• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4440)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3604)

domingo, 6 de agosto de 2017

Bloggers juntam-se no Prazer dos Cheirinhos para mais um jantar (Set/2016)


No passado dia 16/09/2016 no Prazer dos Cheirinhos em Mem Martins, teve lugar mais um Jantar de grandes vinhos, onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os Bloggers :
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Rui Lourenço Pereira (Blog Art meets Bacchus)
- Carlos Janeiro e Vitor Janeiro(Blog Comer, Beber e Lazer)
- Francisco Damião de Brito (Blog Vinho do Porto Vintage)
- João Pedro Carvalho (Blog Copo de 3)
e ainda Arnaud Stevenot e Pedro Sovela.

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Quinta da Fata 1961 (Tinto)

Região: DOC Dão
Castas: Várias
Produtor: Quinta da Fata - Agricultura e Turismo, Lda
Álcool: -%
Enólogo: -
Nota de Prova: Cor acastanhada muito delgada e nariz já completamente dominado pelo couro e por delicadas notas de fruta já em passa, na boca revela uma evidente evolução e uma acidez praticamente nula, o paladar continua cheio de couro e o final de boca termina curto e já com pouco fulgor.
Classificação Pessoal: 12
Brummel Brut Blanc des Blancs (Espumante)

Região: França
Castas: Ayren
Produtor: Veuve Ambal
Álcool: 11.5%
Enólogo: Veuve Ambal
Nota de Prova: Cor amarela de tonalidade dourada e nariz agradavelmente preenchido por aromas florais e de fruta madura, bem como um ligeiro toque melado, na boca mostra-se um vinho correcto, com um ligeiro adoçicado e uma bolha média, o paladar evidencia notas de fruta e breves nuances citrinas, terminando com um final de boca algo curto de comprimento.
Classificação Pessoal: 14.5
Soalheiro Alvarinho Bruto (Espumante)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Quinta de Soalheiro
Álcool: 12.5%
Enólogo: António Luis Cerdeira
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela intensa e um nariz fresco, onde as notas florais e a fruta madura casam de uma forma agradável com breves notas de frutos secos, na boca revela estrutura e uma interessante acidez, além de uma bolha de média dimensão, no paladar são os citrinos que se destacam, tal como a fruta tropical madura e um breve toque floral, terminando de uma forma relativamente pouco expressiva.
Classificação Pessoal: 15.5
Andlau Riesling 2014 (Branco)

Região: França
Castas: Riesling
Produtor: Domaine Marc Kreydenweiss
Álcool: 13%
Enólogo: Antoine Kreydenweiss
Nota de Prova: Cor amarela brilhante com leves apontamentos dourados, o nariz revela-se elegante e fresco, apresentando-se rico em aromas de frutos secos e notas florais, além de um breve toque limonado, na boca destaca-se uma secura muito evidente, num conjunto com boa acidez e frescura, o paladar sugere agradáveis notas de fruta e citrinas, num fundo subtilmente mineral, o final de boca termina com um comprimento médio/alto.
Classificação Pessoal: 16
Basa 2015 (Branco)

Região: Espanha
Castas: Verdelho, Viura e Sauvignon Blanc
Produtor: Compañía de Vinos Telmo Rodríguez
Álcool: 13%
Enólogo: Telmo Rodriguez
Nota de Prova: Cor citrina e nariz rico em aromas vegetais e florais, secundados por notas citrinas, formando um conjunto muito fresco, na boca é um vinho equilibrado e com uma acidez bem interessante, revelando um paladar menos exuberante que o nariz mais ainda assim cheio de notas limonadas e vegetais, o final de boca termina algo seco e com uma persistência mediana.
Classificação Pessoal: 15.5
Casal Figueira 2002 (Branco)

Região: Regional Estremadura
Castas: Vital e Vinhas Velhas
Produtor: António Augusto L. F. Carvalho
Álcool: 13.5%
Enólogo: António Carvalho
Nota de Prova: Cor dourada e nariz fino, onde as notas de frutos secos e a fruta bem madura casam de forma bem agradável com alguma mineralidade, na boca é um vinho estruturado, ligeiramente evoluído mas ainda com uma acidez a dar que falar, no paladar realce para a fruta bem madura, bem como para os frutos secos e ainda um leve toque vegetal seco, o final de boca termina de uma forma relativamente persistente.
Classificação Pessoal: 16
Séries Samarrinho 2013 (Branco)

Região: DOC Douro
Castas: Samarrinho
Produtor: Real Companhia Velha - Companhia Geral da Agricultura das Vinhas do Alto Douro, S.A
Álcool: 13%
Enólogo: Jorge Moreira
Nota de Prova: Cor amarela e nariz floral e algo especiado envolvido por uma componente mais profunda de fruta bem madura, na boca é um vinho envolvente, com estrutura e elegância e apresentando uma acidez muito interessante, no paladar destaca-se a fruta misturada por breves notas especiadas e florais, com o final de boca a terminar de uma forma relativamente prolongada.
Classificação Pessoal: 16
Cruz Miranda Colheita Seleccionada 2001 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Alfrocheiro Preto
Produtor: João Cruz Miranda e Teresa Uva da Cruz Miranda
Álcool: 13%
Enólogo: Virgílio Loureiro
Nota de Prova: Cor granada intensa e nariz preenchido por aromas de couro e fruta em passa, bem como um delicado toque de flores secas, na boca é um vinho delicado, levemente evoluído e com um paladar frutado, terroso e cheio de couro, termina algo mediano.
Classificação Pessoal: 15.5
Fojo 1996 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Tinta Roriz, Touriga Nacional e Touriga Franca
Produtor: Margarida Serôdio Borges
Álcool: 13%
Enólogo: Margarida Serôdio Borges e David Baverstock
Nota de Prova: Cor rubi avermelhada e nariz rico em aromas de fruta preta madura misturada com delicadas notas de barrica e um leve toque mineral, num fundo onde o couro é por demais evidente, na boca é um vinho relativamente encorpado, volumoso e profundo, com taninos finos e um paladar bem preenchido por aromas de fruta madura, notas especiadas e de couro, o final de boca termina de uma forma média alta e com uma persistência intensa.
Classificação Pessoal: 17
Casa Ermelinda Freitas Syrah 2005 (Tinto)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Syrah
Produtor: Casa Ermelinda Freitas
Álcool: 14.5%
Enólogo: Jaime Quendera
Nota de Prova: Cor rubi intensa e nariz subtilmente achocolatado e rico em aromas de fruta preta e notas tostadas e fumadas, na boca é um vinho equilibrado, com alguma estrutura e evolução, volume mediano e taninos ligeiramente secos, o paladar revela-se frutado e algo especiado, mostrando-se bem apoiado em breves notas vegetais, o final de boca termina com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 16
Casa Ermelinda Freitas Syrah 2005 (Tinto)
Duas Quintas Reserva 1999 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas: Touriga Nacional e Tinta Barroca
Produtor: Ramos Pinto
Álcool: 12%
Enólogo: João Nicolau de Almeida
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e com uma auréola de tonalidade granada, o nariz evidencia aromas de fruta preta madura e notas fumadas, muito terrosas e minerais, num fundo marcado pelas sugestões de couro, na boca é um vinho relativamente encorpado, com taninos suaves e uma evolução subtil, o paladar revela fruta preta madura e delicadas notas terrosas, além da madeir velha bem presente, o final de boca termina com um comprimento e persistência de expressão média.
Classificação Pessoal: 16.5
Cavalo Maluco 2008 (Tinto)

Região: Regional Península de Setúbal
Castas:
Touriga Franca, Touriga Nacional e Petit Verdot
Produtor: José A. L. da Mota Capitão
Álcool: 14%
Enólogo: Paulo Laureano
Nota de Prova: Cor rubi profunda e nariz alicorado, com a fruta bem madura e muito presente envolvida por um delicado toque balsâmico e floral, além de sugestivas notas achocolatas e especiadas, na boca mostra-se um vinho ligeiramente desequilibrado, com o álcool demasiadamente presente, ainda assim no paladar destaca-se a fruta preta e breves notas vegetais, o final de boca termina de uma forma mediana e algo persistente.
Classificação Pessoal: 16
Quinta do Javali Old Vines 2013 (Tinto)

Região: DOC Douro
Castas:
Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinto Cão, Touriga Nacional e Vinhas Velhas
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 14.5%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor rubi muito concentrada no centro e auréola com uma brilhante tonalidade violácea, o nariz sugere aromas de frutos pretos e do bosque envolvidos por um toque de barrica muito elegante e por breves notas balsâmicas e até minerais, na boca é um vinho denso, volumoso e muito encorpado, com uma juventude que impressiona e taninos bem sólidos, o paladar apresenta-se cheio de frutos negros maduros e delicadas notas florais, num fundo claramente marcado pela madeira, o final de boca termina com um comprimento muito prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Mauro Vendimia Seleccionada 2009 (Tinto)

Região: Espanha
Castas:
Tempranillo
Produtor: Bodegas Mauro S.A.
Álcool: 14.5%
Enólogo: Mariano García
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e profunda no centro, com uma auréola de forte tonalidade granada, o nariz revela uma elegância ímpar, onde as notas especiadas e fumadas combinam na perfeição com a fruta vermelha madura e um ligeiro toque floral, num fundo mais balsâmico e tostado, na boca destaca-se toda a sua envolvência, harmonia e elegância, com taninos firmes mas nada pesados e um volume imenso, no paladar é a fruta madura que reina, acompanhada por alguma madeira e fortes nuances de especiarias, o final de boca termina longo e com uma enorme persistência.
Classificação Pessoal: 18
Château Clinet Pomerol 2011 (Tinto)

Região: França
Castas:
Merlot, Cabernet Sauvignon e Cabernet Franc
Produtor: Château Clinet
Álcool: 13.5%
Enólogo: Luc Chasseriau
Nota de Prova: Cor densa de tonalidade avermelhada e nariz fino, muito elegante e expressivo, cheio de fruta vermelha bem fresca e delicadas notas florais, acompanhadas por uma ligeira componente vegetal, num fundo balsâmico e levemente abaunilhado, na boca é um vinho de textura sedosa, muito harmonioso e envolvente, revela um paladar marcado pelos frutos silvestres e diversas notas especiadas, além de um subtil toque apimentado, o final de boca termina de uma forma muiti prolongada e persistente.
Classificação Pessoal: 17.5
Quinta do Javali LBV 2013 (Porto)

Região: DOC Douro
Castas:
Tinta Roriz, Touriga Franca, Tinto Cão, Touriga Nacional e Vinhas Velhas
Produtor: Quinta do Javali
Álcool: 20%
Enólogo: António Mendes
Nota de Prova: Cor profunda e muito concentrada no centro, com laivos violeta de forte intensidade, o nariz evidencia uma forte componente de compota, misturada com frutos do bosque e um leve toque floral, na boca é um vinho muito jovem, revelador de um corpo cheio e muito encorpado, no paladar domina a fruta do bosque e preta envolvida pela madeira e alguma compota, o final de boca termina de uma forma muito sugestiva.
Classificação Pessoal: 17
Niepoort Colheita 1963 (Porto)

Região: Douro
Castas:
Várias
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: Dirk Niepoort
Nota de Prova: Cor acastanhada e nariz muito vivo, com a madeira velha em perfeita harmonia com diversos frutos secos, nomeadamente nozes e avelãs, bem como sugestivos aromas de vinagrinho e iodo, na boca é um vinho delicioso, com uma finura excelente, uma textura cremosa e uma envolvência notável, no paladar destacam-se novamente os frutos secos, além de subtis nuances especiadas, terminando com um final de boca muito prolongado e persistente.
Classificação Pessoal: 18
Burmester Tordiz 40 Anos (Porto)

Região: Douro
Castas:
Várias
Produtor: J. W. Burmester & Cª, S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: -
Nota de Prova: Apresenta uma cor acastanhada com uma forte tonalidade esverdeada e dourada, o nariz evidencia intensos aromas de frutos secos, vinagrinho e ainda sugestivas notas de caramelo e citrinos muito maduros, num fundo complexo e harmonioso, com a madeira velha e a fruta em passa muito bem casadas, na boca é um vinho fino, cremoso, misterioso e sedoso, onde revela uma normal evolução mas com uma estrutura e elegância notáveis, no paladar destaque para as notas caramelizadas e especiadas envolvidas por diversos frutos secos de fino recorte, o final de boca longo e muito persistente.
Classificação Pessoal: 18
Madeira Sercial 1945 (Madeira)

Região: Madeira
Castas:
Sercial
Produtor: Vinhos Barbeito (Madeira), Lda
Álcool: 20%
Enólogo: Ricardo Freitas
Nota de Prova: Cor topázio e um nariz elegante e fino, cheio de aromas de madeira, flor de laranjeira, frutos secos e um leve toque de iodo e notas achocolatadas e caramelizadas, na boca é um vinho untuoso e cremoso, com uma interessante estrutura e uma elegância ímpar, além de bastante seco, no paladar voltam a destacar-se os frutos secos e as notas especiadas e de madeira velha, terminando com um final de boca seco e prolongado.
Classificação Pessoal: 17.5

Etiquetas: