1085 - Salira Negra Mole 2007 (Rosé)
Região: Regional Algarve
Castas: Negra Mole
Produtor: Adega Cooperativa de Lagoa, CRL
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12%
Enólogo: Manuel Romão
Notas de Prova: Cor delicadamente avermelhada, aromas diferentes de um rosé tradicional, leves notas frutadas e vegetais, na boca domina um herbáceo que confere alguma acidez ao conjunto, final curto e muito suave.



Classificação Pessoal: ......................................13
• Data da Prova: Julho 2008

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 26 de julho de 2009

1084 - O Mouro 2005 (Tinto)


1084 - O Mouro 2005 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonez, Cabernet Sauvignon e Alicante Bouschet
Produtor: Miguel de Orduna Viegas Louro - Quinta do Mouro
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Miguel Viegas Louro e Dirk Niepoort
Notas de Prova: É um vinho com um nariz atractivo, onde a fruta casa muito bem com uma elegante componente vegetal, num estilo directo, fino e com excelente frescura, na boca é revelador de boas sensações, tem uma estrutura marcante, com taninos sólidos mas bem integrados no conjunto, não tanto frutado mas sério e levemente especiado, o final é contagiante e de boa persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2009

Classificação Blue Wine: ...................................16
• Data da Revista: Junho 2008

Rótulo: 6500 Garrafas. Produzido e engarrafado por Miguel de Orduna Viegas Louro. Quinta do Mouro 7100 Estremoz. Produto de Portugal. Para Dirk Niepoort.

Etiquetas: , , , , , , ,

sexta-feira, 24 de julho de 2009

1083 - Pó de Poeira 2006 (Tinto)


1083 - Pó de Poeira 2006 (Tinto)
Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional e Sousão
Produtor: Jorge Moreira
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14%
Enólogo: Jorge Moreira
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi com boa concentração e um nariz fino e elegante, onde os aromas de fruta madura combinam agradavelmente com as notas minerais, tostadas e um certo toque de pimenta preta, na boca é um vinho atractivo, com boa acidez e uma complexidade que impressiona, os taninos revelam macieza, a fruta continua bem presente, tal como a madeira de qualidade, o final é harmonioso, prolongado e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Fevereiro 2011

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Outubro 2008

Classificação Blue Wine: ...................................17
• Data da Revista: Setembro 2008

Rótulo: Nasce no pó, na rudeza e austeridade do Douro. Nasce dos elementos e da vinha. Nasce moldado pelo homem porque acreditamos que um vinho não deve terminar com um ponto de exclamação, deixando sempre questões por responder....

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 22 de julho de 2009

1082 - Quinta do Penedo 2007 (Rosé)

1082 - Quinta do Penedo 2007 (Rosé)
Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola e Comercial dos Vinhos Messias, S. A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Soares
Notas de Prova: Cor vermelha intensa e nariz cheio de notas florais e ligeiros frutos vermelhos, na boca é fresco, tem uma boa acidez e está equilibrado, o final é de médio porte.



Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Agosto 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Novembro 2008

Rótulo: Cor rosada. No aroma, este vinho revela-se muito jovem e fresco com o carácter floral da casta Touriga Nacional bem evidente. É um vinho rosé leve e de acidez fina que prolonga o seu final fresco e agradável.

Etiquetas: , , , , ,

terça-feira, 21 de julho de 2009

1081 - Samos Muscat 2006 (Branco)

1081 - Samos Muscat 2006 (Branco)
Região: Grécia
Castas: Muscat
Produtor: Samos Wine
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 15%
Enólogo: Manolis Tsakalidis
Notas de Prova: Cor amarela bem viva e nariz intensamente dominado por notas meladas e florais, na boca revela uma bela complexidade e um corpo volumoso, cheio de notas de mel e com um final persistente.



Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Setembro 2011

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2008

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Março 2008

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 20 de julho de 2009

1080 - Herdade do Meio Homenagem 2004 (Tinto)

1080 - Herdade do Meio Homenagem 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Cabernet Sauvignon e Syrah
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Cor cheia de concentração e auréola de um violeta brilhante, o nariz está elegante, sendo dominado pelas notas florais e frutos silvestres, bem acompanhadas por um suave abaunilhado, na boca mostra finura e equilíbrio, volume e estrutura médias, frutado e com uma acidez interessante, o final é persistente e de comprimento acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Maio 2009

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Fevereiro 2009

Rótulo: Homenagem é um vinho de qualidade superior, produzido a partir de uma selecção de castas Cabernet Sauvignon e Syrah. Foi vinificado em balseiros de madeira com curtimenta completa e submetido a um estágio de 12 meses em carvalho francês e americano e 24 meses em garrafa. Apresenta-se de cor ruby intenso, aroma a frutos vermelhos maduros, compota e especiarias. Sabor frutado, abaunilhado, mostra taninos macios, excelente estrutura e final longo, revelando toda a sua nobreza. Especialmente recomendado para acompanhar pratos de carne e queijos.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 19 de julho de 2009

1079 - Herdade do Meio Virtuus 2004 (Tinto)

1079 - Herdade do Meio Virtuus 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet e Pinot Noir
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Cor granada e aromas algo complexos, destacando-se uma componente vegetal bem interligada com a fruta e madeira resultando num conjunto diferente mas apelativo, no paladar tem uma boa estrutura e as especiarias são bem mais visíveis, tem uma prova macia e levemente apimentada, boa frescura e volume mediano, o final é agradável.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Novembro 2008

Rótulo: Virtuus é produzido a partir de uma selecção de uvas de castas tradicionais alentejanas. Foi vinificado em lagares com curtimenta completa e submetido a um estágio de 12 meses em carvalho francês e americano e 12 meses em garrafa. Generoso na estrutura e com uma suave acidez, apresenta um aroma raro e distinto.

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 17 de julho de 2009

1078 - Herdade do Meio Garrafeira 2004 (Tinto)


1078 - Herdade do Meio Garrafeira 2004 (Tinto)
Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira, Aragonez, Alicante Bouschet e Castelão
Produtor: Herdade do Meio - Casa Agrícola João & António Pombo, Lda
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14%
Enólogo: António Saramago
Notas de Prova: Cor bem carregada, aromas intensos de fruta muito madura, acompanhados por um delicado vegetal e notas de especiarias bem vincadas, como o cacau, na boca mostra uns taninos ainda muito evidentes, claramente a pedirem garrafa para amaciarem, frutos negros e compota dominam a prova, detacando-se ainda um ligeiro chocolate, é bem encorpado e tem uma estrutura e um volume assinaláveis, o final é longo e muito persistente.

Classificação Pessoal: ......................................