• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (5143)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (4050)

domingo, 10 de novembro de 2019

Novo encontro de Bloggers no Restaurante Tendinha (Jul/2019)


No passado dia 16/07/2019 no Restaurante Tendinha em Mem Martins, teve lugar mais um Jantar de grandes vinhos, onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Carlos Janeiro (Blog Comer, Beber e Lazer) e Miguel Pedro.

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Portal das Hortas Vindima Tardia Avesso 2015 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Avesso
Produtor: Quinta & Casa das Hortas - Soc. Agrícola e Com. Lda
Álcool: 11%
Enólogo: Lídia Silva
Nota de Prova: Cor amarela de tonalidade dourada, o nariz sugere aromas de fruta madura, nomeadamente pêssego, acompanhados por delicadas notas meladas e uma ligeira sensação floral, na boca revela uma certa cremosidade, uma acidez correcta e um toque adoçicado que marca o conjunto, no paladar dominam as notas citrinas e frutadas muito maduras, além de uma leve sensação melada, com o final de boca a terminar com um comprimento algo curto.
Classificação Pessoal: 14.5
Grandjó Late Harvest 2013 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas: Semillon
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 12%
Enólogo: Jerry Luper
Nota de Prova: Cor dourada de forte intensidade, sinalizando que nem tudo estaria perfeito, o nariz revela aromas de fruta muito madura e em passa envolvidos por evidentes notas meladas e de tosta, num fundo a fazer lembrar alguns frutos secos, na boca revela complexidade e volume, apesar de não estar em perfeitas condições, já o paladar é notório o casamento entre os secos e o mel, bem como breves nuances especiadas, com o final de boca a terminar com um comprimento relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16
Pêra-Manca 2016 (Branco)

Região: DOC Alentejo
Castas: Antão Vaz e Arinto
Produtor: Fundação Eugénio de Almeida
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro Baptista
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela brilhante e um nariz marcado pela elegância e complexidade, onde as notas cítricas e minerais se fundem com a tosta e delicados apontamentos de fruta madura, na boca é um vinho com estrutura e volume, uma acidez excelente e uma envolvência e harmonia notáveis, no paladar domina a sua componente mais mineral em conjunto com a elegância da madeira e cremosidade da fruta e de nuances limonadas, o final de boca é prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Guru 2017 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas: Viosinho, Rabigato, Códega de Larinho e Gouveio
Produtor: Wine & Soul, Lda
Álcool: 13%
Enólogo: Sandra Tavares da Silva e Jorge Serôdio Borges
Nota de Prova: Cor amarela brilhante e nariz muito fino e elegante, com os aromas minerais muito bem envolvidos com a fruta e citrinos bem maduros, num fundo subtilmente tostado, na boca apresenta-se um vinho harmonioso e volumoso, além de complexo e estruturado, no paladar destaca-se a fruta e as notas mais tostadas, com o final de boca prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Murganheira Super Reserva Bruto 2013 (Espumante)

Região: DOC Távora Varosa
Castas: Malvasia Fina, Cerceal e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola e Comercial do Varosa, S.A.
Álcool: 12.5%
Enólogo: Orlando Lourenço
Nota de Prova: Cor amarela brilhante e nariz muito agradável, onde as notas de biscoito e frutos secos combinam de uma forma muito interessante com breves nuances mais cítricas e frutadas, na boca revela frescura e equilíbrio, já o paladar volta a revelar-se frutado e especiado, com o final de boca a terminar relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16
Penfolds Bin 28 Kalimna Shiraz 2016 (Tinto)

Região: Austrália
Castas: Shiraz
Produtor: Penfolds Wines
Álcool: 14.5%
Enólogo: Peter Gago
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa no centro e uma auréola de tonalidade granada e avermelhada, o nariz revela aromas de fruta vermelha e preta bem maduras, agradavelmente envolvidas por sugestivas notas especiadas e de tabaco, num fundo mais achocolatado e até mineral, na boca é um vinho volumoso, envolvente e com uma belíssima estrutura e equilíbrio, no paladar realce para a harmonia existente entre os frutos pretos, a barrica e as notas apimentadas e de chocolate, com o final de boca a terminar com um comprimento bem prolongado e uma persistência muito interessante.
Classificação Pessoal: 17
Zuccardi Concreto Malbec 2017 (Tinto)

Região: Argentina
Castas: Malbec
Produtor: Familia Zuccardi
Álcool: 14%
Enólogo: Sebastián Zuccardi
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro com laivos de tonalidade violeta bem brilhantes, o nariz sugere aromas de frutos silvestres e pretos maduros misturados com sugestivas notas especiadas e apimentadas, num fundo mais achocolatado e onde a barrica confere uma agradável complexidade, na boca é um vinho equilibrado, com um volume assinalável e taninos bem redondos, no paladar realce para a harmonia existente entre a fruta preta e as notas de barrica, acompanhadas por leves nuances apimentadas e achocolatadas, o final de boca termina de uma forma prolongada.
Classificação Pessoal: 16.5
Las Sabias Viñas Viejas Pie Franco 2015 (Tinto)

Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Dominio del Bendito, SL
Álcool: 16.5%
Enólogo: Anthony Terryn
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e muito concentrada no centro e uma auréola brilhante de tonalidade violeta, o nariz revela-se cheio de fruta preta e notas especiadas, além de sugestivas nuances terrosas, achocolatadas e até balsâmicas, num fundo marcado por subtis apontamentos fumados e florais, na boca é um vinho complexo, volumoso e envolvente, com os taninos a revelar firmeza e ao mesmo uma impressionante elegância, no paladar domina a fruta preta e do bosque, além de evidentes notas de barrica e couro, chocolate preto e uma certa mineralidade, o final de boca termina de uma forma bem prolongada e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Messias 10 Anos (Porto)

Região: Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinto Cão, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Sociedade Agrícola e Comercial dos Vinhos Messias, S. A.
Álcool: 20%
Enólogo: João Soares
Nota de Prova: Cor avermelhada e acastanhada, o nariz revela agradáveis e elegantes aromas de frutos secos, especialmente amêndoas, agradavelmente misturados breves apontamentos de fruta em passa e alguma compota, na boca é um vinho untuoso e fresco, com um volume e estrutura agradáveis, no paladar voltam a dominar os frutos secos e a fruta mais compotada, além de breves nuances caramelizadas e cristalizadas, com o final de boca a terminar com um comprimento acima da média.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas: