• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

quinta-feira, 24 de Abril de 2014

3123 - Tourónio 2012 (Branco)



Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas, Rabigato, Viosinho, Gouveio, Esgana Cão, Arinto e Outras
Produtor: Fernando Coelho - Quinta de Tourais
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Fernando Coelho
Notas de Prova: Cor citrina e nariz dominado pelos aromas florais e citrinos, com uma certa mineralidade a conferir frescura, na boca é um vinho equilibrado, com uma bela acidez e um paladar rico em notas de fruta madura e citrinos, o final de boca tem comprimento interessante e uma persistência média/alta.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Novembro 2013

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2013

Rótulo: Idade da Vinha: 60 anos. Castas: Rabigato, Gouveio, Viosinho, Arinto, Cercial, Malvasia Fina.

Etiquetas: , , , , , , , , , ,

quarta-feira, 23 de Abril de 2014

3122 - Miura 2009 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Tinta Roriz, Tinto Cão, Sousão, Tinta Amarela e Outras
Produtor: Fernando Coelho - Quinta de Tourais
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14%
Enólogo: Fernando Coelho
Notas de Prova: Cor rubi, nariz agradavelmente frutado e floral, com delicadas notas vegetais e de especiarias, a conferirem alguma complexidade, na boca é um vinho com uns taninos bem polidos, um volume mediano e um paladar onde é claramente dominante a fruta madura, algumas especiarias e um subtil toque de madeira, o final de boca tem um comprimento e uma persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Novembro 2013

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Julho 2013

Rótulo: Lote M09. Fernando, Pedro, Paulo, Eduardo, Arménio, Miguel, Paulo, Edgar, João, Kurt e Adérito.

Etiquetas: , , , , , , , , , ,

Quinta do Pinto - Portugal Wine Ladies Tasting (Out/2013)


No passado dia 25/10/2013, fui convidado a marcar presença no Evento Portugal Wine Ladies Tasting, que decorreu no Altis Belém Hotel & Spa, em Lisboa.

Esta prova de vinhos foi organizada por um grupo de 12 produtoras portuguesas:
- Catarina Vieira (Herdade do Rocim)
- Francisca van Zeller (Quinta Vale D. Maria)
- Luísa Amorim (Quinta Nova da Nossa Senhora do Carmo)
- Madalena Sacadura Botte (Quinta da Bica)
- Mafalda Guedes (Herdade do Peso / Sogrape)
- Maria Castro (Quinta da Pellada)
- Maria Manuel Maia (Poças)
- Rita Cardoso Pinto (Quinta do Pinto)
- Rita Fino Magalhães (Monte da Penha)
- Rita Nabeiro (Adega Mayor)
- Sandra Tavares da Silva (Quinta de Chocapalha)
- Teresa Barbosa (João M. Barbosa Vinhos).


De seguida apresento os vinhos e respectivas notas de prova, do Produtor Quinta do Pinto.

Quinta do Pinto Sauvignon Blanc 2012 (Branco)

Região: Regional Lisboa
Castas: Sauvignon Blanc
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Tiago Bellegarde Machado
Nota de Prova: Cor amarelo pálido com delicados laivos esverdeados, o nariz revela intensos aromas de fruta tropical, envolvidos com evidentes sugestões vegetais e de citrinos, além de uma certa mineralidade, na boca é um vinho fresco, onde a fruta tropical e as notas vegetais dominam o paladar, termina com um comprimento e uma persistência de expressão média mas muito agradável.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta do Pinto 2012 (Branco)

Região: Regional Lisboa
Castas: Antão Vaz, Chardonnay, Arinto, Fernão Pires, Marssane e Roussane
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Tiago Bellegarde Machado
Nota de Prova: Cor amarela e nariz dominado pela fruta madura e por delicadas nuances cítricas, na boca é um vinho fresco, com uma acidez bem presente e um paladar dominado pela fruta madura que se apresenta muito bem apoiada por subtis nuances vegetais e até florais, o final de boca tem um comprimento mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta do Pinto Viognier & Chardonnay 2012 (Branco)

Região: Regional Lisboa
Castas: Viognier e Chardonnay
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: Tiago Bellegarde Machado
Nota de Prova: Apresenta uma bonita e brilhante cor amarela citrina e um nariz fino, onde os exuberantes aromas florais e de fruta tropical se misturam com evidentes notas de baunilha e tosta, na boca é um vinho cremoso, com um volume interessante e um paladar dominado pelos citrinos e por um delicado toque especiado, num fundo mais frutado, o final de boca é relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16
Quinta do Pinto Grande Escolha 2010 (Branco)

Região: Regional Lisboa
Castas: Roussanne, Chardonnay e Viognier
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: Tiago Bellegarde Machado
Nota de Prova: Cor amarela intensa e nariz firmemente tostado e cítrico, além de revelar aromas de baunilha, fruta tropical madura e ainda um delicado toque especiado e vegetal, na boca é um vinho elegante, volumoso e estruturado, gordo e untuoso, conta com um paladar vivo, onde a madeira e a fruta madura combinam de uma forma muito positiva, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Pinto Merlot & Syrah 2011 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas: Merlot e Syrah
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: Tiago Bellegarde Machado
Nota de Prova: Cor rubi no centro e rebordo delicadamente violeta, o nariz apresenta um cariz mais vegetal, que em conjunto com a fruta madura e delicadas notas de especiarias, formam um conjunto atractivo, na boca é um vinho agradável, com um corpo bem preenchido, taninos aveludados e um paladar onde fruta está dominadora e muito bem secudada por sugestivas notas apimentadas e ligeiramente achocolatadas, termina com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Quinta do Pinto Petit Verdot & Cabernet Sauvignon 2010 (Tinto)

Região: Regional Lisboa
Castas: Cabernet Sauvignon e Petit Verdot
Produtor: Quinta do Pinto Sociedade Comercial e Agrícola S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: Rui Reguinga
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi de intensidade média/alta e um nariz marcado pelos aromas de pimento envolvidos com alguma fruta madura e delicadas notas vegetais, na boca é um vinho equilibrado, com um volume interessante e taninos bem presentes, no paladar destaca-se a fruta vermelha madura e delicadas notas de especiarias e subtilmente apimentadas, o final de boca tem um comprimento e uma persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas:

terça-feira, 22 de Abril de 2014

3121 - Pó de Poeira 2009 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Sousão e Touriga Franca
Produtor: Jorge Moreira
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Jorge Moreira
Notas de Prova: Apresenta uma bonita e intensa cor rubi no centro, no nariz destacam-se os aromas de fruta vermelha misturados com evidentes notas florais e minerais, além de um delicado toque especiado e algo balsâmico, na boca é um vinho harmonioso e encorpado, com taninos bem presentes e um paladar cheio de fruta madura, notas de barrica e um subtil toque vegetal, termina com um final de boca relativamente prolongado e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Setembro 2013

Rótulo: Nasce no pó, na rudeza e austeridade do Douro. Nasce dos elementos e da vinha. Nasce moldado pelo homem porque acreditamos que um vinho não deve terminar com um ponto de exclamação, deixando sempre questões por responder...

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 21 de Abril de 2014

3120 - Filipa de Lencastre Alvarinho 2011 (Branco)



Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Sociedade Agrícola Casa de Vila Nova, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: António Sousa
Notas de Prova: Cor citrina e nariz delicadamente marcado por aromas cítricos e ligeiramente florais, na boca é um vinho suave, muito fresco e com uma acidez mediana, conta com um paladar frutado e um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Agosto 2013

Rótulo: D. Filipa de Lencastre, mulher do rei D. João I e rainha de Portugal entre 1387 e 1415, só podia dar nome a este vinho alvarinho, a casta mais nobre dos vinhos verdes. Diz a história que o seu apoio a D. João I e aos seus filhos foi importante para o início da era dos Descobrimentos. Este é também um vinho para ser descoberto: 100% alvarinho, com grande intensidade de aromas, de cor citrina e frutado. Ideal para servir como aperitivo, acompanhar pratos de marisco, sushi ou peixe e carnes brancas.

Etiquetas: , , , , ,

3119 - Deu La Deu Alvarinho 2012 (Branco)



Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Adega Cooperativa Regional de Monção, C.R.L.
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Fernando Moura
Notas de Prova: Cor amarelo pálido e nariz agradavelmente preenchido por notas cítricas e por um ligeiro toque floral e mineral, na boca é um vinho equilibrado, com uma acidez interessante e um paladar muito cítrco e ligeiramente frutado, o final de boca tem um comprimento e uma persistência de expressão média.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2013

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Novembro 2013

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Outubro 2013 / Dezembro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Setembro 2013

Rótulo: Vinho elaborado a partir da nobre casta Alvarinho da Sub-Região de Monção e Melgaço, Límpido e brilhante de aspecto e de cor citrina, frutado, donde se destaca pêssego, alperce, frutos tropicais e nuances florais. Com a idade evolui para aromas a frutos secos e melados. Perfeito como aperitivo e para acompanhar marisco, pratos de peixe e carnes brancas. Consumir a 12ºC.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 20 de Abril de 2014

3118 - Brites Aguiar 2009 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Brites Aguiar
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 15%
Enólogo: Pedro Sequeira e António Rosas
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi concentrada e profunda no centro, com um delicado rebordo violáceo, no nariz destacam-se os aromas de fruta madura envolvidas em elegantes notas de menta, barrica e alguma baunilha, num fundo mais floral, especiado e até mineral, na boca é vinho encorpado, volumoso e com taninos sedosos, conta com um paladar cheio de fruta preta, diversas notas de especiarias, como a pimenta e cravinho, bem como um delicado toque achocolatado e tostado, termina longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Outubro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Novembro 2012

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Setembro 2012

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Julho 2012 / Agosto 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............17.5
• Data da Revista: Maio 2012

Rótulo: O vinho da família criado com o nosso engenho e arte, fruto da nossa história orientada por sonhos e gostos. É uma oportunidade oferecida pela natureza, abraçada e retocada por nós, para vos presentear. Com este prazer brindamos à amizade e felicidade que nos envolve.

Etiquetas: , , , , , ,

Quinta da Bica - Portugal Wine Ladies Tasting (Out/2013)


No passado dia 25/10/2013, fui convidado a marcar presença no Evento Portugal Wine Ladies Tasting, que decorreu no Altis Belém Hotel & Spa, em Lisboa.

Esta prova de vinhos foi organizada por um grupo de 12 produtoras portuguesas:
- Catarina Vieira (Herdade do Rocim)
- Francisca van Zeller (Quinta Vale D. Maria)
- Luísa Amorim (Quinta Nova da Nossa Senhora do Carmo)
- Madalena Sacadura Botte (Quinta da Bica)
- Mafalda Guedes (Herdade do Peso / Sogrape)
- Maria Castro (Quinta da Pellada)
- Maria Manuel Maia (Poças)
- Rita Cardoso Pinto (Quinta do Pinto)
- Rita Fino Magalhães (Monte da Penha)
- Rita Nabeiro (Adega Mayor)
- Sandra Tavares da Silva (Quinta de Chocapalha)
- Teresa Barbosa (João M. Barbosa Vinhos).


De seguida apresento os vinhos e respectivas notas de prova, do Produtor Quinta da Bica.

Quinta da Bica 2012 (Branco)

Região: DOC Dão
Castas: Encruzado e Verdelho
Produtor: Quinta da Bica Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 13%
Enólogo: Paulo Nunes
Nota de Prova: Apresenta uma cor muito pálida e um nariz fino e fresco, onde se destacam os aromas muito citrinos e delicadas notas florais, na boca é um vinho equilibrado, com uma agradável acidez e um paladar muito fresco, com a fruta madura e um toque limonado a formarem um conjunto atractivo, o final de boca tem um comprimento mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta da Bica 2012 (Rosé)

Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional e Alfrocheiro
Produtor: Quinta da Bica Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Paulo Nunes
Nota de Prova: Cor rosa de tonalidade avermelhada intensa, no nariz realce para a fruta vermelha, nomeadamente morangos e cerejas, bem como para um delicado toque floral, na boca é um vinho fresco, com paladar ligeiramente seco e amplamente dominado pela fruta vermelha, o final de boca tem uma expressão média.
Classificação Pessoal: 15
Quinta da Bica 2010 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional, Alfrocheiro, Tinta Roriz e Jaen
Produtor: Quinta da Bica Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Nunes
Nota de Prova: Cor rubi de tonalidade vermelha e nariz muito frutado, mais concretamente frutos do bosque envolvidos num subtil toque floral, na boca revela frescura e uns taninos macios, conta com um paladar cheio, frutado e ligeiramente especiado, terminando com um final de boca de comprimento e persistência agradáveis.
Classificação Pessoal: 15.5
Quinta da Bica Vinhas Velhas 2007 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Vinhas Velhas, Touriga Nacional, Baga, Rufete, Alvarelhão, Jaen, Bastardo e outras
Produtor: Quinta da Bica Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Nunes
Nota de Prova: Cor granada intensa e nariz fino, complexo e elegante, onde os aromas de fruta madura e as notas florais envolvem-se com as especiarias e um delicado toque vegetal, na boca é um vinho encorpado, estruturado e até aveludado, com um paladar muito frutado e especiado e um final de boca prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta da Bica Reserva 2004 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional, Alfrocheiro e Jaen
Produtor: Quinta da Bica Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: Vines & Wines
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada intensa e um nariz complexo, onde os evidentes aromas de fruta bem madura se misturam com notas de flores secas e delicadas sugestões de madeira velha, num fundo mais especiado e algo balsâmico, na boca é um vinho encorpado e volumoso, com uns taninos firmes mas nada pesados, conta com um paladar cheio, quer de fruta vermelha, quer de diversas especiarias e termina com um final de boca longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

sábado, 19 de Abril de 2014

3117 - Monte da Ravasqueira Reserva 2011 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola D. Diniz, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e Vasco Rosa Santos
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi com alguma intensidade e concentração no centro e uma auréola de tonalidade avermelhada, no nariz destacam-se os aromas de fruta vermelha acompanhados por delicadas notas florais e suaves sugestões de especiarias, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e um corpo de volume médio, revela um paladar dominado pela fruta preta, delicados toques minerais e de especiarias, envolvidos com a barrica e um subtil achocolatado, termina com um comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Julho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Agosto 2013

Rótulo: Genuinamente alentejano, o Monte da Ravasqueira perpetua a experiência da cultura herdada; um ritmo de vida tranquilo, o gosto pelo convívio, a paixão pela gastronomia tradicional e a arte do vinho. MR Reserva Tinto é um blend de 2 castas Touriga Nacional (54%) e Syrah (46%) proveniente das parcelas que em 2011 mais se destacaram na vinha MR pela sua frescura, estrutura e elegância, características pilar desta gama Reserva. 60% do lote estagiou em barricas novas de Carvalho Francês. Vinho não estabilizado pelo frio, sujeito a criar depósito com o estágio.

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 18 de Abril de 2014

3116 - Monte da Ravasqueira Reserva 2012 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier e Alvarinho
Produtor: Sociedade Agrícola D. Diniz, S.A.
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e Vasco Rosa Santos
Notas de Prova: Apresenta uma cor citrina com uma ligeira tonalidade esverdeada, no nariz destacam-se os aromas de fruta madura aliados a frescas sugestões de lima/limão e um delicado toque mineral, na boca é um vinho fresco e equilibrado, com uma estrutura suave e uma acidez bem vincada, conta com um paladar frutado, algo vegetal e mineral, além de revelar leves nuances de especarias, o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianas.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Julho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Março 2014

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16.5
• Data da Revista: Outubro 2013 / Dezembro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Agosto 2013

Rótulo: O Reserva Branco é um blend de 2 castas provenientes das parcelas que mais se destacaram na vinha MR. Viognier (56%) e Alvarinho (44%) foram as castas que em 2012 apresentaram maior frescura e exuberância, características essências desta gama Reserva. 40% do lote estagiou em barricas de Carvalho Francês.

Etiquetas: , , , , ,

quinta-feira, 17 de Abril de 2014

3115 - Casa do Capitão-Mor Reserva Alvarinho 2011 (Branco)



Região: Regional Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta Paços - Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Rui Cunha
Notas de Prova: Cor amarela de tonalidade citrina e nariz marcado pelos aromas de fruta madura, citrinos e um leve toque vegetal e algo fumado, na boca é um vinho equilibrado, com uma estrutura mediana e uma acidez correcta, revela um paladar mais citrino, com alguns frutos secos e delicadas notas minerais, o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianos.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2013

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

3114 - Apegadas Quinta Velha Reserva 2010 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Tinta Barroca
Produtor: Quinta das Apegadas, Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Rui Cunha
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi de forte intensidade e um nariz agradavelmente preenchido por notas florais, frutos silvestres e delicadas sugestões de especiarias e algum chocolate, na boca é um vinho estruturado e volumoso, com uns taninos firmes e um paladar cheio de fruta, diversas especiarias e alguma barrica, o final de boca tem um comprimento e persistência acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Dezembro 2013

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , ,

quarta-feira, 16 de Abril de 2014

3113 - Francisco Nunes Garcia Reserva 2005 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Alicante Bouschet, Trincadeira, Cabernet Sauvignon
Produtor: Francisco Nunes Garcia
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 15%
Enólogo: João Melícias
Notas de Prova: Cor granada intensa e nariz rico em aromas de fruta madura muito bem integrada com delicadas sugestões de barrica, café, fumo e também diversas especiarias, na boca é um vinho complexo, encorpado e com bom volume, conta com uns taninos redondos e um paladar dominado pelas nuances vegetais e especiadas, num fundo mais frutado e ligeiramente tostado, o final de boca é longo.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Dezembro 2008

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Janeiro 2014

Rótulo: Este vinho, proveniente de uvas das castas Aragonês, Alicante Bouschet, Trincadeira, Cabernet Sauvignon e estagiado em meias pipas de carvalho francês. Foi sujeito a um processo de estabilização natural, pelo que pode criar um pequeno depósito. Deve ser servido a uma temperatura de cerca de 16º. O Enólogo. João Melícias. Deste vinho foram engarrafadas 9.000 garrafas. Nº 3167.

Etiquetas: , , , , , , ,

João M. Barbosa Vinhos - Portugal Wine Ladies Tasting (Out/2013)


No passado dia 25/10/2013, fui convidado a marcar presença no Evento Portugal Wine Ladies Tasting, que decorreu no Altis Belém Hotel & Spa, em Lisboa.

Esta prova de vinhos foi organizada por um grupo de 12 produtoras portuguesas:
- Catarina Vieira (Herdade do Rocim)
- Francisca van Zeller (Quinta Vale D. Maria)
- Luísa Amorim (Quinta Nova da Nossa Senhora do Carmo)
- Madalena Sacadura Botte (Quinta da Bica)
- Mafalda Guedes (Herdade do Peso / Sogrape)
- Maria Castro (Quinta da Pellada)
- Maria Manuel Maia (Poças)
- Rita Cardoso Pinto (Quinta do Pinto)
- Rita Fino Magalhães (Monte da Penha)
- Rita Nabeiro (Adega Mayor)
- Sandra Tavares da Silva (Quinta de Chocapalha)
- Teresa Barbosa (João M. Barbosa Vinhos).


De seguida apresento os vinhos e respectivas notas de prova, do Produtor João M. Barbosa Vinhos.

Ninfa Bruto 2010 (Espumante)

Região: DOC Tejo
Castas: Pinot Noir
Produtor: Sociedade Agrícola João Teodósio Matos Barbosa & Filhos, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e João Barbosa
Nota de Prova: Apresenta uma cor de tonalidade salmão muito delicada, o nariz revela-se contido e ao mesmo tempo complexo, com sugestivas aromas de fruta e algum biscoito, na boca é um vinho elegante, com um paladar frutado e bolha fina, o final de boca é persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Ninfa Escolha Sauvignon Blanc 2012 (Branco)

Região: Regional Tejo
Castas: Sauvignon Blanc
Produtor: Sociedade Agrícola João Teodósio Matos Barbosa & Filhos, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e João Barbosa
Nota de Prova: Cor amarelo pálido e delicados apontamentos esverdeados, no nariz destacam-se os aromas vegetais e de fruta tropical, envolvidos numa certa mineralidade e em frescas e sugestivas notas cítricas, na boca é um vinho com estrutura e onde a sua mineralidade se confunde com um paladar citrino e frutado, além de vegetal e ligeiramente marcado pela barrica, o final de boca tem um comprimento e persistência médio/longos.
Classificação Pessoal: 16
Ninfa Escolha Pinot Noir 2011 (Tinto)

Região: Regional Tejo
Castas: Pinot Noir
Produtor: Sociedade Agrícola João Teodósio Matos Barbosa & Filhos, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e João Barbosa
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade no centro e rebordo de tonalidade avermelhada, no nariz revela finos aromas de fruta vermelha envolvida com delicadas nuances terrosas, cogumelos e ainda subtis especiarias, na boca é um vinho elegante, com um volume acima da média e uma bela acidez, conta com um paladar mais especiado e fumado, com delicadas notas terrosas, o final de boca tem um comprimento médio e uma persistência bem interessante.
Classificação Pessoal: 16
Lapa dos Gaivões 2009 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Trincadeira, Aragonez, Tinta Barroca e Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola João Teodósio Matos Barbosa & Filhos, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e João Barbosa
Nota de Prova: Cor granada de intensidade média, no nariz dominam os aromas de fruta madura, além de delicadas notas vegetais e ainda algumas especiarias, na boca é um vinho equilibrado, com uma acidez agradável e taninos firmes, revela um paladar frutado e algo vegetal, com a madeira agradavelmente integrada, o final de boca tem um comprimento e persistência medianos.
Classificação Pessoal: 15.5
Lapa dos Gaivões Grande Reserva 2008 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet e Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola João Teodósio Matos Barbosa & Filhos, Lda
Álcool: 13,5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e João Barbosa
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada intensa e um nariz muito frutado, além de contar com evidentes traços vegetais e balsâmicos, num fundo mais terroso, especiado e onde a barrica se revela subtil mas muito elegante, na boca é um vinho complexo e encorpado, com taninos firmes e um paladar cheio de fruta preta, notas de especiarias, nomeadamente pimenta preta, um leve toque de chocolate e onde a madeira confere uma agradável profundidade ao vinho, o final de boca é prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 15 de Abril de 2014

3112 - Herdade Grande Colheita Seleccionada 2012 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Antão Vaz, Arinto e Roupeiro
Produtor: Herdade Grande
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luís Duarte
Notas de Prova: Apresenta uma cor citrina e um nariz cheio de fruta tropical madura e aromas de citrinos, tudo muito bem envolvido em sugestivas e elegantes notas minerais, na boca é um vinho muito equilibrado e fresco, com uma acidez fina e um paladar rico em notas cítricas e fruta, com um ligeira sensação de madeira a conferir alguma complexidade ao conjunto, o final de boca tem um comprimento e uma persistência acima da média.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15.5
• Data da Revista: Outubro 2013

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .15.8
• Data da Revista: Agosto 2013 / Novembro 2013

Rótulo: "Com o vinho se alimentam as forças, o sangue e o calor dos homens". Plínio, o Velho Escritor - Naturalista Romano - 23-79. Cheio, com frutas tropicais e a presença suave da madeira. Castas: Antão Vaz, Arinto e Roupeiro.

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 14 de Abril de 2014

3111 - Duorum Reserva Vinhas Velhas 2007 (Tinto)


Duorum Reserva Vinhas Velhas 2007 (Douro)
Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas, Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Sousão
Produtor: Duorum Vinhos, SA
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 13.5%
Enólogo: José Maria Soares Franco
Notas de Prova: Apresenta uma cor avermelhada muito profunda e um nariz sedutor, que alia uma forte componente floral, nomeadamente violetas, a um complexo e rico fruto preto e ainda leves notas de várias especiarias, na boca é um vinho complexo, frutado, com taninos elegantes e firmes, conta com uma excelente acidez e um corpo volumoso e poderoso, tem um final fresco, longo e bem persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17.5
• Data da Prova: Novembro 2009

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Julho 2012 / Agosto 2012

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .17
• Data da Revista: Novembro 2011 / Dezembro 2011

• Data da Revista: Julho 2012 / Agosto 2012

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .18
• Data da Revista: Outubro 2010

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............17.5
• Data da Revista: Fevereiro 2010

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17.5
• Data da Revista: Novembro 2009

Rótulo: Obra-prima da natureza e do esforço humano, o Vale do Douro é essencialmente rio, vinha, história milenar e paisagem grandiosa. Duorum, exprime "de dois", simboliza a vontade de associar a minha actividade de Enólogo à de João Portugal Ramos. Exprime todo o terroir da fantástica região do Douro, resultante da interacção da natureza e do trabalho do homem. Representa tudo o que esta região me ensinou ao longo da minha vida professional. José Maria Soares Franco Winemaker.

Etiquetas: , , , , , , , ,

domingo, 13 de Abril de 2014

3110 - Quinta da Alorna Reserva Arinto & Chardonnay 2011 (Branco)



Região: Regional Tejo
Castas: Arinto e Chardonnay
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Martta Simões
Notas de Prova: Cor amarela de tonalidade dourada, nariz marcado pelas notas abaunilhadas e tostadas envolvidas em delicados aromas de fruta tropical madura, na boca é um vinho untuoso, com boa acidez e um paladar mais citrino e frutado e onde a barrica está mais discreta, o final de boca tem um comprimento e uma persistência médios.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Agosto 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15.5
• Data da Revista: Agosto 2012

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15.5
• Data da Revista: Maio 2012

Rótulo: Com este vinho homenageamos a melhor casta branca potuguesa, o Arinto e a melhor casta branca francesa, o Chardonnay, fermentada em barricas novas de carvalho francês. O resultado é um vinho que combina na perfeição os aromas a fruta fresca do arinto com os frutos maduros, secos e amanteigados típicos do Chardonnay. Este Reserva, na boca apresenta uma estrutura suave, bem equilibrada com a acidez e as notas de baunilha dadas pela madeira. Ideal para acompanhar pratos de peixe assado, carnes brancas e grelhados. Consumir a 10-12ºC. Enóloga: Martta Reis Simões.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Tons de Duorum 2012 (Dez/2013)


No passado dia 24/12/2013, realizei uma Prova do vinho tinto Tons de Duorum 2012 do produtor Duorum Vinhos do Douro

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Duorum Vinhos, SA pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Tons de Duorum 2012 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinta Roriz
Produtor: Duorum Vinhos, SA
Álcool: 13.5%
Enólogo: José Maria Soares Franco
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade e nariz rico em notas florais e aromas de frutos silvestres, nomeadamente amoras, na boca é um vinho fresco, com taninos polidos e envolventes, bem como uma acidez agradável, conta com um paladar muito frutado e um final de boca de comprimento médio e persistência correcta.
Classificação Pessoal: 15.5

Etiquetas:

sábado, 12 de Abril de 2014

3109 - Bons Ares 2012 (Branco)



Região: Regional Douro
Castas: Viosinho, Rabigato e Sauvignon Blanc
Produtor: Ramos Pinto
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 13.5%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Notas de Prova: Apresenta uma cor citrina e um nariz muito fresco e aromático, onde as frescas notas de fruta tropical se envolvem com delicadas sugestões florais e vegetais, num fundo ligeiramente tostado e mineral, na boca é um vinho equilibrado e acima de tudo fresco, com uma bela acidez e um paladar rico em notas cítricas, vegetais e também fruta madura, o final de boca tem cum comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Junho 2013

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.7
• Data da Revista: Dezembro 2013 / Janeiro 2014

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............16.5
• Data da Revista: Outubro 2013 / Dezembro 2013

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.7
• Data da Revista: Agosto 2013 / Novembro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16
• Data da Revista: Agosto 2013

Classificação Revista Escanção: ........................87*
• Data da Prova: Julho 2013 / Agosto 2013
* Classificação de 0-100


Rótulo: A Casa Ramos Pinto fundada em 1880, mantém ainda hoje a firme determinação do seu fundador, Adriano Ramos Pinto, de produzir e seleccionar as melhores uvas da região do Douro para a elaboração dos seus vinhos. Este vinho foi produzido na Quinta dos Bons Ares a partir das castas Viosinho, Rabigato e Sauvignon. A altitude e o solo granítico desta Quinta transmitem-lhe uma acidez e frescura notáveis, o que, associado ao frutado, lhe confere um final extremamente elegante.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 11 de Abril de 2014

3108 - Olho de Mocho Reserva 2010 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet, Syrah e Touriga Nacional
Produtor: Herdade do Rocim
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Ventura
Notas de Prova: Cor rubi intensa e concentrada no centro e auréola de tonalidade violeta, o nariz revela aromas de fruta preta envolvidas em delicadas notas florais e tostadas, num fundo mais vegetal e até ligeiramente achocolatado, na boca é um vinho encorpado e volumoso, revela uns taninos firmes mas ao mesmo tempo elegantes e conta com um paladar cheio de fruta preta, notas de barrica e algumas especiarias, termina de uma forma prolongada e agradavelmente persistente.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Julho 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................17
• Data da Revista: Novembro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Agosto 2013

Rótulo: Entre a Vidigueira e Cuba, no interior alentejano, fica a Herdade do Rocim. Nesta propriedade com 70 hectares de vinha e adega própria, foi pensado e concebido este vinho ao qual quisemos dar um sabor genuíno e um aroma perfumado por mil cuidados, saberes e carinhos. O vinho Olho de Mocho Reserva 2010 foi produzido com as melhores uvas da vindima de 2010, a partir das castas Alicante Bouschet, Syrah e Touriga Nacional.

Etiquetas: , , , , , ,

quinta-feira, 10 de Abril de 2014

3107 - Olho de Mocho 2012 (Rosé)



Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Syrah e Aragonez
Produtor: Herdade do Rocim
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 14%
Enólogo: António Ventura e Catarina Vieira
Notas de Prova: Cor vermelha intensa e nariz rico em aromas de fruta vermelha, nomeadamente morangos e cerejas, misturadas com um delicado toque floral, na boca é um vinho muito fresco e equilibrado, além de relativamente seco e com uma acidez agradável, conta com paladar muito frutado e um final de boca de comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Junho 2013

Classificação Wine - Essência do Vinho: .............15
• Data da Revista: Outubro 2013 / Dezembro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................15
• Data da Revista: Setembro 2013

Classificação Revista Escanção: ........................82*
• Data da Prova: Maio 2013 / Junho 2013
* Classificação de 0-100


Rótulo: Entre a Vidigueira e Cuba, no interior alentejano, fica a Herdade do Rocim. Nesta propriedade com 70 hectares de vinha e adega própria, foi pensado e concebido este vinho ao qual quisemos dar um sabor genuíno e um aroma perfumado por mil cuidados, saberes e carinhos. O vinho Olho de Mocho Rosé 2012 foi produzido com as melhores uvas da vindima de 2012, a partir das castas Aragonez, Syrah e Touriga Nacional.

Etiquetas: , , , , , ,

3106 - Vallado 2010 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Tinta Barroca, Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional e Sousão
Produtor: Quinta do Vallado - Sociedade Agrícola, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13.5%
Enólogo: Francisco Olazabal
Notas de Prova: Cor de média concentração no centro e rebordo de tonalidade violácea, o nariz revela sugestivas notas de frutos silvestres aliadas a frescas notas florais e vegetais, na boca é um vinho redondo e equilibrado, com um paladar muito frutado e ligeiramente especiado, o final de boca tem um comprimento e uma persistência medianas.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Outubro 2013

Rótulo: As vinhas do Vallado situam-se no vale do rio Douro, e mantém-se na família Ferreira, descendente de Dona Antónia Adelaide Ferreira, há seis gerações. Castas Predominantes: Tinta Barroca, Tinta Roriz, Touriga Franca, Touriga Nacional e Sousão. Enólogo: Francisco Olazabal.

Etiquetas: , , , , , , , ,

quarta-feira, 9 de Abril de 2014

3105 - Cabriz Encruzado 2012 (Branco)



Região: DOC Dão
Castas: Encruzado
Produtor: Dão Sul - Sociedade Vitinícola, SA
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Osvaldo Amado
Notas de Prova: Cor citrina pálida e levemente esverdeada, o nariz revela sugestivos aromas de fruta tropical, além de um ligeiro toque floral e abaunilhado, na boca é um vinho com um volume médio, alguma estrutura e um paladar rico em notas minerais, vegetais e de fruta tropical madura, termina com um final de boca agradável, de comprimento médio e muito fresco.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Abril 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Agosto 2013

Rótulo: A casta Encruzado é considerada, muito justamente, uma das melhores castas brancas portuguesas e é cultivada, quase exclusivamente, na região do Dão. A partir das suas uvas, vindimadas no momento ideal de maturação, produzimos este vinho, em que metade foi vinificado pelo processo clássico e o restante fermentado em barricas, utilizando o processo de "Bâtonnage". Estamos satisfeitos com o resultado obtido, onde sobressai a delicadeza da casta e o grande equilíbrio entre o álcool, a acidez e os aromas. Beba-o, desde já, a uma temperatura à volta dos 12ºC ou guarde-o por uns anos para se enriquecer em aromas terciários.

Etiquetas: , , , , ,

Prova de Espumantes Vértice - Descoberta dos Grandes Vinhos - Heritage Wines (Out/2013)


No passado dia 28/10/2013 no Centro Cultural de Belém em Lisboa, teve lugar a Apresentação de alguns Espumantes Vértice do produtor Caves Transmontanas, Lda que faz parte do portfolio da Heritage Wines.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 4 espumantes.


Vértice Rosé 2011 (Espumante)

Região: DOC Douro
Castas: Gouveio, Malvasia Fina e Touriga Franca
Produtor: Caves Transmontanas, Lda
Álcool: 12%
Enólogo: Celso Pereira e Pedro Guedes
Nota de Prova: Cor rosada de tonalidade salmão, o nariz apresenta evidentes aromas de fruta vermelha e delicadas notas florais, na boca revela uma bolha fina e um paladar fresco e acima de tudo floral, além de frutado e um toque ligeiramente adoçicado, o final de boca termina com um comprimento e uma persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 15.5
Vértice Cuvée 2010 (Espumante)

Região: DOC Douro
Castas: Gouveio, Malvasia Fina, Rabigato, Viosinho, Códega e Touriga Franca
Produtor: Caves Transmontanas, Lda
Álcool: 12%
Enólogo: Celso Pereira e Pedro Guedes
Nota de Prova: Cor amarelo pálido e nariz floral mas ao mais tempo, algo contido e discreto, além de complexo e sedutor, revela ainda delicadas sugestões de biscoito e subtis notas cítricas, na boca é um vinho cheio e cremoso, de bolha fina e com um paladar elegante, onde os citrinos e um leve toque especiado estão dominantes, termina com um final de boca relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16
Vértice Millésime 2008 (Espumante)

Região: DOC Douro
Castas: Gouveio, Malvasia Fina, Rabigato, Viosinho, e Touriga Franca
Produtor: Caves Transmontanas, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Celso Pereira e Pedro Guedes
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela citrina e um nariz dominado pelas notas de biscoito, envolvidas por um leve toque especiado, diversos frutos secos e ainda delicados apontamentos cítricos, na boca é um vinho elegante com uma bolha finíssima, conta com um paladar harmonioso e envolvente, com uma bela acidez e sugestivas nuances de citrinos envolvidas com alguma fruta madura e notas de biscoito, o final de boca é longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Vértice Gouveio 2005 (Espumante)

Região: DOC Douro
Castas: Gouveio
Produtor: Caves Transmontanas, Lda
Álcool: 12%
Enólogo: Celso Pereira e Pedro Guedes
Nota de Prova: Cor amarelo pálido e nariz intenso e sedutor, com as notas de citrinos bem maduros e algum biscoito, a aparecerem muito bem envolvidaos com as frescas notas florais e um delicado toque vegetal seco, na boca é um vinho envolvente, muito fresco e com uma bolha finíssima, revela um perfil seco e um paladar muito especiado e frutado, além de citrino e rico em nuances de flores secas, o final de boca é seco, prolongado e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 8 de Abril de 2014

3104 - Crasto Superior 2011 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Sousão
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Notas de Prova: Cor rubi de forte intensidade no centro e rebordo violáceo, no nariz destacam-se os aromas de frutos silvestres, delicadas notas de especiarias e um leve toque floral, num fundo dominado pela baunilha e por leve toque achocoltado, na boca é um vinho equilibrado, guloso e com um volume acima da média, conta com um paladar muito frutado, especiarias bem presentes e madeira muito bem integrada, o final de boca apresenta um comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Abril 2014

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Outubro 2013

Classificação Revista dos Vinhos: ......................16.5
• Data da Revista: Junho 2013

Rótulo: Crasto Superior é produzido com a selecção das melhores uvas provenientes da nossa propriedade localizada no "Douro Superior". Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca, Tinta Roriz e Sousão. Estágio de 12 meses em barricas de carvalho francês.

Etiquetas: , , , , , , ,

segunda-feira, 7 de Abril de 2014

3103 - Ravasqueira Flavours Viognier 2011 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier
Produtor: Sociedade Agrícola D. Diniz, S.A.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Rui Reguinga e Paulo Peças
Notas de Prova: Apresenta uma cor amarela brilhante e um nariz elegante, onde os aromas de fruta madura se envolvem com evidentes notas tostadas e minerais, bem como um delicado toque floral, na boca é um vinho complexo e volumoso, com uma bela acidez e um paladar cheio, onde as notas de barrica casam agradavelmente com a fruta madura e com delicadas sugestões abaunilhadas, o final de boca é prolongado.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Setembro 2013

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Dezembro 2013 / Janeiro 2014

Classificação Paixão pelo Vinho - Wine Passion: .16.5
• Data da Revista: Novembro 2012 / Dezembro 2012

Rótulo: Este vinho é resultado de uma selecção das melhores uvas da casta Viognier, provenientes de uma parcela que apresentou, na vindima deste ano, uma maturação excepcional. Antes de engarrafado, estagiou seis meses em meias pipas novas de carvalho francês. Acompanha bem pratos de peixe condimentados, mariscos nobres, massas, risottos, queijos amanteigados e deve ser servido à temperatura de 8/10ºC.

Etiquetas: , , , , ,