• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (5286) A-M / N-Z
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (4117)

domingo, 5 de janeiro de 2020

Nova Prova Vertical do Vinho Tinto Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas no Restaurante Rubro (Out/2019)


No passado dia 04/10/2019, realizei uma Nova Prova Vertical do Vinho Tinto Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas, do produtor Quinta do Crasto da região do Douro, juntamente com um grupo de amigos no restaurante Rubro, em Lisboa.

Esta prova foi efectuada com a degustação de 4 colheitas: 2009, 2012, 2014 e 2016.


2196 - Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2009 (Tinto)Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2009 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada intensa no centro e uma delicada auréola de tonalidade avermelhada, no nariz destacam-se os aromas frutados combinados com delicadas notas especiadas e tostadas, num fundo ligeiramente balsâmico e onde as notas minerais e de couro são evidentes, na boca é um vinho com estrutura, corpo e volume, destacando-se a elegância dos taninos, no paladar sobressai novamente a fruta madura em perfeita harmonia com as notas de especiarias e barrica, além de uma delicada sensação de couro que confere uma subtil elegância ao conjunto, o final de boca termina com um comprimento e uma persistência muito expressivos.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2012 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor rubi intensa e de tonalidade granada à volta, o nariz revela complexas e elegantes notas de barrica misturadas com frutos pretos e breves nuances minerais, num fundo mais especiado e delicadamente vegetal, na boca é um vinho encorpado e muito elegante, destacando-se uma ligeira evolução que confere complexidade e nobreza ao conjunto, no paladar destaca-se a fruta preta e vermelha bem maduras, muito bem integradas com a barrica e com subtis nuances minerais, o final de boca termina com um comprimento prolongado e bem persistente.
Classificação Pessoal: 17
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2014 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14%
Enólogo: Dominic Morris e Manuel Lobo
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz agradavelmente marcado por frescos aromas florais e de frutos silvestres, além de uma delicada sensação especiada e apimentada, num fundo marcado por sensações químicas e minerais, na boca é um vinho equilibrado, com taninos redondos e uma ligeira evolução, o paladar volta a evidenciar a fruta madura, especialmente os frutos pretos como as amoras e ameixas, além de breves nuances de barrica e novamente uma sensação química que marca o conjunto, o final de boca termina com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta do Crasto Reserva Vinhas Velhas 2016 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Vinhas Velhas
Produtor: Sociedade Agrícola da Quinta do Crasto
Álcool: 14.5%
Enólogo: Manuel Lobo
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi profunda no centro e uma brilhante auréola de tonalidade violeta, o nariz revela frescos aromas florais e de frutos vermelhos e do bosque apoiados por delicadas nuances especiadas e tostadas, num fundo subtilmente mineral, na boca é um vinho complexo, encorpado e com um volume acima da média, os taninos revelam fineza e no paladar sobressai a harmonia existente entre a fruta preta e as notas de barrica, o final de boca termina de uma forma bem prolongada e persistente.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas: