• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (5850)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (4239)

domingo, 12 de janeiro de 2020

Apresentação dos Vinhos Quinta do Noval e Quinta da Romaneira - Parte I (Mai/2019)


No passado dia 03/05/2019 a convite da Quinta do Noval, teve lugar a Apresentação das novas colheitas de 2017 dos vinhos de mesa e do porto, das marcas Quinta da Romaneira e Quinta do Noval, ambas da região do Douro.
Na 1ª parte deste Evento, foram provados os vinhos tintos de 2017 da Quinta da Romaneira.



Sino da Romaneira 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor rubi de forte tonalidade violeta, o nariz sugere aromas florais marcantes acompanhados pelos frutos silvestres e uma delicada sensação vegetal, num fundo subtilmente especiado e tostado, na boca revela equilíbrio e estrutura, com taninos delicados, no paladar volta a dominar a fruta vermelha e do bosque, envolvida por delicadas notas especiadas, o final de boca termina com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 16
Quinta da Romaneira 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional, Touriga Franca e Sousão
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor rubi profunda no centro e auréola violácea, o nariz revela aromas de frutos vermelhos envolvidos por notas florais e notas de barrica muito elegantes, na boca é um vinho encorpado, volumoso e com taninos firmes mas ao mesmo tempo muito elegantes, no paladar mostra-se um vinho cheio de fruta negra madura, notas minerais e florais, bem como um toque de barrica que confere grande complexidade ao conjunto, o final de boca termina longo e com grande persistência.
Classificação Pessoal: 17
Quinta da Romaneira Syrah 2017 (Tinto)

Região: Regional Douro
Castas: Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e nariz muito fresco e dominado pela fruta vermelha madura e algum floral, acompanhados por notas de barrica e um leve toque balsâmico , na boca destaca-se a sua frescura e envolvência, com um bom volume e taninos sedosos, no paladar sobressai a fruta e a sua componente mais vegetal e mineral, com alguma tosta e especiarias, termina longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta da Romaneira Petit Verdot 2017 (Tinto)

Região: Regional Douro
Castas: Petit Verdot
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor profunda no centro e uma fina auréola rubi, o nariz revela-se frutado e especiado, com breves nuances balsâmicas e de barrica, na boca é um vinho encorpado, volumoso e com taninos em grande evidência, o paladar é muito frutado, especiado e ligeiramente vegetal, com o final de boca a terminar algo seco e com forte persistência.
Classificação Pessoal: 17
Quinta da Romaneira Tinto Cão 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinto Cão
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor granada no centro e uma fina auréola violeta, o nariz revela fruta vermelha e notas florais, acompanhadas por delicadas notas vegetais e balsâmicas, na boca é um vinho equilibrado e muito harmonioso, com uma intensa complexidade e taninos bem presentes, no paladar é um vinho cheio de fruta, notas minerais e uma leve sensação especiada, o final de boca termina longo e bem persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta da Romaneira Touriga Nacional 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz rico em aromas florais e breves notas de frutos do bosque, envolvidos por delicadas notas vegetais e uma forte componente de barrica, na boca é um vinho muito equilibrado e fresco, com uma agradável estrutura e volume, no paladar volts a sobressair a fruta vermelha madura, bem como breves notas vegetais e de especiarias, o final de boca termina de uma forma prolongada e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta da Romaneira Apontador Syrah 2017 (Tinto)

Região: Regional Douro
Castas: Syrah
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Cor rubi de forte intensidade, nariz muito elegante e cheio de fruta vermelha madura, notas vegetais e breves nuances minerais e balsâmicas, num fundo tostado, na boca é um vinho volumoso, muito encorpado e com taninos muito elegantes, no paladar é um vinho cheio de fruta, notas especiadas e minerais, termina longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta da Romaneira Touriga Franca Vinhas Velhas 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas e Touriga Franca
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi de forte intensidade, muito concentrada, no nariz sobressai a fruta vermelha e preta bem maduras, acompanhadas por delicadas notas minerais e uma sensação floral vem evidente, num fundo muito especiado e agradavelmente marcado pela barrica, na boca é um vinho envolvente, com grande estrutura e elegância, no paladar é um vinho muito frutado e especiado, com a barrica muito bem integrada apesar da sua juventude, o final de boca termina longo e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta da Romaneira Reserva 2017 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: Sociedade Agrícola da Romaneira, S.A.
Álcool: 14%
Enólogo: António Agrellos
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e muito concentrada, o nariz revela frescas e ao mesmo tempo complexas notas florais, de fruta vermelha madura e uma sensação mineral bem evidente, num fundo especiado e ligeiramente vegetal, na boca é um vinho volumoso, muito harmonioso e com um volume imenso, os taninos evidenciam-se pela sua firmeza e elegância, no paladar é um vinho cheio de fruta, notas de barrica e breves nuances vegetais e especiadas, num fundo ligeiramente balsâmico, o final de boca termina longo e com grande persistência.
Classificação Pessoal: 17.5

Etiquetas: