• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4584)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3729)

quarta-feira, 18 de julho de 2018

4831 - Almirez 2014 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Familia Eguren - Bodega Teso La Monja, S.L.
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Marcos Eguren
Notas de Prova: Cor rubi de forte intensidade e nariz rico em aromas de fruta madura e diversas notas de especiarias, num fundo mais tostado e apimentado, não esquecendo as delicadas notas terrosas e de cacau, na boca é um vinho jovem, envolvente e estruturado, com taninos firmes e um volume acima da média, no paladar sobressai a fruta vermelha e preta madura aliada a breves notas tostadas e de barrica, terminando com um final de boca prolongado.

Classificação Pessoal: ......................................16.5
• Data da Prova: Dezembro 2017

Rótulo: Desde la antigüedad y a lo ancho de todo el Mediterráneo, el Almirez o mortero há sido utilizado por numerosísimas civilizaciones para ensamblar las más exquisitas y seleccionadas especias que potenciasen los mejores aromas y sabores de su rica gastronimia. Del mismo modo, Almirez 2014 procede de una cuidada selección de racimos de Tinta de Toro provenientes de viñedos proprios situados en los tres mejores términos de la Denominación de Origen Toro: Valdefinjas, Toro y Villabuena del Puente. La experiencia adquirida durante cinco generaciones de viticultores y el profundo conocimiento de esta zona nos há permitido comprobar cómo se puede alcanzar el máximo potencial de los vinos de Toro a través de la adecuada combinación de estas exclusivas zonas, logrando con ello unir elegancia y potencia, frescura con frutosidad y equilibrio con expresividad.

Etiquetas: , , , , ,

Apresentação dos Vinhos de Cortes de Cima no Restaurante A Casa do Bacalhau (Mar/2018)


No passado dia 29/03/2018 no Restaurante A Casa do Bacalhau em Lisboa, teve lugar a Apresentação de alguns vinhos do Produtor Cortes de Cima da região do Alentejo.
Esta prova foi efectuada com a apresentação de 12 vinhos, 7 brancos, 1 rosé e 5 tintos.


Prova comentada pelo Enólogo Hamilton Reis.

Chaminé 2017 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Verdelho, Alvarinho e Sauvignon Blanc
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor amarela esverdeada e nariz marcado por frescos aromas cítricos e vegetais, além de subtis notas de fruta tropical madura, na boca mostra-se um vinho agradável e seco, com uma acidez interessante e um paladar bem frutado e vegetal, o final de boca termina com um comprimento mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
Chaminé 2017 (Rosé)

Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonez e Syrah
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor salmão e nariz cheio de fruta vermelha muito fresca, morangos e framboesas, envolvidos por delicadas notas florais, na boca é um vinho correcto, fresco e com uma leve secura, no paladar volta a sobressair a fruta vermelha agora acompanhada por leves apontamentos vegetais e até citrinos, o final de boca termina com um comprimento curto/médio e novamente seco.
Classificação Pessoal: 15
Cortes de Cima Alvarinho 2014 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alvarinho
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor amarela intensa e nariz cheio de fruta madura, notas salinas e um citrino maduro bem presente, formando um conjunto elegante, complexo e subtilmente evoluído, na boca mostra-se um vinho com estrutura e uma acidez muito pronunciada, no paladar é a fruta tropical madura e as notas citrinas que dominam o conjunto, terminando com um final de boca prolongado e ligeiramente seco.
Classificação Pessoal: 16.5
Cortes de Cima Alvarinho 2015 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alvarinho
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor amarela brilhante e nariz rico em aromas salinos e citrinos, acompanhados por breves notas de fruta madura, na boca é um vinho equilibrado e muito fresco, com uma acidez bem expressiva, no paladar destaca-se a envolvência entre as notas citrinas, um ligeiro toque vegetal e ainda breves apontamentos minerais, com o final de boca a terminar com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Cortes de Cima Alvarinho 2016 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alvarinho
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor amarela citrina, nariz agradavelmente marcado por aromas florais e citrinos, envolvidos por breves notas minerais, na boca é um vinho fresco e equilibrado, com uma acidez agradável, no paladar dominam as notas citrinas e vegetais com o final de boca a terminar de uma forma bem interessante, quer em termos de comprimento, quer em persistência.
Classificação Pessoal: 16
Cortes de Cima Dois Terroirs 2017 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Verdelho, Viognier e Alvarinho
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor amarela brilhante, nariz rico em fruta e notas citrinas, envolvidas por breves aromas minerais e um subtil toque floral e vegetal, na boca é um vinho equilibrado, com uma acidez bem presente e uma secura por demais evidente, no paladar sobressai a fruta madura, bem como diversas sugestões de citrinos, num fundo delicadamente cremoso e tostado, o final de boca termina com um comprimento e uma persistência médios/longos.
Classificação Pessoal: 15.5
Cortes de Cima Dois Terroirs 2014 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonez, Syrah e Pinot Noir
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor rubi de média intensidade, o nariz sugere fruta vermelha e do bosque, apoiada em breves notas fumadas, especiadas e florais, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e um volume bem agradável, o paladar evidencia elegância e leveza, num conjunto frutado, vegetal e levemente tostado e especiado, com o final de boca a terminar com um comprimento médio e uma persistência agradável.
Classificação Pessoal: 16
Cortes de Cima Amphora 2015 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonez, Syrah, Touriga Nacional e Trincadeira
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor avermelhada de intensidade média, o nariz apresenta frescos aromas de fruta vermelha, notas florais e uma leve sensação vegetal e barro, tudo muito bem apoiado por sugestivas nuances terrosas e minerais, na boca é um vinho equilibrado, com um volume médio e taninos muito bem polidos, no paladar revela-se um vinho muito frutado, além de delicadamente terroso, especiado e até floral, o final de boca termina com um comprimento relativamente prolongado.
Classificação Pessoal: 16
Cortes de Cima Petit Verdot 2008 [Magnum] (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Petit Verdot
Produtor: Casa Agrícola Cortes de Cima, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Hans Kristian Jorgensen e Hamilton Reis
Nota de Prova: Cor granada intensa e um nariz fino e elegante, cheio de fruta preta, a fazer lembrar compota, notas fumadas e vegetais, formando um conjunto muito complexo e elegante, na boca é um vinho encorpado, bem volumoso e com taninos sedosos, no paladar sobressai a fruta negra, apoiada por delicadas notas terrosas e fumadas, num fundo mais apimentado e que termina com um final de boca longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas:

terça-feira, 17 de julho de 2018

4830 - Vidigueira Signature 2016 (Branco)



Região: DOC Alentejo
Castas: Antão Vaz, Arinto e Perrum
Produtor: Adega Cooperativa da Vidigueira, Cuba e Alvito, C.R.L.
Preço: Entre 12.5€ e 15€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Luis Morgado Leão
Notas de Prova: Cor amarela ligeiramente esverdeada e nariz muito citrino e fresco, apoiado por uma breve fruta tropical envolvida por alguma baunilha, na boca é um vinho fácil, com uma acidez correcta e uma frescura bem presente, no paladar apresenta-se frutado e cítrico, bem como levemente floral e vegetal, terminando com um final de boca de comprimeno curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Dezembro 2017

Rótulo: Vinho branco das castas, Antão Vaz, Arinto e Perrum e origem nos solos de Xisto da zona vitivinícola de Vidigueira, é um vinho com aromas de grande complexidade, com notas de fruta tropical muito madura, sabor intenso com a fruta e as notas fumadas da madeira onde fermentou em plena harmonia. Deve de ser consumido à temperatura de 9 a 11ºC. Acompanhe esta história que se desenrola em Atos. Luis Morgado Leão.

Etiquetas: , , , , , ,

segunda-feira, 16 de julho de 2018

4829 - Dona Maria Grande Reserva 2012 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet, Touriga Nacional, Petit Verdot, Syrah e Vinhas Velhas
Produtor: Júlio Tassara de Bastos
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Luís Duarte e Sandra Gonçalves
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira.






Classificação Pessoal: ......................................-


Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Fevereiro 2018

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Novembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Outubro 2017

Rótulo: Este vinho produzido a partir de uvas seleccionadas de vinhas velhas das castas Alicante Bouschet, Touriga Nacional, Petit Verdot e Syrah, fermentadas em lagares de mármore e estagiado em barricas novas de carvalho francês durante um ano, apresenta uma cor rubi retinta e um aroma limpo rico em frutos silvestres com ligações a menta e especiarias. O sabor é intenso e redondo, com taninos aveludados e final persistente.

Etiquetas: , , , , , , , ,

domingo, 15 de julho de 2018

4828 - CARM Grande Reserva 2014 (Tinto)



Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca
Produtor: CARM - Casa Agrícola Roboredo Madeira, Lda
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Ribeiro
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira.





Classificação Pessoal: ......................................-


Rótulo: Das nossas vinhas em Almendra, Douro Superior, foram seleccionadas as melhores uvas das castas Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga Franca cuja combinação com o "terroir", vinificação e o estágio de 12 meses em barricas novas de carvalho francês deu origem a este vinho. Vermelho opaco, de grande intensidade aromática, muito concentrado e complexo. Aromas de fruta madura, ameixa preta e amora, com notas florais típicas da Touriga Nacional. Na boca é encorpado, suave com taninos finos e elegantes. Final cheio de fruta surpreendentemente longo e persistente. Vinho sujeito a criar depósito com a idade, servir com cuidado.

Etiquetas: , , , , , ,

Prova dos Vinhos Tapada de Villar, branco e tinto, da colheita de 2017 (Jun/2018)


No passado dia 11/06/2018, realizei uma Prova dos vinhos branco e tinto, Tapada de Villar 2017, do produtor alentejano Quinta das Arcas.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Quinta das Arcas Sociedade Agrícola, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Tapada de Villar 2017 (Branco)

Região: DOC Alentejo
Castas:
Roupeiro e Antão Vaz
Produtor: Quinta das Arcas Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Fernando Machado e Henrique Lopes
Nota de Prova: Cor amarelo citrino pálido e nariz agradavelmente floral e frutado, apoiado por breves notas citrinas, na boca é um vinho correcto e com uma acidez equilibrada, onde o paladar revela notas frutadas e minerais e o final de boca a terminar com um comprimento curto/médio.
Classificação Pessoal: 15
Tapada de Villar 2017 (Tinto)

Região: DOC Alentejo
Castas:
Alicante Bouschet, Touriga Nacional, Aragonez e Trincadeira
Produtor: Quinta das Arcas Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Fernando Machado e Henrique Lopes
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi de média intensidade e um nariz bem preenchido por aromas de fruta vermelha madura envolvida por delicadas notas especiadas e tostadas, num fundo subtilmente floral, na boca é um vinho equilibrado, com uma estrutura e volume médios, onde revela um paladar frutado e delicadamente especiado, com o final de boca a terminar com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 15

Etiquetas:

sábado, 14 de julho de 2018

4827 - Buena Pinta 2015 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Garnacha Tinta, Moravia Agria e Vinhas Velhas
Produtor: Bodegas y Viñedos Ponce, S.L
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Juan Antonio Ponce
Notas de Prova: Cor granada aberta e nariz rico em notas florais e balsâmicas, num fundo ligeiramente especiado e revelador de algum couro e fruta muito madura, na boca é um vinho correcto, com toques salinos e um volume correcto, na boca é a frescura da fruta vermelha que marca um conjunto delicado e ligeiramente apimentado, o final de boca termina com um comprimento médio.

Classificação Pessoal: ......................................15
• Data da Prova: Dezembro 2017

Rótulo: Moravia Agria / Garnacha. Viñas Viejas.

Etiquetas: , , , , , ,

sexta-feira, 13 de julho de 2018

4826 - Marquesa de Alorna Grande Reserva 2013 (Tinto)



Região: DOC Tejo
Castas: -
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 14%
Enólogo: Martta Simões
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi carregada no centro e uma fina auréola de tonalidade violeta, o nariz evidencia aromas florais e de frutos do bosque, envolvidos pode delicadas notas fumadas e de barrica, num fundo subtilmente achocolatado, na boca é um vinho complexo e jovem, volumoso e com taninos firmes mas ao mesmo tempo elegantes, no paladar sobressai a fruta preta e finas sugestões apimentadas e tostadas, terminando com um final de boca prolongado e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Dezembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 17.5
• Data da Revista: Fevereiro 2018

Classificação Vinho Grandes Escolhas: ..............17
• Data da Revista: Dezembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 17.5
• Data da Revista: Novembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 17.5
• Data da Revista: Setembro 2017

Rótulo: Este vinho é uma homenagem a Leonor de Almeida Lorena e Lencastre (1750-1839), quarta Marquesa de Alorna, poetiza portuguesa do Séc. XVIII, e uma das mais notáveis vozes do pré-romantismo em Portugal. Possuidora de uma esmerada cultura literária e científica, mulher activa e interveniente na vida política e cultural, incentivou o aparecimento de novas ideias estéticas. Martta Reis Simões Enóloga. Um novo assombro, a obra mais polida. Da virtude, da glória, e da grandeza. Começou neste dia a ilustre vida.

Etiquetas: , , ,

quinta-feira, 12 de julho de 2018

4825 - Fedellos do Couto Lomba dos Ares 2015 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Caiño Tinto, Garnacha Tintorera, Mencía, Merenzao e Mouratón
Produtor: Fedellos do Couto
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Curro Bareño e Jesús Olivares
Notas de Prova: Cor granada de fraca intensidade e nariz subtilmente preenchido por aromas florais e de fruta vermelha, num fundo mais mineral e até balsâmico, na boca é um vinho leve, de volume e corpo médio e taninos redondos, no paladar sobressai a fruta vermelha bem fresca, acompanhada por breves nuances vegetais e minerais, terminando com um final de boca de comprimento curto/médio.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Dezembro 2017

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , , , , ,

quarta-feira, 11 de julho de 2018

4824 - Druida Reserva Encruzado 2016 (Branco)



Região: DOC Dão
Castas: Encruzado
Produtor: C2O, Lda
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 13%
Enólogo: Nuno do Ó e João Corrêa
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira.







Classificação Pessoal: ......................................-


Classificação Vinho Grandes Escolhas: ..............17.5
• Data da Revista: Janeiro 2018

Rótulo: Vinhas a 500 metros de altitude, nos solos graníticos da margem direita do rio Dão.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho branco Quinta da Alorna Sauvignon Blanc 2017 (Mai/2018)


No passado dia 26/05/2018, realizei uma Prova do vinho branco Quinta da Alorna Sauvignon Blanc 2017 do produtor Quinta da Alorna, da região do Tejo.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Quinta da Alorna Vinhos, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Quinta da Alorna Sauvignon Blanc 2017 (Branco)

Região: DOC Tejo
Castas: Sauvignon Blanc
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Martta Simões
Nota de Prova: Cor citrina com laivos esverdeados, o nariz apresenta sugestivos e frescos aromas de fruta tropical, onde o ananás é dominante, apoiados por breves aromas vegetais e de espargos, na boca é um vinho agradável, ligeiramente seco e com uma acidez equilibrada, no paladar volta a revelar-se muito frutado e floral, com o final de boca a evidenciar um comprimento curto/médio.
Classificação Pessoal: 15

Etiquetas:

terça-feira, 10 de julho de 2018

4823 - Victorino 2013 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Familia Eguren - Bodega Teso La Monja, S.L.
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 14.5%
Enólogo: Marcos Eguren
Notas de Prova: ainda está na Garrafeira






Classificação Pessoal: ......................................-


Rótulo: Victorino es el homenaje a nuestro abuelo, una querencia irrenunciable a nuestros antepasados, hacia esta tierra y su uva Tinta de Toro, de exclusiva personalidad, que conjuga bravura, armonía y equilibrio.

Etiquetas: , , , , ,

segunda-feira, 9 de julho de 2018

4822 - Ultreia Saint Jacques 2012 (Tinto)



Região: Espanha
Castas: Mencía
Produtor: Raúl Pérez
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Raúl Pérez
Notas de Prova: Cor rubi com alguma intensidade e nariz muito floral e bem preenchido por aromas de fruta vermelha madura envolvidos por delicadas notas balsâmicas e especiadas, na boca é um vinho equilibrado, com um corpo e volume interessantes e taninos redondos, no paladar destaca-se a fruta envolvida pela barrica e por diversas notas de especiarias, terminando com um final de boca de comprimento e persistência relativamente expressivos.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Dezembro 2017

Rótulo: -

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 8 de julho de 2018

4821 - Quinta da Alorna Reserva Alvarinho & Viognier 2016 (Branco)



Região: DOC Tejo
Castas: Alvarinho e Viognier
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Martta Simões
Notas de Prova: Cor amarela intensa e nariz muito bem preenchido por aromas florais e de fruta tropical misturados com algum pêssego e pêra, formando um conjunto fresco e muito aromático, na boca é um vinho equilibrado, com uma acidez agradável e um paladar cheio de fruta madura e subtis notas de baunilha, o final de boca termina com um comprimento e persistência de expressão média.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: Esta união de castas reflete uma boca harmoniosa e distinta. O sabor complexo e macio, fruto da fermentação de 30% do vinho em barricas. Ideal para acompanhar queijos de pasta mole, peixes no forno e empadas de caça. Consumir a 10 - 12ºC. Enóloga: Martta Reis Simões. Com este Reserva aliamos uma casta Portuguesa, o Alvarinho, a uma casta Francesa, a Viognier. O resultado é um vinho que combina na perfeição o melhor das duas castas, as notas tropicais do Alvarinho com os aromas delicados a flores e pêra Williams do Viognier.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho rosé Quinta da Alorna Touriga Nacional 2017 (Mai/2018)


No passado dia 11/05/2018, realizei uma Prova do vinho rosé Quinta da Alorna Touriga Nacional 2017 do produtor Quinta da Alorna, da região do Tejo.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Quinta da Alorna Vinhos, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Quinta da Alorna Touriga Nacional 2017 (Rosé)

Região: Regional Tejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Quinta da Alorna Vinhos, Lda
Álcool: 12.5%
Enólogo: Martta Simões
Nota de Prova: Cor salmão brilhante e de tonalidade rosada, o nariz está subtilmente marcado por aromas de frutos vermelhos e alguma groselha, bem como delicadas notas florais, na boca é um vinho fácil e com uma acidez correcta, o paladar evidencia notas de fruta vermelha madura acompanhadas por leves apontamentos vegetais e até llorais, terminando com um final de boca curto e ligeiramente seco.
Classificação Pessoal: 14.5

Etiquetas:

sábado, 7 de julho de 2018

4820 - Secret de Lunès Chardonnay 2016 (Branco)



Região: França
Castas: Chardonnay
Produtor: Vignobles Jeanjean
Preço: Entre 7.5€ e 10€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Matthieu Carliez e Elise Bellot
Notas de Prova: Cor amarelo vivo e nariz muito aromático, onde as notas de fruta tropical se envolvem com delicadas nuances minerais e com um subtl toque tostado, na boca destaca-se a sua frescura e vivacidade, bem como a acidez apresentada, no paladar volta a dominar a fruta, muito fresca, envolvida por breves sensações florais e de baunilha, o final de boca termina com um comprimento médio/longo.

Classificação Pessoal: ......................................16
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: Nichées au coeur de 1000 ha de garrigue préservée, nos vignes sont à l'abri des regards indiscrets. Cachées entre deux combes, elles puisent dans le terroir de Lunès, riche en minéraux, les resources naturelles nécessaires pour révéler au grand jour tous leurs secrets. Ce Chardonnay aux arômes de fruits frais (pomelos, fruits exotiques) se poursuit sur une bouche parfaitement équilibrée entre fraîcheur et rondeur. Vin Biologique.

Etiquetas: , , , , ,

sexta-feira, 6 de julho de 2018

4819 - Carlos Reynolds 2014 (Tinto)



Região: Regional Alentejo
Castas: Alicante Bouschet, Trincadeira e Syrah
Produtor: Julián Cuéllar Reynolds, Lda
Preço: Entre 4€ e 7.5€
Álcool: 13%
Enólogo: Nelson Martins
Notas de Prova: Cor granada de média intensidade e nariz preenchido por delicadas aromas de fruta vermelha madura e notas vegetais envolvidas por breves nuances especiadas, na boca é um vinho fácil, com taninos bem redondos e uma estrutura simples, no paladar é um vinho frutado e ligeiramente tostado e o final de boca termina com um comprimento curto.

Classificação Pessoal: ......................................13.5
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: Castas: 40% Alicante Bouschet, 40% Trincadeira, 20% Syrah. Fermentação: Em balseiros de carvalho francês da Seguin Moreau com temperatura controlada. Estágio: 12 meses em balseiros Seguin Moreau e 12 meses em garrafa.

Etiquetas: , , , , , ,

quinta-feira, 5 de julho de 2018

4818 - Herdade de Catapereiro 2014 (Rosé)



Região: Regional Tejo
Castas: Merlot e Syrah
Produtor: Companhia das Lezírias, SA
Preço: Entre 2€ e 4€
Álcool: 13%
Enólogo: Bernardo Cabral
Notas de Prova: Cor rosa velho com delicados tons de salmão, o nariz revela fruta vermelha madura acompanhada por delicadas notas vegetais e apimentadas, na boca é um vinho ligeiramente evoluído e com uma acidez correcta, no paladar volta a surgir a fruta madura em destaque, apoiada por breves notas vegetais, o final de boca termina curto.

Classificação Pessoal: ......................................14.5
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: Merlot e Syrah. Aroma a frutos vermelhos e groselha. Na boca fresco e elegante.

Etiquetas: , , , , ,

quarta-feira, 4 de julho de 2018

4817 - El Grifo Malvasía Colección Semidulce 2015 (Branco)



Região: Espanha
Castas: Malvasia
Produtor: Bodegas El Grifo
Preço: Entre 10€ e 12.5€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Tomás Mesa
Notas de Prova: Cor amarelo pálido levemente esverdeado, o nariz sugere aromas florais envolvidos por evidentes notas de fruta tropical, nomeadamente ananás, além de uma subtil sensação citrina, na boca é um vinho doce e ligeiramente seco, com uma acidez mediana, no paladar volta a destacar-se a frescura e exuberância da fruta tropical envolvida por breves notas limonadas, o final de boca termina com um comprimento médio e uma doçura persistente.

Classificação Pessoal: ......................................15.5
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: Vino de Malvasía Volcánica com sus azúcares naturales residuales. Somos la bodega más antiga de Canarias (1775) y una de la diez más antigas de España. Etiqueta diseñada por César Manrique.

Etiquetas: , , , , ,

Prova do Vinho tinto Conde Villar Vinhão 2017 (Jun/2018)


No passado dia 02/06/2018, realizei uma Prova do vinho tinto Conde Villar Vinhão 2017 do produtor Quinta das Arcas, da região dos Vinhos Verdes.

Gostaria de deixar aqui uma palavra de agradecimento ao Produtor Quinta das Arcas Sociedade Agrícola, Lda pelo interesse demonstrado em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos.

Conde Villar Vinhão 2017 (Tinto)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Vinhão
Produtor: Quinta das Arcas Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 12%
Enólogo: Fernando Machado e Henrique Lopes
Nota de Prova: Cor vermelha de forte intensidade e nariz muito fresco, onde sobressaem as notas de frutos vermelhos e silvestres, nomeadamente ameixas e amoras, bem como algum floral, formando um conjunto vivo e fresco, na boca apresenta um corpo mediano e uma acidez bem presente e no paladar é um vinho frutado e ligeiramente vegetal, que termina com um final de boca curto.
Classificação Pessoal: 14

Etiquetas:

terça-feira, 3 de julho de 2018

4816 - MR Premium 2014 (Branco)



Região: Regional Alentejo
Castas: Viognier, Alvarinho, Semillon, Arinto e Marsanne
Produtor: Sociedade Agrícola D. Diniz, S.A.
Preço: Entre 20€ e 25€
Álcool: 12.5%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e Vasco Rosa Santos
Notas de Prova: Cor amarela citrina brilhante e nariz muito elegante, onde as notas minerais e florais se fundem com aromas citrinos e de fruta tropical madura, num fundo mais tostado e abaunilhado, na boca é um vinho seco, volumoso e com uma excelente acidez, no paladar destacam-se as notas citrinas e de fruta madura muito bem integradas com as sugestões de barrica, o final de boca termina longo e com uma persistência elevada.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: MR Premium é uma homenagem a José Manuel de Mello, que se pode ver no rótulo conduzindo uma das suas atrelagens, pela excelência que sempre o caracterizou como empresário e pela paixão que dedicou ao vinho e aos seus Cavalos Lusitanos, Campeões do Mundo de Atrelagem em 1996. As melhores barricas de cada Casta da Ravasqueira foram escolhidas e seladas em Janeiro de 2014. Unicamente voltaram-se a abrir em Dezembro para efectuar o lote. Estiveram 12 meses sem influência e intervenção, factor e conceito que tornam este vinho único. Produção: 3597 garrafas. Garrafa nº 2157 de 3597.

segunda-feira, 2 de julho de 2018

4815 - Quinta da Fata Grande Reserva Touriga Nacional 2014 (Tinto)



Região: DOC Dão
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Quinta da Fata - Agricultura e Turismo, Lda
Preço: Entre 15€ e 20€
Álcool: 13%
Enólogo: António Narciso
Notas de Prova: Cor rubi profunda e muito concentrada, o nariz revela exuberantes e elegantes notas florais misturadas com frutos pretos e do bosque, num fundo mais especiado e balsâmico, além de subtilmente mentolado, na boca é um vinho jovem, muito estruturado e encorpado, com um volume imenso e taninos firmes, no paladar destacam-se as notas de barrica e fruta preta, além de breves nuances florais, com o final de boca a terminar longo e persistente.

Classificação Pessoal: ......................................17.5
• Data da Prova: Novembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Fevereiro 2018

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Dezembro 2017

Classificação Revista de Vinhos A Essência do Vinho: 18
• Data da Revista: Novembro 2017

Rótulo: Este Grande Reserva, 100% Touriga Nacional, galardoado com "O Grande Vinho do Dão 2014", foi fermentado em lagares tradicionais, com pisa a pé, de uvas provenientes exclusivamente desta quinta centenária, há três gerações na mesma família. Estagiou em barricas de carvalho francês e americano. Pode ganhar depósito em garrafa. Consumir a uma temperatura entre 18º a 20º centígrados. Acompanha pratos de carne, caça e queijos fortes. Foram engarrafadas 2.000, cabendo a esta o nº 0565 e 0035.

Etiquetas: , , , , ,

domingo, 1 de julho de 2018

4814 - Quinta da Romaneira Reserva 2014 (Tinto)



Região: Regional Douro
Castas: Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Preço: Entre 25€ e 50€
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Agrellos
Notas de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e de tonalidade rubi/avermelhada, o nariz sugere aromas florais e de fruta vermelha e do bosque misturados com evidentes notas especiadas e de tosta, num fundo mais mineral e até balsâmico, na boca é um vinho elegante, volumoso e encorpado, com taninos finos e um paladar dominado pela fruta preta e por complexas e sugestivas notas de barrica, o final de boca termina com um comprimento longo.

Classificação Pessoal: ......................................17
• Data da Prova: Novembro 2017

Rótulo: As vinhas da histórica Quinta da Romaneira observam o majestoso rio Douro, num amplo anfiteatro natural esculpido no xisto, que é a base do "terroir" único da propriedade. Este Reserva é a expressão do nosso "terroir" e resulta da selecção dos nossos melhores vinhos, vinificados a partir das castas Touriga Nacional e Touriga Franca. Com fruta intensamente concentrada, aromas delicados e selvagens, final longo e fresco, apresenta harmonia, equilíbrio e delicadeza, característica de um grande vinho. 16ºC 18ºC.

Etiquetas: , , , , ,

Mais um jantar de alguns Bloggers no Restaurante Tendinha (Jan/2018)


No passado dia 25/01/2018 no Restaurante Tendinha em Mem Martins, teve lugar mais um Jantar de grandes vinhos, onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Carlos Janeiro (Blog Comer, Beber e Lazer)
- Francisco Damião de Brito (Blog Vinho do Porto Vintage)
e ainda um curioso Pedro.

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Caballero de la Cepa Extra Brut (Espumante)

Região: Argentina
Castas: Chardonnay
Produtor: Finca Flichman S.A.
Álcool: 12.5%
Enólogo: Germán Berra
Nota de Prova: Cor amarela citrina e nariz agradavelmente frutado, com leves notas de biscoito e algum pão torrado, na boca revela uma certa cremosidade, estrutura e bolha fina, no paladar é a fruta que se destaca envolvida por delicadas notas citrinas, terminando com um final de boca ligeiramente seco e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Cantayano 2014 (Branco)

Região: Espanha
Castas:
Verdelho
Produtor: Isaac Cantalapiedra Viticultor
Álcool: 14%
Enólogo: Manuel Cantalapiedra
Nota de Prova: Cor amarela brilhante e nariz muito aromático, com as notas florais e a fruta tropical madura a dominarem, num fundo subtilmente citrino, na boca é um vinho fresco e equilibrado, com uma acidez bem agradável, no paladar apresenta-se muito frutado e subtilmente limonado, o final de boca termina algo seco e com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 16
Duas Quintas Reserva 1992 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Touriga Nacional e Tinta Barroca
Produtor: Ramos Pinto
Álcool: 12.5%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade no centro e uma auréola de tonalidade levemente acastanhada, o nariz sugere aromas de fruta muito madura, em passa e um fino recorte especiado, com breves notas de couro, na boca revela elegância e uma ligeira evolução, no paladar dominam as notas fumadas e de madeira velha, termina com um final de comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 17.5
Imperial Gran Reserva 2004 (Tinto)

Região: Espanha
Castas: Tempranillo, Graciano e Mazuelo
Produtor: Compañia Vinicola del Norte de España, S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: María Larrea
Nota de Prova: Cor rubi de média concentração e nariz rico em fruta vermelha madura e notas vegetais, num fundo mais especiado e algo balsâmico, com a barrica a conferir complexidade a um conjunto elegante e harmonioso, na boca revela-se um vinho muito encorpado, volumoso e com taninos bem presentes, no paladar destacam-se os frutos pretos e a madeira, acompanhados por sugestões minerais e de especiarias, o final de boca termina de uma forma longa e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Vieux Chateau des Combes Saint-Emilion Grand Cru 2014 (Tinto)

Região: França
Castas: Merlot, Cabernet Franc e Cabernet Sauvignon
Produtor: Crus et Domaines de France
Álcool: 13.5%
Enólogo: Vincent Cachau
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz vegetal e rico em fruta madura, algum floral, na boca é suave e equilibrado, revelando taninos redondos e um volume acima da média, no paladar destaque para a fruta vermelha e para as notas florais e vegetais, muito bem secundadas pela barrica, termina longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Escorihuela Gascón Gran Reserva Malbec 2015 (Tinto)

Região: Argentina
Castas: Malbec
Produtor: Escorihuela Gascón
Álcool: 13%
Enólogo: Matías Ciciani Soler
Nota de Prova: Cor densa e profunda no centro e um fino recorte de tonalidade violeta, o nariz apresenta-se cheio de fruta negra e do bosque, envolvida por um ligeiro toque floral e sugestivas notas minerais e até balsâmicas, num fundo marcado pela barrica e por um subtil apontamento químico, na boca é um vinho muito jovem, com taninos expressivos e um volume acima da média, no paladar revela uma imensidão de fruta preta casada com notas tostadas e de pimenta preta, termina com um final de boca prolongado.
Classificação Pessoal: 17
San Román 2009 (Tinto)

Região: Espanha
Castas: Tinta de Toro
Produtor: Bodegas San Román
Álcool: 14.5%
Enólogo: Mariano Garcia
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada de forte intensidade e concentração, o nariz sugere elegantes aromas de fruta vermelha e preta maduras, envolvidos por sugestivas notas balsâmicas e especiadas, num fundo onde domina a barrica de grande qualidade e leves notas minerais, na boca é um vinho muito encorpado e estruturado, com taninos sedosos e uma complexidade única, no paladar voltam a dominar os frutos negros e a madeira, tal como um ligeiro toque mentolado e especiado, o final de boca termia longo e com uma enorme persistência.
Classificação Pessoal: 18
Villa Oliveira Vinha das Pedras Altas 2012 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Baga, Alfrocheiro, Touriga Nacional, Alvarelhão, Tinta Pinheira, Jaen, Tinta Carvalha e outras
Produtor: O Abrigo da Passarela, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Paulo Nunes
Nota de Prova: Cor opaca no centro e uma fina auréola brilhante de tonalidade violeta, o nariz revela complexidade e juventude, com a fruta preta madura envolvida por notas florais e de groselha, um leve toque balsâmico e finas sugestões minerais e de barrica, na boca é um vinho elegante, encorpado e com bom volume, o paladar evidencia fruta muito madura, barrica bem integrada e uma agradável harmonia com diversas especiarias e uma leve sensação mentolada, o final de boca termina longo e com uma grande persistência.
Classificação Pessoal: 17
Romariz Colheita 1994 (Porto)

Região: Douro
Castas: Várias
Produtor: Romariz - Vinhos S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: David Guimaraens
Nota de Prova: Cor acastanhada e nariz muito elegante e vivo, onde os aromas de frutos secos combinam na perfeição com a madeira velha e leves notas caramelizadas e de café, num fundo mais fumado e achocolatado, na boca apresenta-se um vinho envolvente, sedoso e muito complexo, com o paladar a evidenciar fruta e notas tostadas, o final de boca termina longo e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17
Dalva Colheita 1985 (Porto)

Região: Douro
Castas: Várias
Produtor: C. da Silva (Vinhos) SA
Álcool: 20%
Enólogo: José Manuel Soares
Nota de Prova: Cor âmbar de média intensidade no centro e um leve rebordo de tonalidade esverdeada e dourada, o nariz sugere delicados aromas de baunilha, café e madeira, envolvidos pelos frutos secos e ainda por uma subtil sensação de baunilha, na boca apresenta-se um vinho ligeiramente evoluído, com um volume médio/alto e uma complexidade agradável, no paladar destaque para a harmonia existente entre os frutos secos e a madeira, com o final de boca a terminar com um comprimento e uma persistência prologandos.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas: