• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4493)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3654)

domingo, 11 de junho de 2017

Bloggers voltam a encontrar-se em mais um Jantar no Prazer dos Cheirinhos (Dez/2016)


No passado dia 07/12/2016 no Prazer dos Cheirinhos em Mem Martins, teve lugar um novo Jantar de Vinhos, onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Carlos Janeiro (Blog Comer, Beber e Lazer)
- Francisco Damião de Brito (Blog Vinho do Porto Vintage)
- João Pedro Carvalho (Blog Copo de 3)
- Luis Gradíssimo (Blog Avinhar), Arnaud Stevenot e Victor Janeiro (Prazer dos Cheirinhos).

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Regueiro Bruto Alvarinho 2014 (Espumante)

Região: Regional Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta do Regueiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: Paulo Cerdeira Rodrigues
Nota de Prova: Cor dourada de média intensiade e nariz preenchido por aromas de fruta madura envolvidos por delicadas notas fumadas e citrinas, na boca revela uma ligeira evolução e uma acidez mediana, apresentando uma bolha média e um paladar mais frutado do que citrino e ainda subtilmente tostado, o final de boca termina algo curto mas de uma forma agradável.
Classificação Pessoal: 14.5
MR Premium 2015 (Rosé)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional
Produtor: Sociedade Agrícola D. Diniz, S.A.
Álcool: 13%
Enólogo: Pedro Pereira Gonçalves e Vasco Rosa Santos
Nota de Prova: Cor rosada de tonalidade salmão muito delicada, o nariz revela fruta vermelha pouco exuberante mas elegante, acompanhada por delicadas notas florais e alguma tosta, na boca apresenta-se fresco e equilibrado, com uma acidez mediana e uma relativa complexidade, no paladar revela fruta suave e um ligeiro toque vegetal, terminando com um final de boca mediano.
Classificação Pessoal: 15
Soalheiro Primeiras Vinhas Alvarinho 2008 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 13%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Cor amarela dourada e nariz agradavelmente elegante e bem preenchido por aromas de citrinos maduros e ainda diversas frutas de caroço, num fundo mais fumado e delicadamente tostado, na boca revela alguma evolução e uma estrutura interessante, revelando-se um conjunto harmonioso e algo seco, no paladar é a fruta madura que domina aliada a breves notas mais cítricas e até vegetais, o final de boca termina relativamente persistente.
Classificação Pessoal: 16
Arinto da Peceguina 2015 (Branco)

Região: Regional Alentejo
Castas: Arinto
Produtor: Herdade da Malhadinha Nova, SA
Álcool: 13%
Enólogo: Luís Duarte e Pedro Garcia
Nota de Prova: Cor amarela intensa e nariz muito frutado e vegetal, com breves notas minerais a completarem um conjunto agradável, na boca é um vinho equilibrado e fresco, com uma agradável acidez e um paladar rico em fruta madura e subtis nuances vegetais, o final de boca termina com um comprimento médio e uma persistência algo curta.
Classificação Pessoal: 15
E. Guigal Crozes-Hermitage 2008 (Branco)

Região: França
Castas: Viognier, Roussane, Marsanne, Clairette e Bourboulenc
Produtor: E. Guigal
Álcool: 13%
Enólogo: Philippe Guigal
Nota de Prova: Apresenta uma cor de forte tonalidade dourada e um nariz muito bem preenchido por aromas de fruta já bem madura e ainda breves apontamentos de flores secas e frutos secos, na boca é um vinho mais seco embora seja de destacar a sua acidez, ainda bem presente, revela-se timidamente evoluído e conta ainda com uma interessante estrutura e uma agradável vivacidade, no paladar destaque para a envolvência entre a fruta madura e alguma tosta, terminando com um final de boca de comprimento médio e persistência acima da média.
Classificação Pessoal: 16
Terras do Demo Reserva Pata de Lebre 2013 (Espumante)

Região: DOC Távora-Varosa
Castas: Malvasia Fina e Verdelho
Produtor: Cooperativa Agrícola do Távora, C.R.L.
Álcool: 12%
Enólogo: Jaime Brojo e Nuno Pimentel
Nota de Prova: Cor amarela de tonalidade esverdeada, o nariz evidência uma forte componente citrina e vegetal, com algum picante e notas especiadas diferenciar o conjunto, na boca é um vinho seco e estruturado, com bolha fina e um paladar frutado, com predominância para os frutos secos, o final de boca termina agradavelmente persistente.
Classificação Pessoal: 16
Arrepiado Velho Collection 2008 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional, Petit Verdot, Syrah e Cabernet Sauvignon
Produtor: Sociedade Agrícola da Herdade do Arrepio Velho, Lda
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Maçanita
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e auréola de tonalidade granada, o nariz revela evidentes aormas de fruta vermelha madura e notas florais envolvidas por sugestivas especiarias, na boca revela-se um vinho encorpado e com taninos firmes, com o paladar a evidenciar a fruta preta e as notas da madeira, o final termina com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 17
Brites Aguiar 2009 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Franca, Tinta Roriz e Touriga Nacional
Produtor: Brites Aguiar
Álcool: 15%
Enólogo: 2PR
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi densa no centro e uma auréola violeta, o nariz mostra-se muito apelativo com destaque para os frutos do bosque e ameixas, bem integrados com notas tostadas e algumas especiarias, na boca o álcool está muito presente e revela um volume intenso e um corpo cheio, no paladar é a fruta preta bem madura que domina um conjunto especiado e algo mineral, terminando de uma forma prolongada.
Classificação Pessoal: 17
Château St-Pierre Pomerol 2006 (Tinto)

Região: França
Castas: Merlot e Cabernet Franc
Produtor: Château St-Pierre
Álcool: 13%
Enólogo: -
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade, o nariz apresenta delicadeza e um toque muito apimentado, com a fruta vermelha envolvida por evidentes nuances mais vegetais e de pimentos maduros, na boca é um vinho equilibrado, elegante e de corpo médio, onde merece destaque toda a sua elegância e fina textura, no paladar sobressai a fruta vermelha madura muito bem acompanhada por diversas notas vegetais e algo terrosas, num fundo com algum couro e uma certa mineralidade, o final de boca é prolongado.
Classificação Pessoal: 17
Alión 2004 (Espanha)

Região: Espanha
Castas: Tinto Fino
Produtor: Bodegas y Viñedos Alión
Álcool: 14.5%
Enólogo: Xavier Ausás e Begoña Jovellar
Nota de Prova: Cor densa de tonalidade granada e um nariz rico em fruta preta madura e notas especiadas e tostadas, num fundo mais mineral e ligeiramente marcado pelos aromas terrosos e de couro, responsáveis por uma complexidade e elegância notáveis, na boca é um vinho envolvente e harmonioso, além de encorpado e volumoso, no paladar é a fruta que domina o conjunto, ao revelar-se bem integrada com a madeira, o final de boca termina longo e com uma enorme persistência.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta do Infantado Reserva 2009 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Vinhas Velhas
Produtor: Quinta do Infantado, Vinhos do Produtor, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Fátima Ribas
Nota de Prova: Apresenta uma cor profunda no centro e uma auréola de fino rebordo rubi, o nariz sugere vistosos aromas de fruta preta envolvida por delicadas notas achocolatadas, algum vegetal e ainda diversas especiarias, tudo muito elegante e vivo, na boca é um vinho encorpado e volumoso, com taninos finos e muito estruturado, no paladar volta a dominar a fruta preta e revela uma excelente integração com a barrica, o final de boca é persistente e longo.
Classificação Pessoal: 17.5
Château Suau Sauternes 2012 (Branco)

Região: França
Castas: Sémillon, Muscadelle e Sauvignon Blanc
Produtor: Château Suau
Álcool: 12.5%
Enólogo: Eric Chabot
Nota de Prova: Cor amarela dourada e nariz algo melado e citrino, com frutos secos muito subtis e onde se destaca uma evolução muito precoce, na boca é um vinho correcto, com um corpo mediano e um paladar demasiado fácil e delicado, com a fruta em passa pouco presente e uma breve sensação citrina a marcar o conjunto, o final de boca é muito curto.
Classificação Pessoal: 12
Ferreira Vintage 1985 (Porto)

Região: Porto
Castas: Várias
Produtor: Sogrape Vinhos de Portugal, SA
Álcool: 20%
Enólogo: Luis Sottomayor
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade e nariz delicado mas muito elegante, onde a fruta já muito madura e subtilmente em passa combina de uma forma agradável com um ligeiro alicorado e sugestivas notas de cacau, na boca é notória a sua evolução, embora ainda apresente algum volume e corpo, no paladar é o álcool e a fruta alicorada que dominam um conjunto de fácil prova, o final de boca termina com um comprimento e persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 16.5

Etiquetas: