• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4220)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3483)

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

2549 - Quinta Morena Reserva 2008 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Quinta Morena, Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Artur Rodrigues
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi de laivos avermelhados e um nariz floral misturado com delicadas sugestões de fruta vermelha e um leve sensação a madeira, na boca é um vinho correcto, equilibrado e de estrutura e volume médios, o paladar revela fruta vermelha e o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianos.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2012

Rótulo: Produzido a partir das uvas da Quinta Morena. Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca. Vinificado em lagares tradicionais. 2 anos de estágio.

Etiquetas: , , , , , , ,

2548 - Fronteira 2010 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Quinta da Fronteira - Companhia das Quintas
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Corrêa e Jorge Serôdio Borges
Notas de Prova: Cor rubi de tonalidade e laivos avermelhados, o nariz revela agradáveis e frescas notas de frutos vermelhos acompanhados por um ligeiro toque floral, na boca é um vinho equilibrado, de estrutura e volume médios e uma acidez correcta, o paladar continua frutado e o final de boca tem um comprimento e persistência medianos.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Maio 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Julho 2012

Rótulo: Utilizando vinhas próprias e as castas tradicionais do Douro, das quais se destacam a Touriga Nacional e a Touriga Franca, criámos este vinho extremamente elegante e rico aromaticamente. O leve estágio em carvalho francês permitiu atingir um equilíbrio notável tornando este vinho bastante versátil para a gastronomia.

Etiquetas: , , , , , ,

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

2547 - DFE Premium 2007 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz e outras
Produtor: Douro Family Estates
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: 2PR
Notas de Prova: Cor rubi de agradável intensidade e nariz rico em notas florais aliadas a evidentes sugestões de frutos silvestres e um delicado toque de barrica, algo balsâmico até, na boca é um vinho guloso, relativamente encorpado e de volume médio, conta com um paladar muito frutado, floral e bem marcado pela barrica, o final de boca tem um comprimento e persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Maio 2010

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , ,

Prova de Vinhos na Quinta do Vale Meão - Parte II (Set/2012)


No passado dia 30/09/2012, foi organizada uma visita e Prova de Vinhos à Quinta do Vale Meão pelo Rui Lourenço Pereira, através da Quinta Wine Guide.


Na 2ª parte deste Evento, teve lugar uma Prova vertical do vinho Meandro do Vale Meão, desde a sua 1ª colheita de 1999 até ao no de 2006, bem como a nova colheita de 2010.

Prova comentada por Francisco Olazabal.


Meandro do Vale Meão 1999 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Amarela e Tinta Roriz
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor granada de media intensidade e nariz bem preenchido por notas de couro, alguma fruta em passa e um ligeiro toque de madeira velha, na boca revela uma evolução bem presente e conta com uns taninos já muito polidos, no paladar ainda conta com alguma fruta preta e um delicado terroso e couro, o final de boca tem um comprimento e persistência medianos.
Classificação Pessoal: 15.5
Meandro do Vale Meão 2000 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi no centro e um delicada auréola de tonalidade granada, no nariz sobressai o seu lado mais vegetal e floral, face às delicadas notas de couro e a um certo toque especiado, na boca é um vinho equilibrado, com uma agradável acidez e um volume bem interessante, o paladar revela-se frutado, com a madeira bem integrada e apoiada e delicadas notas vegetais, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Meandro do Vale Meão 2001 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Francesa e Tinta Barroca
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Apresenta uma cor intensa de forte tonalidade granada, o nariz revela notas de couro, delicadas ervas secas e uma fruta madura envolvida em notas de diversas especiarias, na boca é um vinho equilibrado, ligeiramente evoluído e com taninos macios, no paladar destaca-se a fruta madura e um leve toque apimentado, o final de boca tem um comprimento e persistência médios/longos.
Classificação Pessoal: 16
Meandro do Vale Meão 2002 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 15%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi intensa de tonalidade granada e nariz delicado, onde as notas de fruta vermelha superam o seu lado mais vegetal e ligeiramente químico, num fundo mais especiado e tostado, na boca é um vinho austero mas equilibrado, com taninos bem presentes e um paladar dominado pelas notas de vegetal seco e alguma fruta madura, o final de boca tem um comprimento e persistência medianos.
Classificação Pessoal: 15.5
958 - Meandro do Vale Meão 2003 (Tinto)Meandro do Vale Meão 2003 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor granada intensa no centro e laivos avermelhados, o nariz revela-se muito frutado e especiado, ganhando complexidade com uma ligeira nuance terrosa, algumas especiarias e ainda um subtil toque tostado, na boca é um vinho com bom volume e estrutura intensa, conta com uns taninos firmes e um paladar dominado pelas notas de fruta preta madura, alguma pimenta e um leve toque de barrica, o final de boca tem um comprimento mediado e uma persistência acima da média.
Classificação Pessoal: 16
Meandro do Vale Meão 2004 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinta Barroca e Tinta Amarela
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Apresenta uma cor intensa, de tonalidade rubi/avioletada, o nariz revela interessantes notas de especiarias e fruta negra, bem como um delicado toque vegetal seco e também alguma pimenta, na boca é um vinho cheio, encorpado e volumoso, conta com um paladar cheio de fruta preta, notas de couro, especiarias e barrica, revela uma ligeira secura e uma certa juventude, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
513 - Meandro do Vale Meão 2004 (Tinto)
868 - Meandro do Vale Meão 2005 (Tinto)Meandro do Vale Meão 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Barroca e Tinta Amarela
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz rico em fruta vermelha madura, muito elegante e agradavelmente misturada com delicadas notas florais e vegetais, num fundo mais tostado, especiado e fumado, na boca é um vinho volumoso, estruturado, encorpado e muito frutado, conta com uns taninos redondos mas ao mesmo revelam alguma solidez, o paladar além de frutado, conta com delicadas notas de barrica, terminando de uma forma prolongada e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Meandro do Vale Meão 2006 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Barroca e Tinta Amarela
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade e laivos avermelhados, o nariz revela notas de fruta madura acompanhadas por um ligeiro toque floral e diversas especiarias, na boca é um vinho equilibrado, com uma estrutura média e um volume correcto, conta com um paladar frutado e especiado, algo vegetal e ligeiramente tostado, o final de boca tem um comprimento médio e uma persistência delicada.
Classificação Pessoal: 15.5
1065 - Meandro do Vale Meão 2006 (Tinto)
Meandro do Vale Meão 2010 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Sousão, Tinta Barroca e Tinto Cão
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi carregada e nariz dominado pela fruta vermelha fresca, um delicado floral e breves notas vegetais e especiadas, na boca é um vinho encorpado, vivo, com uma acidez agradável e um paladar dominado pela fruta madura e por uma ligeira sensação especiada, o final de boca tem um comprimento e persistência acima da média.
Classificação Pessoal: 16

Etiquetas:

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

2546 - Dolium Reserva 2004 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês e Trincadeira
Produtor: Paulo Laureano Vinus, Lda
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Laureano
Notas de Prova: Apresenta uma cor granada de média intensidade no centro e auréola de tonalidade acastanhada, o nariz revela notas de fruta madura e sugestões vegetais, bem acompanhadas por um ligeiro toque de barrica e também por um certo couro, na boca revela uma ligeira evolução e conta com uma agradável estrutura e complexidade, o paladar denota ainda uma bela dose de fruta e delicadas especiarias, terminando com um comprimento médio/longo e uma persistência interessante.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Revista: Julho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Dezembro 2004

Rótulo: Acredito nas nossas castas, nas suas cores, nos seus aromas e sabores, por isso elegi-as como suporte dos meus vinhos. A minha aposta é desenhar vinhos exclusivamente com castas portuguesas, vinhos feitos com o que é nosso, aquilo que todos nos orgulhamos. Paulo Laureano. Dolium Reserva 2004 é um lote de Aragonês e Trincadeira proveniente da nossa vinha de Vale da Torre. Uvas de elevada concentração, que após 18 meses de estágio em barrica, deram origem a um vinho que transmite fulgor, prazer e elegância.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

2545 - Domaine des Bosquets Gigondas 2007 (Tinto)



Região: França
Castas: Cinsault, Mourvèdre, Grenache e Syrah
Produtor: Famille Brechet
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 15%
Enólogo: Philippe Cambie
Notas de Prova: Apresenta uma bonita cor de tonalidade vermelha brilhante, o nariz revela sedutores aromas de fruta madura envolvidos em notas florais, num leve toque vegetal e ainda em suaves especiarias que, em conjunto com a subtil barrica, formam um conjunto fresco e ao mesmo tempo complexo, na boca é um vinho volumoso, estruturado e cheio, conta com uns taninos aguerridos mas ao mesmo tempo macios e um paladar dominado pela fruta preta madura e por delicadas notas especiadas, o final de boca é longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Agosto 2012

Rótulo: La Famille Bréchet, vignerons depuis 5 générations dans le sud de la Vallée du Rhône, travaille des sols exceptionnels pour produire des vins de caractère, exprimant ainsi la richesse d'un grand terroir.

Etiquetas: , , , , , , ,

domingo, 24 de fevereiro de 2013

2544 - Herdade Fonte Paredes Reserva 2007 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Alicante Bouschet e Syrah
Produtor: Herdade Fonte Paredes, SAG Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Apresenta uma cor de tonalidade granada e um nariz vegetal e frutado, bem como ligeiramente apimentado e especiado, sinalizando já alguma evolução, na boca é um vinho correcto, com taninos redondos e estrutura simples, o paladar revela alguma fruta vermelha madura e um leve toque vegetal seco, terminando com um comprimento médio e uma persistência pouco expressiva.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Abril 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Dezembro 2010

Rótulo: Vinificado com as melhores uvas das castas Touriga Nacional, Alicante Bouschet e Syrah, provenientes dos melhores talhões da herdade este vinho fermentou em balseiro de carvalho Francês à temperatura de 25ºc durante 12 dias. O estágio decorreu em barricas de 225 litros de carvalho Francês Allier (70%) e carvalho Americano (30%) durante 12 meses. Acompanha bem pratos de carnes vermelhas e queijos de pasta mole. Para não alterar o potencial de evolução deste vinho não efectuámos qualquer filtração ou estabilização, pelo que o mesmo está sujeito a criar ligeiro sedimento natural. Deve ser servido à temperatura de 18ºC. Garrafa nº 05621 de 24.000.

Etiquetas: , , , , , ,

Prova de Vinhos na Quinta do Vale Meão - Parte I (Set/2012)


No passado dia 30/09/2012, foi organizada uma visita e Prova de Vinhos à Quinta do Vale Meão pelo Rui Lourenço Pereira, através da Quinta Wine Guide.


Na 1ª parte deste Evento, foram provados 8 vinhos, 6 tintos e 2 portos.

Prova comentada por Francisco Olazabal.


Tinta Amarela 2008 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Amarela
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: -%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi de mediana concentração e nariz fresco, onde as notas de ervas secas e alguma fruta vermelha madura formam um conjunto agradável, na boca revela notas vegetais acompanhadas por delicadas especiarias, onde se destaca a pimenta, revela uns taninos firmes e um volume médio, o final de boca é ligeiramente seco e conta com um comprimento e persistência agradáveis.
Classificação Pessoal: 15.5
Tinta Roriz 2008 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: -%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e auréola de tonalidade violácea, o nariz revela exuberantes notas florais acompanhadas pela fruta madura e por um delicado toque vegetal e ligeiramente especiado, na boca revela um volume agradável, uns taninos firmes e uma estrutura bem presente, na boca é um vinho frutado e delicadamente vegetal, o final de boca é relativamente prolongado e algo seco.
Classificação Pessoal: 16
Syrah 2008 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Syrah
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: -%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Apresenta uma cor intensa e concentrada com laivos de tonalidade violeta, o nariz revela frescas notas de fruta madura misturadas com um leve toque floral e vegetal, na boca é um vinho que revela elegãncia, concentração e volume, conta com um paladar cheio de fruta, envolvida em notas vegetais e delicadas especiarias, o final é muito prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Touriga Nacional 2009 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: -%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi intensa, quase opaca no centro e um delicado rebordo violáceo brilhante, o nariz revela uma imensa frescura e elegância, onde se destacam claramente as notas florais, envolvidas nos frutos silvestres e em delicadas sugestões de barrica, na boca é um vinho volumoso, harmonioso e estruturado, conta com um paladar vegetal, algo herbáceo até, além de frutado e floral, num fundo mais especiado e tostado, o final de boca é prolongado e muito persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Touriga Nacional 2010 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: -%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi de média intensidade e concentração, no nariz destacam-se as elegantes notas florais, bem como um toque mais vegetal que frutado e ainda delicadas notas especiadas, na boca é um vinho fresco, com taninos bem presentes e um volume acima da média, revela um paladar muito vegetal e floral, secundado por diversas sugestões de fruta madura, o final de boca tem um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Quinta do Vale Meão 2010 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Barroca e Tinto Cão
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor opaca no centro e uma fina auréola de tonalidade violeta, o nariz revela finos e elegantes aromas florais envolvidos em diversos frutos pretos, tudo muito bem integrado com a barrica e com um leve toque fumado e tostado, na boca é um vinho volumoso e encorpado, além de guloso e sedutor, conta com um paladar cremoso, agradavelmente preenchido pela fruta madura e por um delicado toque vegetal, embora a madeira ainda esteja bem presente, devido à sua tenra idade, o final de boca é longo.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Vale Meão Vintage 2000 (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Barroca, Tinta Amarela, Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional, Sousão e Tinto Cão
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 20%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor rubi carregada e nariz muito elegante, onde as notas de fruta vermelha madura, nomeadamente cerejas e um delicado toque fumado e mineral, formam um conjunto atractivo e complexo, na boca revela ainda uma interessante frescura e juventude, revelando um paladar frutado, equilibrado, elegante e encorpado, conta com uns taninos ligeiramente polidos e um final de boca prolongado.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Vale Meão Vintage 2008 (Porto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Barroca, Tinta Amarela, Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional, Sousão e Tinto Cão
Produtor: Francisco Olazabal & Filhos, Lda
Álcool: 19.5%
Enólogo: Francisco Olazabal
Nota de Prova: Cor opaca no centro e delicada auréola de tonalidade rubi/avioletada, o nariz revela-se bastante complexo, apenas após algum tempo é que aparecem delicadas notas vegetais, frutos silvestres e ainda um leve toque floral, num fundo mais mineral, na boca revela uma certa austeridade, claramente a pedir tempo em garrafa, no paladar destaca-se a fruta preta, um leve toque vegetal e ainda delicadas notas especiadas e minerais, final é longo e relativamente seco.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

sábado, 23 de fevereiro de 2013

2543 - Quinta da Sequeira Reserva 2003 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Amarela e Tinta Barroca
Produtor: Mário Jorge Eugénio Monteiro Cardoso - Quinta da Sequeira
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14%
Enólogo: Jorge Sousa Pinto
Notas de Prova: Apresenta uma cor de tonalidade granada e um nariz marcado pelas notas de fruta bem madura, um ligeiro toque de couro e também madeira velha, na boca é um vinho com raça, taninos firmes e estrutura mediana, o paladar revela fruta e uma bela dose de especiarias, terminando de forma mediana, que em termos de comprimento, quer na persistência.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2012

Classificação Wine Passion: ..............................16.9
• Data da Revista: Fevereiro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Outubro 2007

Classificação Wine Passion: ..............................17
• Data da Revista: Julho 2007

Classificação Blue Wine: ...................................16
• Data da Revista: Maio 2007

Classificação Wine Passion: ..............................17
• Data da Revista: Abril 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Março 2007

Rótulo: A Quinta da Sequeira localiza-se no Concelho de Vila Nova de Foz Côa, em pleno Douro Superior. Pertence à mesma família há várias gerações, e desde 1899 vinifica as suas próprias uvas. A experiência acumulada proporcionou à actual geração um invulgar conhecimento, que aliado às mais recentes tecnologias e rigor, permitiram com uma criteriosa selecção de uvas, a produção do Quinta da Sequeira. Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinta Amarela e Tinta Barroca. Estágio: Dez meses em barricas de carvalho francês e seis meses em garrafa. Prova: De cor vermelha intensa, muito concentrado no nariz, com notas de madeira associada a frutos vermelhos compotados, apresenta uma boca equilibrada de taninos firmes mas domados, resultando um vinho harmonioso. A fim de serem mantidas todas as suas características, este vinho não foi sujeito a qualquer operação de filtração ou estabilização, pelo que é natural a formação de depósito, devendo ser decantado trinta minutos antes de servir. Consumo: Servir a uma temperatura de 18ºC. Gastronomia: Todo o tipo de carnes vermelhas, bem como tábua de queijos.Enólogo: Jorge Sousa Pinto. Foram produzidas 5.866 garrafas, cabendo a esta o número 5.134.

Etiquetas: , , , , , , , ,

2542 - Ouzado 2009 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Arinto, Antão Vaz e Chardonnay
Produtor: Sociedade Agrícola Gabriel Francisco Dias & Filhos, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13%
Enólogo: João Melícias e Jorge Páscoa
Notas de Prova: Cor amarela brilhante e nariz marcado pelos aromas de fruta tropical madura, um ligeiro citrino e uma sensação tostada bem evidente, na boca é um vinho frutado, com uma acidez interessante e um volume mediano, releva um paladar frutado e ligeiramente especiado, terminando com um comprimento e persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Setembro 2010

Rótulo: A Ousadia: Um branco com batonnage… As Castas: Arinto, Antão Vaz e Chardonnay. A Batonnage: 6 meses em barricas de carvalho francês. Os Enólogos: Anselmo Mendes, Diogo Lopes e Teresa Metelo Dias. O Rótulo: João Dias. Até à próxima Ousadia…

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

2541 - Dolium Selectio Trincadeira 2004 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Trincadeira
Produtor: Paulo Laureano Vinus, Lda
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Laureano
Notas de Prova: De cor granada intensa, conta com um nariz algo terroso, que faz lembrar aromas de fruta madura e compota, apoiadas em diversas especiarias, bem como num certo apimentado e achocolatado, num fundo mais tostado e até torrado, na boca é um vinho intenso, cheio de garra e com uns taninos já polidos, a fruta e as especiarias dominam um paladar apoiado em notas de café e cacau, sendo que o final de boca conta com um comprimento e persistência médios/longos.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Revista: Maio 2012

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Revista: Fevereiro 2007

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Outubro 2006

Rótulo: Trincadeira é claramente uma das castas mais bem adaptadas ao clima Alentejano, mas é muito mais do que isso, é um momento de prazer. Paulo Laureano Enólogo.

Etiquetas: , , , , ,

2540 - Herdade Grande Colheita Seleccionada 2001 (Tinto)


Região: Regional Alentejo
Castas: -
Produtor: Herdade Grande - António Manuel Lança
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luís Duarte
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa no centro e uma auréola de tonalidade avermelhada, no nariz são notórios os aromas de fruta preta, bem como suaves especiarias, um ligeiro toque de vegetal seco e ainda um delicado achocolatado, num fundo algo balsâmico e onde a barrica se mostra subtil, na boca é um vinho muito equilibrado e redondo, com a fruta bem casada com as notas de barrica, revela um volume correcto e uma elegância muito interessante durante toda a prova, terminando de uma forma relativamente prolongada e com uma bela persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Abril 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Setembro 2003

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Setembro 2002

Rótulo: Vinho com boa concentração de cor, aroma intenso e cheio de fruta madura (cereja e ginja), fresco e vibrante no estilo. Boca com muitos bons taninos, fruto envolto por boa tosta e baunilha de barrica, elegante e com poder, termina longo. Mostra capacidade para evoluir em garrafa. Beba-se à temperatura média de 18ºC. O produtor e o enólogo.

Etiquetas: , , ,

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

2539 - Quinta da Ponte Pedrinha Touriga Nacional 2007 (Tinto)



Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Maria de Lourdes Mendes Oliva Nunes Osório
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Catarina Simões e Lafaette Agra
Notas de Prova: Apresenta uma bonita cor rubi de grande concentração, o nariz surpreende pela elegância e envolvência das notas florais, misturadas com os frutos silvestres e por um ligeiro toque vegetal, na boca é um vinho equilibrado, muito frutado e com taninos sedosos e redondos, o final de boca tem um comprimento médio e uma persistência média/longa.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2012

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .18.5
• Data da Revista: Janeiro 2015 / Março 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Julho 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15.5
• Data da Revista: Junho 2012 / Julho 2012

Rótulo: Uma homenagem à nossa casta, que tanta alegria nos deu ao acompanhá-la em todas as suas fases. Um brinde ao Dão!

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

2538 - Churchill's Estates Grande Reserva 2009 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinto Cão, Tinta Francisca e Vinhas Velhas
Produtor: Churchill Graham, Lda
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14.5%
Enólogo: John Graham
Notas de Prova: Cor rubi intensa, muito concentrada no centro e um leve rebordo de tonalidade violeta à volta, no nariz destacam-se os aromas de fruta madura, muito bem envolvida com delicadas notas florais e sugestivas especiarias, num fundo mais mineral e onde a barrica revela elegância, na boca é um vinho encorpado, com taninos finos e um paladar cheio de fruta negra, notas vegetais e pimenta, entre outras especiarias, além de um toque de barrica bem presente, o final de boca é prolongado e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Março 2016

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Fevereiro 2014

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Abril 2016 / Julho 2016

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Dezembro 2012

Rótulo: Uma selecção cuidada de uvas das nossas vinhas velhas no Douro. Este vinho, após estágio de 12 meses em barricas novas de carvalho francês, apresenta-se poderoso e concentrado, cheio e com taninos firmes, evidenciando um excelente potencial de envelhecimento em garrafa. Recomendamos que decante este vinho antes de servir. Temperatura recomendada: 16-18ºC.

Etiquetas: , , , , , , , , ,

Prova de Vinhos Vale da Mata (Dez/2012)


No passado dia 20/12/2012, realizei uma Prova dos dois Vinhos tintos, da região de Lisboa, pertencentes ao portfolio do produtor Herdade do Rocim.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Herdade do Rocim pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Vale da Mata 2009 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas: Aragonez, Syrah e Touriga Nacional
Produtor: Herdade do Rocim
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Ventura e Catarina Vieira
Nota de Prova: Cor de bonita tonalidade rubi e nariz marcado pela frescura e pelos aromas de fruta preta e do bosque, bem como delicadas notas florais e um ligeiro toque vegetal, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e um volume médio, o paladar é guloso e envolvente, revelando-se cheio de fruta e delicadas notas especiadas e até achocolatadas, o final de boca é relativamente prolongado e conta com uma persistência média.
Classificação Pessoal: 16
Vale da Mata Reserva 2009 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas: Syrah e Touriga Nacional
Produtor: Herdade do Rocim
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura e Catarina Vieira
Nota de Prova: Cor rubi intensa e concentrada, o nariz revela perfumadas notas florais e de fruta vermelha madura, misturadas com delicadas sugestões de baunilha e um leve toque balsâmico, na boca é um vinho envolvente e harmonioso, com um corpo cheio e uma estrutura bem presente, no paladar destacam-se os frutos silvestres, bem como delicadas nuances tostadas e apimentadas, num fundo levemente achocolatado, o final de boca é prolongado e agradavelmente persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

2537 - Amelia Chardonnay 2009 (Branco)



Região: Chile
Castas: Chardonnay
Produtor: Viña Concha y Toro S.A.
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Marcelo Papa
Notas de Prova: Cor amarela intensa e nariz muito elegante, com delicadas notas florais, fruta madura e um ligeiro toque fumado e especiado, tudo muito harmonioso e sedutor, na boca é um vinho gordo e amanteigado, tipicamente Chardonnay, revela-se ligeiramente seco e conta com uma estrutura bem vincada, bem como uma bela acidez, o paladar é muito frutado, especiado e envolvente, além de volumoso e rico em notas de barrica muito elegantes, o final é longo e persistente, sendo agradavelmente marcado por uma suave mineralidade.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Janeiro 2013

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Junho 2012

Rótulo: Amelia, the coastal influence Chardonnay, encapsulates the finest selection of hand-picked grapes from Casablanca's El Triangulo vineyard. A small proportion of Limarí Valley fruit enriches acidity and mineralness in a singular, elegant and complex wine revealing the perfect harmony achieved between terroir and a natural approach to winemaking.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

2536 - Meruge 2005 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz e outras
Produtor: Lavradores de Feitoria, Vinhos de Quinta S.A.
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Ruão
Notas de Prova: Cor granada intensa no centro e auréola avermelhada, o nariz revela notas de fruta vermelha madura envolvidas em delicadas sugestões minerais e apimentadas, com a barrica a conferir alguma complexidade, num fundo cheio de couro e um delicado toque fumado, na boca é um vinho delicado, ligeiramente evoluído e com taninos polidos, revela um corpo estruturado e volumoso, contando com um paladar frutado e especiado, o final de boca tem um comprimento e persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Janeiro 2013

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Fevereiro 2010

Classificação Blue Wine: ...................................17
• Data da Revista: Março 2008

Rótulo: A Lavradores de Feitoria reúne as novas gerações do Douro: vitivinicultores, proprietários de quintas nas três sub-regiões e profissionais de enologia, marketing e gestão.

Etiquetas: , , , , , ,

domingo, 17 de fevereiro de 2013

2535 - Maria Mora Reserva 2009 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet
Produtor: Magnum - Carlos Lucas, Vinhos Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: Carlos Lucas
Notas de Prova: Cor rubi de média concentração e nariz agradavelmente preenchido por notas de fruta vermelha madura e um delicado toque floral, num fundo mais especiado e tostado, na boca é um vinho equilibrado e redondo, com a fruta a dominar claramente o paladar, terminando com um comprimento médio e uma persistência relativamente discreta.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Maio 2012

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Dezembro 2013 / Setembro 2014

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Janeiro 2013 / Fevereiro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Maio 2012

Rótulo: Maria Mora é elaborado com as castas Syrah, Touriga Nacional e Alicante Bouschet, com um estágio de 9 meses em barricas de carvalho francês. É um vinho distinto que conjuga sugestões de amoras, cacau e leves notas tostadas. Na boca é apresenta um excelente volume, complexidade e um final longo e sedoso. Um verdadeiro Alentejano! Ilustração de Manuel Ribeiro de Paiva (1907-1957). Pintor e ilustrador Neo-Realista de Mora.

Etiquetas: , , , , , ,

Prova do Vinho branco Ponte Romana 2010 (Out/2012)


No passado dia 18/10/2012, realizei uma Prova do vinho branco Ponte Romana 2010 do produtor Adega Cooperativa de Pinhel, C. R. L. das Beiras.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento à Distribuidora ViniParra pelo interesse demonstrado em divulgar este vinho no Blog Os Vinhos.

Ponte Romana 2010 (Branco)

Região: DOC Beiras
Castas: Síria, Fonte Cal e Arinto
Produtor: Adega Cooperativa de Pinhel, C. R. L.
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Ribeiro e Carlos Silva
Nota de Prova: Cor amarela citrina e nariz marcado pelas notas cítricas, florais e também por um leve frutado e uma certa mineralidade, na boca é um vinho fácil e correcto, com uma acidez mediana e uma frescura bem presente, conta com um paladar mais frutado e limonado que mineral e um final de boca de comprimento e persistência breves.
Classificação Pessoal: 14.5

Etiquetas:

sábado, 16 de fevereiro de 2013

2534 - Chateau L'Hospitalet La Reserve La Clape 2009 (Tinto)



Região: França
Castas: Syrah, Mourvèdre e Grenache
Produtor: Gérard Bertrand
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Gérard Bertrand
Notas de Prova: Cor granada intensa e nariz rico em notas de fruta madura, especiarias, madeira e um ligeiro toque resinoso e de café, na boca é um vinho com estrutura, taninos firmes e um corpo cheio, o paladar apresenta uma agradável dose de fruta preta e notas especiadas, terminando com um final de boca de comprimento médio/longo e persistêcia correcta.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Outubro 2012

Rótulo: Elevée sur un terroir légendaire de calcaire fissuré sur les hauts du Massif de la Clape surplombant la Méditerranée, la cuvée Réserve est composée de Syrah (40%), Mourvèdre (30%) et Grenache (30%). Vin complexe et aromatique, il a fait lobjet de soins attentifs: rendements modérés, conduite raisonnée du vignoble, vinification traditionnelle séparée des cépages et élevage sous bois de 12 mois. Ce cru peut être dégusté dès maintenant, et dans les 10/12 ans à venir. Carafage recommandé dans le deux heures avant le service à 17-18ºC.

Etiquetas: , , , , , ,

2533 - Quinta da Gricha 2007 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Touriga Nacional, Tinto Cão, Tinta Roriz e Tinta Francisca
Produtor: Churchill Graham, Lda
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14.5%
Enólogo: John Graham
Notas de Prova: Cor praticamente opaca no centro, o nariz revela fruta negra e delicadas notas achocolatas, envolvidas em sugestivas sensações florais e minerais, tudo muito elegante e harmonioso, na boca é um vinho profundo, encorpado e muito volumoso, conta com uns taninos firmes e um paladar dominado pela fruta preta, alguma compota e elegantes notas de barrica, o final de boca é longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Novembro 2009

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Agosto 2009

Rótulo: Situada na margem esquerda do rio Douro entre Pinhão e Tua, a Quinta da Gricha foi estabelecida em 1852. São as qualidades minerais do solo e o microclima da Quinta que dão aos vinhos da Quinta da Gricha um carácter tão individual, distinto e elegante. Recomendamos que decante este vinho antes de servir. Temperatura recomenda: 16-18ºC. This bottle is one of a limited number of 7200 bottles produced. Bottle number: 0716.

Etiquetas: , , , , , , , ,

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2013

2532 - Quinta da Mimosa 2008 (Tinto)



Região: DOC Península de Setúbal
Castas: Castelão
Produtor: Casa Ermelinda Freitas
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi carregada no centro e uma delicada auréola de tonalidade avermelhada, o nariz revela notas de fruta vermelha madura combinadas com atractivas e algo gulosas notas de baunilha e talvez chocolate, bem como diversas sugestões de especiarias, na boca é um vinho equilibrado, com estrutura média e acidez correcta, os taninos revelam alguma firmeza e o paladar é bem composto, quer pela fruta madura, quer pelas notas de barrica e um leve toque terroso, termina com um comprimento e persistência médio/longos.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Revista: Maio 2012

Rótulo: Proveniente de vinhas velhas de Fernando Pó implantadas em chão de areia, este Castelão ilustra bem o que procuramos obter com os nossos vinhos. Trata-se de um vinho intenso, rico e concentrado com um estágio em carvalho francês que lhe confere elegância, tornando o conjunto muito agradável para ser degustado em boa companhia conjugado com pratos igualmente intensos mas elegantes. Deverá ser servido a 16-18ºC. Guardar por um período máximo de 7 anos. Conservar em local fresco, não húmido com garrafa deitada.

Etiquetas: , , , , ,

2531 - Terra d'Alter Reserva 2010 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier, Arinto e Verdelho
Produtor: Terras de Alter, Companhia dos Vinhos, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Peter Bright
Notas de Prova: Cor amarela com alguma intensidade e nariz dominado pelas notas de fruta tropical aliadas a um leve toque abaunilhado e até especiado, na boca é um vinho agradavelmente estruturado, com uma acidez interessante e um paladar marcado pelas notas de fruta, um certo mineral e ainda um evidente toque de citrinos bem maduros, o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianos.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15.5
• Data da Revista: Agosto 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16
• Data da Revista: Junho 2012 / Julho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Maio 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Março 2012

Rótulo: As castas Viognier e Arinto foram parcialmente co-fermentadas e estagiadas em barricas de carvalho até ao início da Primavera. O vinho resultante revela fragâncias a fruta madura, um paladar rico e um final fresco e prolongado. Enólogo: Peter Bright.

Etiquetas: , , , , , ,

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

2530 - Terra d'Alter Verdelho 2011 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Verdelho
Produtor: Terras de Alter, Companhia dos Vinhos, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Peter Bright
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarelo pálido com ligeiros apontamentos esverdeados, o nariz revela frescos e perfumados aromas cítricos, maracujá e um certo toque vegetal, na boca é um vinho equilibrado, de estrutura mediana e acidez correcta, o paladar revela notas citrinas e alguma fruta tropical, o final de boca tem um comprimento e persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Abril 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............14.5
• Data da Revista: Junho 2012 / Julho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Maio 2012

Rótulo: Verdelho é comprovadamente uma das melhores castas brancas portuguesas, com aroma de melão e maracujá, palato complexo, acidez revigorante e sabor a citrinos frescos no final. Enólogo: Peter Bright.

Etiquetas: , , , , ,

2529 - Terra d'Alter 2011 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Arinto, Roupeiro, Verdelho e Viognier
Produtor: Terras de Alter, Companhia dos Vinhos, Lda
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Peter Bright
Notas de Prova: Cor citrina e nariz relativamente fresco, com os aromas florais e cítricos a combinarem agradavelmente com alguma fruta tropical, na boca é um vinho fácil, com uma acidez presente e um paladar frutado e suavemente limonado, o final de boca é curto, quer em termos de comprimento, quer em persistência.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Dezembro 2012

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Abril 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............13.5
• Data da Revista: Agosto 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Maio 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................14.5
• Data da Revista: Abril 2012

Rótulo: Elaborado a partir de castas tradicionais Portuguesas, originando este vinho pleno de sabor e personalidade, As uvas foram colhidas no ponto óptimo da sua maturação analitica e aromática sendo em seguida esmagadas e prensadas a frio. O mosto obtido repousou 48 horas, seguindo-se uma fermentação durante 20 dias a 12-14ºC. O vinho foi mantido em contacto com as borras finas durante 3 meses antes de ser engarrafado. Enólogo: Peter Bright.

Etiquetas: , , , , , , ,

2528 - C.R. & F. 1980 (Tinto)



Região: DOC Bairrada
Castas: -
Produtor: Carvalho, Ribeiro & Ferreira, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: -
Notas de Prova: Vinho já imbebível.







Classificação Pessoal: ......................................-
• Data da Prova: Novembro 2012

Rótulo: The Bairrada Wine District. This wine district has been producing excellent wine for centuries. It is famous mostly for red wines, like "C.R. & F. - Bairrada" a well balanced wine of intense colour and bouquet, that ages with dignity to the highest level of perfection. Production and trade controlled by a Regional Board.

Etiquetas: , , ,

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

2527 - Herdade Fonte Paredes Alicante Bouschet 2007 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet
Produtor: Herdade Fonte Paredes, SAG Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Cor rubi de média concentração e nariz agradavelmente preenchido por notas vegetais, combinadas com alguma fruta madura e um leve toque mentolado, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e estrutura média, o paladar revela-se frutado e ligeiramente especiado, terminando com um comprimento e persistência de expressão média.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Dezembro 2009

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Novembro 2009

Rótulo: Esta casta de origem Francesa, encontrou no sul de Portugal o seu terroir de excelência, é capaz de produzir vinhos surpreendentes. Este foi produzido com as melhores uvas desta casta, vindimadas manualmente e vinificado em pequeno lagar de inox com pisa automática e temperatura controlada. O estágio decorreu durante 8 meses em barricas de carvalho Francês das melhores tanoarias. Aconselha-se o consumo à temperatura de 16C em copo de pé alto.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Periquita Reserva 2010 (Dez/2012)


No passado dia 18/12/2012, realizei uma Prova do vinho tinto Periquita Reserva 2010 do produtor José Maria da Fonseca Vinhos, S.A. da região de Península de Setúbal.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor José Maria da Fonseca Vinhos, S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Periquita Reserva 2010 (Tinto)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Castelão, Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: José Maria da Fonseca Vinhos, S.A.
Álcool: 13%
Enólogo: Domingos Soares Franco
Nota de Prova: Cor rubi de média concentração e nariz cheio de fruta preta madura e delicadas notas florais, acompanhadas por suaves nuances de especiarias e tosta, bem como por uma certa mineralidade, na boca é um vinho equilibrado, com taninos bem redondos e uma textura delicada, no paladar destaca-se a fruta vermelha madura e um certo toque especiado e apimentado, sendo que o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianos.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas: