• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (3885)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3329)

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Prova do Vinho branco Azinhaga de Ouro 2014 (Jan/2016)


No passado dia 24/01/2016, realizei uma Prova do vinho branco Azinhaga de Ouro 2014 do produtor Caves do Monte - Vinhos S.A. da região do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Lidl e ao produtor Caves do Monte - Vinhos S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Azinhaga de Ouro 2014 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas:
Malvasia Fina, Rabigato e Viosinho
Produtor: Caves do Monte - Vinhos S.A.
Álcool: 13%
Enólogo: Susete Rodrigues
Nota de Prova: Apresenta uma pálida cor amarelo citrino e um nariz preenchido por aromas florais e de fruta tropical madura, envolvidos por uma evidente componente cítrica, na boca é um vinho suave e fresco, com uma acidez correcta e um paladar delicadamente citrino e frutado, o final de boca termina com um comprimento de expressão relativamente mediana.
Classificação Pessoal: 14.5

Etiquetas:

terça-feira, 3 de maio de 2016

4015 - Quinta das Marias Encruzado 2014 (Branco)



Região: DOC Dão
Castas: Encruzado
Produtor: Peter Viktor Eckert - Quinta das Marias
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Narciso
Notas de Prova: Cor amarela brilhante e nariz rico em aromas de fruta madura e tosta, além de sugestivas nuances minerais e fumadas, na boca revela-se um vinho muito fresco e estruturado, com um bom volume e uma acidez firme, conta com um paladar frutado, especiado e subtilmente mineral, terminando com um final de boca prolongado.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Outubro 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Janeiro 2016

Rótulo: Produzition: 10.300 bottles. Carefully crafted in small batch. Garrafa nº 08.435 de 10.300.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 2 de maio de 2016

4014 - Quinta do Gradil Reserva 2010 (Tinto)



Região: Regional Lisboa
Castas: Touriga Nacional, Syrah e Alicante Bouschet
Produtor: Quinta do Gradil - Sociedade Vitivinícola, SA
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e um nariz cheio de fruta vermelha fresca e madura envolvida por delicadas notas florais e mentoladas, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e uma estrutura bem presente, conta com um paladar frutado e especiado, além de evidenciar breves notas vegetais, termina com um final de boca de comprimento e persistência de expressão média/alta.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Julho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Junho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Abril 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.8
• Data da Revista: Janeiro 2015 / Março 2015

Rótulo: Produzido a partir das castas Touriga Nacional, Syrah e Alicante Bouschet, das vinhas mais antigas da Quinta do Gradil. Após a vindima manual e a escolha criteriosa das uvas, a fermentação decorreu em pequenas cubas de inox à temperatura de 25ºC. Após ter completado a fermentação maloláctica, o vinho estagiou 8 meses em barricas novas de carvalho francês. Decorrido o estágio em barrica, o vinho descansou, tranquilo, durante 24 meses em garrafa. O resultado foi um vinho de aromas complexos, onde as notas balsâmicas, de trufas e frutos do bosque bem maduros são evidentes. Na boca, os taninos mostram-se sedosos e equilibrados, bem integrados na estrutura do vinho, a proporcionarem um final longo e consistente.

Etiquetas: , , , , , ,

domingo, 1 de maio de 2016

Prova do Vinho tinto Vila Santa Reserva 2013 (Jan/2016)


No passado dia 12/01/2016, realizei uma Prova do vinho tinto Vila Santa Reserva 2013 do produtor João Portugal Ramos do Alentejo

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor João Portugal Ramos - Vinhos, SA pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Vila Santa Reserva 2013 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonez, Touriga Nacional, Syrah, Cabernet Sauvignon e Alicante Bouschet
Produtor: João Portugal Ramos - Vinhos, SA
Álcool: 14%
Enólogo: João Portugal Ramos
Nota de Prova: Cor granada intensa e nariz bem preenchido por aromas de frua madura e delicadas notas vegetais, acompanhadas por um breve toque apimentado e especiado, na boca é um vinho equilibrado e de volume médio, com um paladar frutado e agradavelmente marcado pela barrica, com taninos bem presentes, termina com um comprimento e persistência ligeiramente acima da média.
Classificação Pessoal: 16

Etiquetas:

sábado, 30 de abril de 2016

4013 - Duas Quintas 2014 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Rabigato, Viosinho e Arinto
Produtor: Ramos Pinto
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Notas de Prova: Apresenta uma bonita cor amarela e um nariz muito fresco, onde os aromas florais e de fruta revelam-se muito bem envolvidos com delicadas notas vegetais e citrinas, na boca é um vinho muito equilibrado, com uma bela acidez e uma estrutura que não deixa ninguém indiferente, conta com um paladar mais citrino, floral e vegetal do que frutado e termina com um final de boca relativamente expressivo, quer no comprimento, quer na persistência.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2016

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Julho 2015

Classificação Revista Escanção: ........................79*
• Data da Prova: Novembro 2015 / Dezembro 2015
* Classificação de 0-100


Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Novembro 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16
• Data da Revista: Outubro 2015 / Novembro 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Agosto 2015

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16
• Data da Revista: Julho 2015 / Agosto 2015

Rótulo: É no Vale do Douro, onde a vinha está presente há mais de 2000 anos, que a Casa Ramos Pinto produz o Duas Quintas. Pioneiro na sua região, este grande vinho, cheio de carácter e elegância é elaborado a partir de uvas de duas vinhas incontornáveis.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 29 de abril de 2016

4012 - Tons de Duorum 2014 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Viosinho, Rabigato, Verdelho, Arinto e Moscatel Galego Branco
Produtor: Duorum Vinhos, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: José Maria Soares Franco
Notas de Prova: Cor amarela pálida e nariz agradavelmente preenchido por aromas de fruta madura e breves notas florais e citrinas, na boca é um vinho correcto, com uma agradável acidez e uma frescura sempre presente, conta com um paladar frutado e cítrico, além de ligeiramente mineral e vegetal, terminando com um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista Escanção: ........................86*
• Data da Prova: Novembro 2015 / Dezembro 2015
* Classificação de 0-100


Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Julho 2015 / Setembro 2015

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............14
• Data da Revista: Julho 2015 / Agosto 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Maio 2015

Rótulo: O reflexo do sol no Rio Douro, que origina as diferentes tonalidades nas vinhas foi o que nos inspirou na escolha do nome Tons de Duorum. Este vinho produzido a partir das castas Viosinho, Rabigato, Verdelho, Arinto e Moscatel Galego Branco exprime todo o terroir da fantástica Região do Douro resultante da interacção da natureza e do trabalho do homem. José Maria Soares Franco Winemaker.

Etiquetas: , , , , , , , ,

quinta-feira, 28 de abril de 2016

4011 - João Portugal Ramos Loureiro 2014 (Branco)



Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Loureiro
Produtor: João Portugal Ramos - Vinhos, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12%
Enólogo: João Portugal Ramos
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarelo pálido e levemente esverdeada, o nariz evidencia aromas cítricos e vegetais aliados a subtis sugestões florais e de fruta madura, na boca é um vinho correcto, seco e com uma acidez agradável, o paladar revela fruta e citrinos, além de breves nuances minerais, terminando com um final de boca muito seco e de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2014

Classificação Revista Escanção: ........................85*
• Data da Prova: Novembro 2015 / Dezembro 2015
* Classificação de 0-100


Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .15.8
• Data da Revista: Outubro 2015 / Novembro 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Agosto 2015

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Julho 2015 / Agosto 2015

Rótulo: Aroma fresco e elegante, onde sobressaem notas cítricas e florais, associadas a uma notável mineralidade. Intenso e longo final de boca.

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 27 de abril de 2016

4010 - Soalheiro Primeiras Vinhas Alvarinho 2014 (Branco)



Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira







Classificação Pessoal: ......................................-


Classificação Wine - Essência do Vinho: .............18
• Data da Revista: Janeiro 2016 / Fevereiro 2016

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Dezembro 2015

Rótulo: Alvarinho produzido a partir das primeiras vinhas - vinhas velhas - da Quinta de Soalheiro onde protegemos o ecossistema vitícola global fomentando a biodiversidade e a sustentabilidade ambiental.João Portugal Ramos Loureiro

Etiquetas: , , , , ,

Bloggers juntam-se para uma Prova Vertical Quinta do Crasto Reserva 1994 a 1999 (Dez/2015)


No passado dia 17/12/2015 no Prazer dos Cheirinhos em Mem Martins, teve lugar uma Prova Vertical das primeiras 6 colheitas (de 1994 a 1999) do vinho Quinta do Crasto Reserva.

Durante a Prova estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Carlos Janeiro (Blog Comer, Beber e Lazer)
- Francisco Damião de Brito (Blog Vinho do Porto Vintage)
- Nuno Ciríaco (Blog Adega dos Leigos)
- Luis Gradíssimo (Blog Avinhar) e Arnaud Stevenot, Victor Janeiro (Prazer dos Cheirinhos) e um curioso Pedro.

Esta prova foi efectuada com a degustação das primeiras 6 colheitas: 1994, 1995, 1996, 1997, 1998 e 1999.



Vinhos degustados durante a Prova:

Quinta do Crasto Reserva 1994 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 13%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade e nariz marcado pelos aromas de couro e algum vegetal seco, acompanhados por um delicado toque fumado e uma certa mineralidade, na boca é um vinho já evoluído mas ainda com uma acidez muito fina e delicada, no paladar revela fruta em passa e um ligeiro toque de couro, formando um conjunto digno face à sua idade, o final de boca termina com uma persistência breve.
Classificação Pessoal: 16
Quinta do Crasto Reserva 1995 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 13.5%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Cor granada acastanhada e nariz delicado, onde a fruta em passa revela-se bem evidente e subtilmente acompanhada por breves notas vegetais e algum químico, num fundo dominado pelo couro e pela madeira velha, na boca a evolução é por demais evidente, embora ainda revele uns taninos finos e redondos e um paladar especiado e vegetal, com o couro em claro destaque, o final de boca termina de uma forma relativamente curta.
Classificação Pessoal: 15
1091 - Quinta do Crasto Reserva 1996 (Tinto)Quinta do Crasto Reserva 1996 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 12%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Cor acastanhada de média intensidade e nariz já demasiadamente evoluído, em clara face descendente e com poucas notas positivas, na boca já falta acidez e o paladar ainda denota alguma fruta em passa e breves notas de couro, mas é notório que o vinho já não está em condições.
Classificação Pessoal: 8
Quinta do Crasto Reserva 1997 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Cor granada no centro e auréola de tonalidade acastanhada e delicadamente avermelhada, o nariz revela uma surpreendente elegância, onde os aromas de fruta preta se misturam com delicadas notas de couro e uma forte componente especiada, além de um ligeiro toque balsâmico e até mineral, na boca é um vinho fino, delicado e muito elegante, com uma estrutura bem presente e um volume muito interessante, no paladar quer a fruta negra, quer a madeira, estão muito bem integradas com as especiarias e com um delicado toque vegetal, o final de boca termina de uma forma prolongada e agradavelmente persistente.
Classificação Pessoal: 17
580 - Quinta do Crasto Reserva 1997 (Tinto)
579 - Quinta do Crasto Reserva 1998 (Tinto)Quinta do Crasto Reserva 1998 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada de tonalidade bem acastanhada e um nariz completamente dominado pelos aromas de couro e delicadas notas de fruta vermelha bem madura, além de breves nuances de madeira velha, na boca é evidente a sua evolução avançada mas ainda merece destaque os taninos já muito polidos e uma delicada acidez, no paladar a fruta em passa e o couro formam um conjunto já sem grande fulgor e o final de boca termina com um comprimento e persistência muito curtos.
Classificação Pessoal: 14
Quinta do Crasto Reserva 1999 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14%
Enólogo: David Baverstock
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada muito delicada, o nariz sugere aromas de couro e madeira usada, envolvidos por breves notas vegetais e um delicado toque fumado, além de subtis notas de tabaco, na boca é já notória a sua evolução, com a acidez a perder fulgor, o paladar ainda denota alguma fruta muito madura e breves nuances apimentadas e especiadas, terminando com um final de boca de comprimento muito mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
500 - Quinta do Crasto Reserva 1999 (Tinto)

Etiquetas:

terça-feira, 26 de abril de 2016

4009 - Adega de Pegões Colheita Seleccionada 2014 (Branco)



Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Arinto, Verdelho, Chardonnay e Antão Vaz
Produtor: Cooperativa Agrícola de Santo Isidro de Pegões, CRL
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: Cor amarela brilhante e nariz muito bem preenchido por aromas de citrinos e frutos tropicais maduros, além de sugestivas notas de baunilha, na boca é um vinho com alguma estrutura e uma certa untuosidade, revelando um paladar frutado e ligeiramente tostado, num fundo cítrico e fresco, o final de boca termina com um comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Fevereiro 2016

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Agosto 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Maio 2015

Rótulo: Localizadas a sul do Tejo, as vinhas que originam os afamados vinhos, produzidos e engarrafados pela Adega de Pegões, devem a sua alta qualidade às condições edafoclimáticas, caracterizadas por solos arenosos de relevo plano. Este vinho foi produzido a partir de quatro variedades de uvas: o "Arinto" e "Verdelho" que lhe confere boa frescura e aromas cítricos, o "Chardonnay" e o "Antão Vaz" que lhe dão estrutura e os aromas tropicais. Fermentou e estagiou 3 meses em carvalho Americano e Francês. Envelhece bem durante 5 anos. Deverá ser servido entre 12-14º.

Etiquetas: , , , , , , ,

segunda-feira, 25 de abril de 2016

4008 - Poliphonia Reserva 2013 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier, Antão Vaz e Arinto
Produtor: Granacer, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro Baptista
Notas de Prova: Cor amarela citrina e nariz claramente dominado pelos aromas tostados e de baunilha, envolvidos por alguma fruta madura e por breves notas florais, além de um ligeiro toque fumado, na boca é um vinho com estrutura e uma acidez correcta, com um paladar ligeiramente pesado, pois é notório que a madeira sobressai face à fruta e a delicadas sugestões cítricas, o final de boca termina com um comprimento e uma persistência de expressão média/alta.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Janeiro 2015

Rótulo: A combinação da complexidade da casta Viognier com o volume da casta Antão Vaz adicionámos o perfil muito aromático da casta Arinto com vista a conferir a este vinho um carácter memorável. A fermentação, seguida de um estágio de oito meses "sur lies" com "batonnage" periódica, ocorreu em barricas novas de carvalho Francês de grão e tosta média.

Etiquetas: , , , , , ,

domingo, 24 de abril de 2016

4007 - Granja Amareleja 2014 (Branco)



Região: DOC Alentejo
Castas: Roupeiro, Rabo de Ovelha, Perrum e Antão Vaz
Produtor: Adega Cooperativa de Granja, C.R.L.
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: Manuel Ferreira
Notas de Prova: Cor amarela brilhante e nariz agradavelmente frutado, além de evidenciar frescas notas florais, na boca é um vinho delicado, com uma acidez correcta e uma frescura interessante, revela um paladar dominado pela fruta madura e por breves sugestões cítricas e vegetais, terminando com um final de boca curto.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista Escanção: ........................79*
• Data da Prova: Março 2015 / Abril 2015
* Classificação de 0-100


Rótulo: Este vinho é feito com as castas tradicionais da margem esquerda do Guadina - Roupeiro, Rabo de Ovelha, Perrum, Antão Vaz, Diagalves e Manteúdo - e pretende ser um digno representante dos brancos que tanta fama deram, no passado, à região. Embora o ano vitícola tenha sido excessivamente quente no final da maturação, as uvas apresentaram-se equilibradas e muito sãs, originando um vinho aromático, sapido e com carácter. Deve ser servido a cerca de 10ºC e poderá ser guardado 2 a 3 anos na garrafeira.

Etiquetas: , , , , , , ,

Prova do Vinho tinto Dory Reserva 2012 (Dez/2015)


No passado dia 29/12/2015, realizei uma Prova do Vinho tinto Dory Reserva 2012 do produtor Adega Mãe da região de Lisboa.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Dory Reserva 2012 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas:
Touriga Nacional, Cabernet Sauvignon, Merlot e Petit Verdot
Produtor: Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Anselmo Mendes e Diogo Lopes
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi densa e muito concentrada no centro, além de revelar uma auréola de tonalidade granada/violeta, no nariz destacam-se os aromas de fruta preta e pimentos, bem como diversas especiarias e tosta, num fundo mais fumado e que faz lembrar algum cacau, na boca é um vinho com estrutura e taninos firmes, com um volume médio e um paladar dominado pela fruta negra e sugestões apimentadas agradavelmente acompanhadas pela madeira, o final de boca termina relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16

Etiquetas:

sábado, 23 de abril de 2016

4006 - Euphoria 2013 (Rosé)



Região: Regional Algarve
Castas: Touriga Nacional e Aragonez
Produtor: Convento do Paraíso, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Luís Duarte e Nuno Gonzalez
Notas de Prova: Cor vermelha intensa e uma delicada tonalidade rosada, o nariz sugere suaves aromas de frutos silvestres e vermelhos acompanhados por um delicado toque especiado, na boca apresenta-se mais discreto e conta com um paladar frutado, termina com um final de boca de comprimento curto.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Dezembro 2014

Rótulo: "Euphoria", a sensação de bem estar, satisfação e alegria, facilmente associada ao Algarve, dá nome a este vinho produzido nas encostas do rio Arade, frente à histórica cidade de Silves. Aprecie, com moderação!

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 22 de abril de 2016

4005 - Paulo Laureano Premium 2013 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonez, Trincadeira e Alicante Bouschet
Produtor: Paulo Laureano Vinus, Lda
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Laureano
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi no centro e uma tonalidade violácea à volta, o nariz sugere aromas de frutos vermelhos e do bosque misturados com delicadas notas vegetais, na boca é um vinho equilibrado, com um volume e uma estrutura medianos, revela um paladar cheio de fruta madura e breves notas especiadas, terminando com um final de boca de comprimento e persistência de expressão média.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2015

Rótulo: Acredito nas nossas castas, nas suas cores, nos seus aromas e sabores, por isso elegi-as como suporte dos meus vinhos. A minha aposta é desenhar vinhos exclusivamente com castas portuguesas, vinhos feitos com o que é nosso, aquilo que todos nos orgulhamos. Selecção das melhores Uvas das Castas Trincadeira, Aragonez e Alicante Bouschet da região da Vidigueira. Este vinho é o resultado de uma selecção, expressão de excelência do terroir.

Etiquetas: , , , , , ,

quinta-feira, 21 de abril de 2016

4004 - Monte da Peceguina 2014 (Rosé)



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Aragonez, Tinta Miúda e Syrah
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luís Duarte e Nuno Gonzalez
Notas de Prova: Cor salmão de ligeira tonalidade rosada, o nariz apresenta aromas florais e de fruta vermelha misturados com um leve toque vegetal, na boca é um vinho fresco, com uma acidez correcta e um paladar rico em fruta vermelha madura e breves apontamentos florais, termina com um final de boca agradável e de comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Julho 2015 / Agosto 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Julho 2015

Rótulo: Nas vinhas da Herdade da Malhadinha Nova, propriedade familiar situada em Albernôa no coração do Baixo Alentejo, foram colhidas à mão as uvas das castas Touriga Nacional, Aragonez, Tinta Miúda e Syrah, que após vinificação deram vida a este vinho. Em 1998, ano de início desde projecto, nasceu a Francisca, primeiro elemento da nova geração da família. Foi ela quem plantou a primeira cepa dos 27 hectares de vinha da propriedade. Coube este ano ao seu primo, António, a delicada tarefa de representar, com o seu desenho, a paixão que queremos continuar a partilhar com todos os apreciadores do bom vinho alentejano.

Etiquetas: , , , , , , ,

quarta-feira, 20 de abril de 2016

4003 - Marquês dos Vales Castelão 2014 (Rosé)



Região: Regional Algarve
Castas: Castelão
Produtor: Quinta dos Vales
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Dorina Lindemann e Paulo Laureano
Notas de Prova: Cor salmão delicada e nariz fino, onde as notas florais se misturam com breves apontamentos vegtais e de fruta madura, na boca é um vinho correcto, com alguma secura e um paladar onde dominam os frutos vermelhos, termina com um final de boca de expressão mediana mas muito fresco.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2013

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Adega Mãe Merlot 2013 (Dez/2015)


No passado dia 25/12/2015, realizei uma Prova do Vinho tinto Adega Mãe Merlot 2013 do produtor Adega Mãe da região de Lisboa.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Adega Mãe Merlot 2013 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas:
Merlot
Produtor: Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Anselmo Mendes e Diogo Lopes
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi bem carregada no centro e um nariz rico em notas de pimento e fruta vermelha madura, acompanhados por um delicado toque vegetal e breves notas de madeira, na boca é um vinho com uma agradável estrutura, taninos bem presentes e um paladar frutado e especiado, além de vegetal e bem apimentado, o final de boca termina com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 16

Etiquetas:

terça-feira, 19 de abril de 2016

4002 - Vida Nova Aragonês & Syrah 2013 (Rosé)



Região: Regional Algarve
Castas: Aragonês e Syrah
Produtor: Adega do Cantor
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Rúben Pinto
Notas de Prova: Cor rubi de forte intensidade e nariz bem preenchido por aromas de fruta vermelha, especialmente framboesas e mirtilos, na boca é um vinho fresco e algo contido, com a fruta e delicadas notas vegetais a comporem um paladar relativamente seco, termina com um final de boca curto.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Agosto 2014

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Julho 2013

Rótulo: É nossa pretensão produzir na Adega do Cantor vinhos que reflectem o calor, cor e variedade, características desta região; um parceiro à altura da sua rica gastronomia. Esta casta de Syrah demonstra uma harmonia nos aromas de ameixa e amoras silvestres maduras com um toque a especiarias. Na prova é frutado tendo um fim de boca rico, Foi fermentado em cubas abertas, sendo a maturação feita numa combinação de cascos de carvalho e cubas inox num período de 8 a 12 meses.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 18 de abril de 2016

4001 - Dona Helena 2014 (Rosé)



Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Castelão e Syrah
Produtor: Cooperativa Agrícola de Santo Isidro de Pegões, CRL
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: CApresenta uma cor rosada de leve tonalidade salmão, o nariz revela frescos aromas de fruta vermelha, que fazem lembrar morangos misturados com breves notas florais, na boca é um vinho fácil e equilibrado, com uma acidez de expressão média e um paladar frutado, o final de boca termina com um comprimento curto.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2015

Rótulo: Poderá ser servido como aperitivo ou acompanhar pratos de peixe, saladas e carnes brancas. Deve servir-se entre 8º-10º e tem uma longevidade de 3 anos. Dona Helena é um vinho elegante, delicado e refinado. Um enlace perfeito das castas Castelão e Syrah produzidas nas areias de Pegões. É refrescante, moderno e ambicioso, evocando o gosto conhecedor e delicado do consumidor mais atento.

Etiquetas: , , , , ,

4000 - Bucellas Arinto 2013 (Branco)



Região: Regional Estremadura
Castas: Arinto
Produtor: Enoport - Produção de Bebidas, S.A.
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Carlos Eduardo
Notas de Prova: Cor citrina pálida e nariz marcado pela fruta madura e delicadas notas florais e cítricas, na boca é um vinho correcto, seco e com uma acidez mediana, conta com um paladar mais frutado que citrino e termina com um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Agosto 2014

Rótulo: Arinto (100%). Cor citrina definida com ligeiros tons esverdeados. Aroma característico da casta Arinto onde se destacam os frutos tropicais e os citrinos, flores e frutos de polpa branca. Sabor frutado, frescura viva, harmonioso e elegante. Acompanhar como aperitivo, iguarias à base de peixes cozidos ou grelhados, mariscos, pizzas, carnes brancas grelhadas, pratos japoneses e chineses.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 17 de abril de 2016

3999 - Redoma 2012 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Rabigato, Códega, Viosinho, Arinto e Outras
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Dirk Niepoort
Notas de Prova: Cor amarelo citrino e nariz muito fino e elegante, onde os aromas minerais se confundem com sugestivas notas fumadas e de barrica, além de breves nuances florais e de fruta madura, na boca é um vinho volumoso e cremoso, com a barrica a conferir uma elegância e complexidade notórias, revela um paladar ligeiramente amanteigado e rico em fruta madura e notas minerais, terminando com um final de boca expressivo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Dezembro 2013 / Setembro 2014

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , , ,

Prova do Vinho tinto Adega Mãe Touriga Nacional 2013 (Dez/2015)


No passado dia 25/12/2015, realizei uma Prova do Vinho tinto Adega Mãe Touriga Nacional 2013 do produtor Adega Mãe da região de Lisboa.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao produtor Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Adega Mãe Touriga Nacional 2013 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas:
Touriga Nacional
Produtor: Adega Mãe - Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Anselmo Mendes e Diogo Lopes
Nota de Prova: Cor rubi profunda e nariz cheio de fruta vermelha fresca e aromas muito florais, além de evidenciar um leve toque de menta e breves nuances balsâmicas, na boca é um vinho muito equilibrado e redondo, revelando também elegância e alguma complexidade, no paladar destaca-se a fruta e um subtil toque de barrica, terminando com um final de boca longo.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas:

sábado, 16 de abril de 2016

3998 - Primeira Paixão Verdelho 2014 (Branco)



Região: DOC Madeira
Castas: Verdelho
Produtor: Paixão de Vinhos, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12%
Enólogo: João Pedro Machado
Notas de Prova: Cor amarela pálida e nariz delicado, onde a fruta tropical madura aparece envolvida com evidentes notas de citrinos bem maduros e um ligeiro toque floral e salino, na boca é um vinho com algum corpo e uma acidez bem vincada, onde revela um paladar frutado e citrino, além de delicadamente mineral, o final de boca evidencia um comprimento mediano mas ao mesmo tempo agradável.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16
• Data da Revista: Outubro 2015 / Novembro 2015

Rótulo: O Verdelho Madeirense aqui, no extremo oeste da Ilha da Madeira, sempre deu prova de grande nobreza. Cultivado em terreno de ‘serro vulcânico’, 300m acima do nível do mar, arejado, com ventos frequentes predominantes de nordeste, soalheiro, com uma das exposições solares mais intensas da ilha da Madeira. As vinhas deste vinho branco madeirense, crescem na "Casa Amarela", um alojamento rural singular, situado na Ponta do Pargo. Caiada a ocre utiliza com muito gosto os materiais típicos da zona - madeira, telha Marselha e pedra escassilhada - um lugar de beleza ímpar! Então, desejando o local e degustando o vinho, fresco de acidez estaladiço, elegante e demorado, ao sabor de aromas a frutas subtropicais com mineralidade e sal, de volume apinhado de complexidade, resta-nos agradecer à Fiona, ao Roberto e seus filhos André e Tomás Pereira, pela simpatia e pelo trabalho que desenvolveram na vinha, porque é aqui que nasceu esta Paixão de 2014!"

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 15 de abril de 2016

3997 - Casa Ermelinda Freitas Sauvignon Blanc & Verdelho 2013 (Branco)



Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Sauvignon Blanc e Verdelho
Produtor: Casa Ermelinda Freitas
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Jaime Quendera
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela de média intensidade e um nariz agradavelmente frutado e tostado, além de evidenciar breves notas vegetais e citrinas, num fundo mais especiado, na boca é um vinho atractivo e equilibrado, com uma bela estrutura e uma acidez convincente, no paladar o destaque vai para a fruta tropical, muito bem integrada com a tosta e subtis nuances limonadas, o final de boca termina de uma forma prolongada.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Setembro 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Janeiro 2015 / Março 2015

Rótulo: Para nós a procura de novos paladares e aromas é uma constante na medida em que pretendemos levar até si sempre novas sensações que lhe permitam envolver-se ainda mais com este fascinante mundo do vinho. Temos por isso mesmo, nas nossas vinhas, pequenas plantações de diversas castas que de quando em vez nos proporcionam a produção de vinhos que consideramos de grande qualidade. Este vinho feito das castas Sauvignon Blanc e Verdelho, é disso mesmo um óptimo exemplo. Deverá ser servido a 12-14ºC. Pronto para consumir, caso deseje guardar, guardar em local fresco com garrafa deitada por um período máximo de 5 anos. Leonor Freitas Proprietária.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 14 de abril de 2016

3996 - Quinta da Alorna Reserva Arinto & Chardonnay 2014 (Branco)



Região: Regional Tejo
Castas: Arinto e Chardonnay
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Martta Simões
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela e um nariz agradavelmente preenchido por aromas de fruta tropical madura e breves sugestões citrinas e tostadas, na boca é um vinho correcto, com uma estrutura ligeira e uma acidez agradável, revela um paladar mais limonado que frutado e termina com um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Outubro 2015

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2015

Classificação Revista Escanção: ........................87*
• Data da Prova: Março 2015 / Abril 2015
* Classificação de 0-100


Rótulo: Este Reserva na boca apresenta uma estrutura suave, bem equilibrada com a acidez e as notas de baunilha dadas pela madeira. Ideal para acompanhar pratos de peixe assado, carnes brancas e grelhados. Consumir a 10 - 12ºC. Enóloga: Martta Reis Simões. Com este vinho homenageamos a melhor casta branca portuguesa, o Arinto e a melhor casta branca francesa, o Chardonnay, fermentada em barricas novas de carvalho francês. O resultado é um vinho que combina na perfeição os aromas a fruta fresca do Arinto com os frutos maduros, secos e amanteigados típicos do Chardonnay.

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 13 de abril de 2016

3995 - Grandes Quintas Reserva 2011 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas, Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinto Cão e Sousão
Produtor: Sociedade Agrícola da Casa d'Arrochella, Lda
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14%
Enólogo: Luís Soares Duarte
Notas de Prova: Apresenta uma cor carregada e de tonalidade rubi avioletada, o nariz sugere forte aromas especiados e minerais, aliados à futa madura e delicadas notas florais, formando um conjunto sério e elegante, na boca é um vinho harmonioso e ao mesmo tempo austero, com taninos bem presentes e um volume bem acima da média, conta com um paladar frutado e muito especiado, com a barrica a conferir uma agradável complexidade, o final de boca termina de uma forma prolongada e muito persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Setembro 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Outubro 2015 / Novembro 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.8
• Data da Revista: Julho 2015 / Setembro 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17.5
• Data da Revista: Janeiro 2015 / Março 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Outubro 2014

Rótulo: Este vinho resulta de uma apurada selecção de uvas cultivadas pela Casa de Arrochella nas suas Propriedades do Douro Superior. Este lote foi produzido com mais de 80% de vinhas velhas, onde dominam as castas Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca. O vinho estagiou em barricas novas de carvalho francês, foi engarrafado em Agosto de 2013 e recomenda-se que seja apreciado nos próximos 10 anos à temperatura de 16-17ºC. Enólogo: Luís Soares Duarte.

Etiquetas: , , , , , , , , ,

Prova do Vinho tinto Quinta dos Murças Reserva 2011 (Dez/2015)


No passado dia 25/12/2015, realizei uma Prova do vinho tinto Quinta dos Murças Reserva 2011 pertencente à Quinta dos Murças, o novo Projecto da Herdade do Esporão na região do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Esporão S.A. pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Quinta dos Murças Reserva 2011 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas, Sousão, Tinta Amarela, Tinta Barroca, Tinta Roriz, Touriga Franca e Touriga Nacional
Produtor: Esporão S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: David Baverstock e Luís Patrão
Nota de Prova: Cor rubi de forte intensidade e nariz rico em fruta preta e diversas especiarias, além de delicadas notas de barrica e uma certa mineralidade, num fundo mais fumado e ligeiramente balsâmico, na boca é um vinho volumoso e muito encorpado, com taninos sedosos e um paladar fortemente especiado e tostado, muito bem secundado por sugestivas nuances de fruta negra e um subtil toque achocolatado, o final de boca termina longo e bem persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 12 de abril de 2016

3994 - Catarina 2014 (Branco)



Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Fernão Pires, Arinto e Chardonnay
Produtor: Bacalhôa Vinhos de Portugal, S.A.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Filipa Tomaz da Costa
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela algo pálida e um nariz muito fresco, onde os aromas de fruta tropical e os citrinos combinam de uma forma muito agradável, com delicadas notas florais e leves nuances de baunilha e tosta, na boca é um vinho muito equilibrado, com uma acidez bem vincada e um paladar rico em fruta madura, sugestões algo cítricas e ligeiramente tostadas, termina com um final de boca de comprimento e persistência muito interessantes.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junhoo 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Maio 2015

Classificação Revista Escanção: ........................86*
• Data da Prova: Março 2015 / Abril 2015
* Classificação de 0-100


Rótulo: Este vinho é uma homenagem a D. Catarina de Bragança, Rainha de Inglaterra e Princesa de Portugal e a todas as Catarinas. Nas excelentes condições das vinhas na Península de Setúbal, as castas Fernão Pires, Chardonnay e Arinto, dos solos argilo-calcários, são fermentados parcialmente em barricas novas de carvalho, este vinho apresenta uma madeira subtil e uma boa acidez natural, conferindo-lhe um final fresco e complexo.

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 11 de abril de 2016

3993 - Redoma 2014 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Rabigato, Códega, Viosinho, Arinto e Outras
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Dirk Niepoort
Notas de Prova: Cor pálida e nariz muito mineral, além de apresentar breves notas florais e evidentes sugestões de citrinos, num fundo delicadamente tostado, na boca é um vinho agradável e com uma bela acidez, onde revela um paladar frutado e cítrico, apoiado em subtis nuances de frutos secos, terminando com um final de boca de comprimento e persistência relativamente prolongados.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Outubro 2015

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , , ,

domingo, 10 de abril de 2016

3992 - Penfolds Koonunga Hill Chardonnay 2013 (Branco)



Região: Austrália
Castas: Chardonnay
Produtor: Penfolds Wines
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13%
Enólogo: Peter Gago
Notas de Prova: Cor amarelo brilhante e nariz marcado pelos aromas de fruta madura tropical e algum pêssego, além de breves notas de frutos secos e tosta, na boca é um vinho equilibrado, correcto e com uma acidez agradável, apresenta um paladar frutado e ligeiramente especiado e termina com um final de boca de comprimento e persistência medianos.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Revista Escanção: ........................84*
• Data da Prova: Março 2015 / Abril 2015
* Classificação de 0-100


Rótulo: Attractive honeydew melon, white peach and lemon/lime citrus aromas complement a fresh and lively Chardonnay palate. The influence of oak provides an added dimension of complexity to this impressive, balanced wine. We invite you to explore the Penfolds range and discover a success story more than 165 yeras old. In 1976, Penfolds released the first wine to bear the name Koonunga Hill. By applying our long held philosophy of blending select parcels of grapes from South Australia's wine regions, Penfolds winemakers are able to craft wines of distinction without ever comptomising on quality.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Duas Quintas Reserva 2013 (Dez/2015)


No passado dia 25/12/2015, realizei uma Prova do vinho tinto Duas Quintas Reserva 2013 do produtor Ramos Pinto do Douro.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Ramos Pinto pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Duas Quintas Reserva 2013 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta da Barca
Produtor: Ramos Pinto
Álcool: 14.5%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Nota de Prova: Cor intensa no centro e uma auréola de tonalidade violeta, o nariz revela imensas notas florais acompanhadas pelos frutos do bosque e evidentes notas de diversas especiarias, num fundo mais tostado e mineral, na boca é um vinho encorpado e estruturado, ainda muito jovem e com taninos bem presentes, no paladar destacam-se os frutos pretos e delicadas notas vegetais agradavelmente combinados com as notas de barrica e toque mais especiado, termina com um final de boca longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

sábado, 9 de abril de 2016

3991 - Tiago Cabaço Vinhas Velhas 2013 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Vinhas Velhas, Antão Vaz, Arinto e Roupeiro
Produtor: Tiago Mateus Cabaço e Cabaço
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Tiago Cabaço e Susana Esteban
Notas de Prova: Cor amarela e nariz agradavelmente frutado e especiado, com um delicado toque mineral e floral, na boca evidencia estrutura e uma acidez equilibrada, bem como um paladar rico em fruta tropical madura e delicadas notas vegetais, num fundo marcado pela barrica de qualidade, termina com um final de boca de comprimento e persistência acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Julho 2015

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............17
• Data da Revista: Janeiro 2015 / Fevereiro 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Janeiro 2015

Rótulo: Produzidas apenas 2613 garrafas. Foi das nossas vinhas mais velhas, plantadas na região de Estremoz, com as castas tradicionais alentejanas, que nasceu este vinho branco de cor amarela citrina, aroma inteno e persuasivo. Na boca mostra-se mineral e estruturado, mas com uma elegância que nos prende os sentidos.

Etiquetas: , , , , , , ,

sexta-feira, 8 de abril de 2016

3990 - Modestu's Arinto 2014 (Branco)



Região: Regional Vinhos Verdes
Castas: Arinto
Produtor: Modesto Augusto Freitas de Castro
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Jorge Sousa Pinto
Notas de Prova: Cor amarela de média intensidade e nariz algo complexo e até balsâmico, onde as notas cítricas se misturam com um leve toque vegetal e floral, na boca sobressai algum gaseificado e a fruta madura, além de breves notas limonadas, terminando com um final de boca relativamente curto.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Junho 2015

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Julho 2015 / Setembro 2015

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Agosto 2015

Rótulo: Modestu's é proveniente ds castas tradicionais da sub-região de Basto. De Cor citrina, um aroma fresco e frutado, apresenta-se na boca expressivo, com um final longo e agradável. Acompanha bem pratos de peixe e mariscos.

Etiquetas: , , , , ,