• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4340)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3527)

quarta-feira, 13 de março de 2013

Jantar de Vinhos no Restaurante Areeiro 3 (Dez/2012)


No passado dia 05/12/2012 no Restaurante Areeiro 3 em Lisboa, teve lugar mais um Jantar onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho mas não só.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Miguel Pereira (Blog Pingamor), bem como o Enólogo António José Saramago.

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos (alguns em Prova Cega) que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Pynga Selection 2010 (Branco)

Região: Regional Lisboa
Castas: Arinto, Antão Vaz, Verdelho
Produtor: Vale da Capucha Agricultura e Turismo Rural, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: Pedro Marques
Nota de Prova: Cor amarela com delicados laivos esverdeados, o nariz revela-se delicado e fresco, com as notas vegetais e um ligeiro toque citrino a marcarem o conjunto, na boca é um vinho suave, relativamente seco e de estrutura mediana, o paladar conta com um leve toque limonado e frutado, sendo que o final de boca tem um comprimento e persistência curtos/médios.
Classificação Pessoal: 15
Cave Solar das Francesas Garrafeira 1980 (Tinto)

Região: Bairrada
Castas: -
Produtor: Cave Solar das Francesas, S.A.R.L.
Álcool: 12%
Enólogo: -
Nota de Prova: Cor granada de tonalidade acastanhada, no nariz são notórias as notas de madeira velha e um toque de couro muito evidente, notando-se já uma enorme evolução, na boca é um vinho que desilude, pois apresenta-se sem força e com uma acidez já sem vida, bem como um corpo delgado, apenas com as notas de couro a evidenciarem-se, o final de boca é demasiado curto.
Classificação Pessoal: 11
Caios 2010 (Branco)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Arinto e Antão Vaz
Produtor: Sociedade Agrícola Herdade do Cebolal, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: António Saramago
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela de tonalidade levemente esverdeada, o nariz revela suaves mas perfumadas notas florais e de citrinos, acompanhadas por alguma tosta que conferfe uma agradável complexidade, na boca é um vinho estruturado, com um paladar levemente especiado e onde a fruta madura e delicadas sugestões minerais, conferem uma interessante complexidade ao conjunto, o final de boca tem um comprimento médio e uma persistência ligeiramente acima da média.
Classificação Pessoal: 16
Boisrenard Chateauneuf du Pape 2007 (Tinto)

Região: França
Castas: Cinsault, Counoise, Grenache, Mourvèdre, Muscardin, Syrah, Terret Noir e Vaccarèse
Produtor: Domaine Beaurenard
Álcool: 14.5%
Enólogo: Daniel Coulon e Frederic Coulon
Nota de Prova: Cor carregada no centro e auréola de tonalidade rubi, o nariz revela finos aromas florais e vegetais, aliados a alguma compota e a subtis notas de diversas especiarias, baunilha e também algum chocolate, na boca é um vinho elegante, com taninos redondos e uma complexidade e estrutura invejáveis, no paladar destaca-se a fruta preta e as notas de barrica estão bem presentes, o final de boca é prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17
Cumal Prieto Picudo 2005 (Tinto)

Região: Espanha
Castas: Prieto Picudo
Produtor: Dominio de Tares
Álcool: 14%
Enólogo: ermín Rodríguez Uria
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e nariz muito delicado e complexo no início, no decorrer da prova vai mostrando fruta vermelha madura e um ligeiro toque terroso, bem como delicadas notas especiadas e até algum vegetal seco, na boca é um vinho equilibrado, fino, com bom volume e uma agradável secura, o paladar revela fruta madura e alguma barrica, sendo que os taninos estão em evidência, principalmente devido à sua juventude, o final de boca tem um comprimento médio e uma persistência média/alta.
Classificação Pessoal: 16.5
A.S. Cinquenta 2009 (Tinto)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas: Castelão, Cabernet Sauvignon, Touriga Nacional e Alicante Bouschet
Produtor: António Saramago - Vinhos, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: António Saramago
Nota de Prova: Apresenta uma cor granada muito carregada no centro com laivos fortemente violáceos, o nariz revela uma complexidade e ao mesmo tempo uma fineza, dignas de registo, formando um conjunto elegante e acima de tudo muito jovem, aos poucos vão aparecendo as notas de fruta preta, tosta e também especiarias, envolvidas em notas florais e onde a barrica e delicadas nuances balsâmicas estão subtilmente integradas, na boca mostra-se um vinho denso, profundo, encorpado e volumoso, conta com uns taninos firmes e um paladar rico em frutos silvestres, tosta, especiarias e ainda delicadas notas vegetais e minerais, tudo muito elegante e envolvente, o final de boca é muito prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Dúvida 2008Dúvida 2008

Região: Regional Alentejo
Castas: Aragonês, Trincadeira e Grand Noir
Produtor: António Saramago - Vinhos, Lda
Álcool: 15%
Enólogo: António Saramago
Nota de Prova: Cor densa e concentrada, quase opaca, o nariz revela fineza e elegância, onde a fruta preta e um certo achocolatado, acompanhados por um leve toque floral e por sugestivas notas de barrica, muito bem integradas, dão vida a um conjunto atractivo e muito jovem, na boca é um vinho harmonioso, com taninos firmes e muito encorpado, além de volumoso e algo austero, o paladar revela notas de fruta preta, compotas e um certo mineral, que aliado a delicadas notas de chocolate e especiarias, forma um conjunto envolvente e cheio de garra, o final de boca é muito prolongado e de enorme persistência.
Classificação Pessoal: 18
António Saramago Moscatel Superior Reserva 2007 (Moscatel)

Região: DOC Península de Setúbal
Castas: Moscatel
Produtor: António Saramago - Vinhos, Lda
Álcool: 18%
Enólogo: António Saramago
Nota de Prova: Apresenta uma cor de tonalidade alaranjada e atijolada, com um nariz marcado pelos aromas de casca de laranja cristalizada, um ligeiro toque melado e ainda suaves nuances citrinas e até florais, na boca é um vinho fresco, com boa acidez e um volume assinalável, conta com uma doçura bem integrada e um paladar marcado pelas notas meladas e pela fruta cristalizada, o final de boca é relativamente prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas: