• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







free counters


Todos os Vinhos Provados pelo Blog Os Vinhos
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos

domingo, 24 de julho de 2011

Prova Vertical do Vinho Quinta dos Aciprestes Reserva (Jul/2011)

No passado dia 21/07/2011, realizei com um grupo de amigos, no restaurante Prova dos 9, em Lisboa, uma Prova Vertical do Vinho Quinta dos Aciprestes Reserva, marca pertencente ao portfolio do produtor Real Companhia Velha do Douro.
Esta prova foi efectuada com a degustação de 4 colheitas, a de 2004, 2005, 2007 e finalmente a de 2008.


1521 - Quinta dos Aciprestes Reserva 2004 (Tinto)Quinta dos Aciprestes Reserva 2004 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 14%
Enólogo: Jerry Luper, Gabriela Canossa e Manuel Brites
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada intensa e um nariz agradavelmente preenchido por aromas de fruta preta, delicadas sugestões de especiarias e um leve toque floral, num fundo achocolatado muito atractivo, na boca é um vinho denso, cheio de fruta e com taninos firmes mas ao mesmo tempo bem integrados num conjunto encorpado, elegante e subtilmente marcado por notas de café, tem um final de comprimento médio/longo e uma persistência convincente.
Classificação Pessoal: 16.5
Quinta dos Aciprestes Reserva 2005 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 14%
Enólogo: Jerry Luper, Gabriela Canossa e Manuel Brites
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e auréola de tonalidade avermelhada, o nariz revela inicialmente diversos aromas de especiarias e uma ligeira sensação de couro, que rapidamente dão lugar a elegantes aromas de fruta preta, delicadas e envolventes sensações fumadas e ainda um leve toque resinoso e achocolatado que tornam o conjunto muito atractivo, na boca apresenta-se volumoso, muito especiado e encorpado, com a fruta e um leve toque vegetal a conferirem complexidade a um paladar muito elegante, que conta ainda com uns taninos polidos e onde as notas de barrica revelam uma excelente integração, termina de uma forma prolongada e muito persistente.
Classificação Pessoal: 17
1520 - Quinta dos Aciprestes Reserva 2005 (Tinto)
1519 - Quinta dos Aciprestes Reserva 2007 (Tinto)Quinta dos Aciprestes Reserva 2007 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 14%
Enólogo: Jerry Luper, Gabriela Canossa e Manuel Brites
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e um nariz muito perfumado e floral, bem preenchido por frescas notas de frutos vermelhos maduros e um ligeiro toque balsâmico e também achocolatado, na boca é um vinho poderoso mas ao mesmo tempo sedutor, pois é capaz de aliar a fruta preta a diversas notas de especiarias, como pimenta preta e algum cravinho, num fundo envolvido por complexas sugestões de barrica, destaque ainda para a firmeza dos taninos, como que a pedir tempo em garrafa, o final de boca tem um comprimento longo e uma persistência enorme.
Classificação Pessoal: 17
Quinta dos Aciprestes Reserva 2008 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Touriga Nacional, Touriga Franca e Tinta Roriz
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 14%
Enólogo: Jerry Luper, Gabriela Canossa e Manuel Brites
Nota de Prova: Cor rubi carregada e nariz muito jovem e fresco, onde os aromas florais se misturam com a fruta vermelha, com evidentes nuances de barrica e até um leve toque vegetal e uma ligeira mas fresca sensação de menta, na boca é um vinho cheio de garra, onde a barrica se mostra dominadora mas que aos poucos vai mostrando alguma fruta preta e até um certo toque floral, revela ainda uns taninos firmes e uma estrutura apelativa, apesar de ser notório que ainda está muito jovem e certamente melhorará com o tempo em garrafa, o final é algo seco e conta com um comprimento longo e uma agradável persistência.
Classificação Pessoal: 16
2019 - Quinta dos Aciprestes Reserva 2008 (Tinto)

Etiquetas: