• Pedro Rafael Barata
  • prtbarata@gmail.com
  • O objectivo deste Blog não é mais do que uma "Montra Pessoal" de vinhos provados. Visitem e Comentem!
  • Caro Produtor, se tem interesse em divulgar os seus vinhos no Blog Os Vinhos, clique aqui!
  •     
        
  • RSS







Todos os Vinhos Provados no Blog Os Vinhos (4749)
Todos os Vinhos Provados em Eventos de Provas de Vinhos (3860)

domingo, 5 de agosto de 2018

E mais uma vez os Bloggers voltam a reunir-se num Jantar (Abr/2018)


No passado dia 13/04/2018, teve lugar mais um Jantar onde se juntaram alguns Bloggers de Vinho.

Durante o jantar e respectiva Prova de Vinhos estiveram presentes os seguintes Bloggers:
- Pedro Rafael Barata (Blog Os Vinhos)
- Carlos Janeiro (Blog Comer, Beber e Lazer)
- Francisco Damião de Brito (Blog Vinho do Porto Vintage).

O Evento realizou-se com a apresentação e degustação dos vários vinhos que cada um teve a oportunidade de trazer consigo.



Vinhos degustados durante o Jantar:

Château-Fuissé Pouilly-Fuissé "Tête de Cru" 2006 (Branco)

Região: França
Castas: Chardonnay
Produtor: J.J. Vicent - Proprietaire Ricoltant
Álcool: 13.5%
Enólogo: Antoine Vincent
Nota de Prova: Apresenta uma cor amarela intensa e um nariz bem preenchido por aromas de fruta madura e notas florais, agradavelmente acompanhados por leves nuances fumadas, de frutos secos e ainda alguma baunilha, na boca é um vinho ligeiramente seco, cremoso e harmonioso, revela uma evolução muito ligeira e uma complexidade interessante, no paladar destacam-se novamente os frutos secos, entre diversas notas minerais, frutadas e tostadas, o final de boca termina com um comprimento prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Rascunho by Quinta de Santiago Alvarinho 2015 (Branco)

Região: DOC Vinhos Verdes
Castas: Alvarinho
Produtor: Nenufar Real Sociedade Agrícola, Lda
Álcool: 13.5%
Enólogo: José Domingues
Nota de Prova: Cor amarela de tonalidade palha e levemente esverdeada, no nariz sobressai a sua componente mais cítrica e floral, além de breves notas de fruta e ainda um leve toque mineral, na boca é um vinho fresco e com relativa complexidade, além de uma breve secura, no paladar dominam as notas de citrinos acompanhados por leve sensação mineral, terminando com um final de boca prolongado e algo persistente.
Classificação Pessoal: 16.5
Plaer 2014 (Tinto)

Região: Espanha
Castas: Cariñena e Garnacha
Produtor: Ritme Celler
Álcool: 15%
Enólogo: Jané Ventura
Nota de Prova: Cor rubi profunda e nariz agradavelmente marcado pela fruta vermelha e diversas especiarias, bem como delicadas notas vegetais e minerais, num fundo mais tostado e a fazer lembrar algum cacau, na boca apresenta-se estruturado e encorpado, com um bom volume e taninos firmes, no paladar sobressai a elegância e envolvência entre a fruta madura e as notas da barrica, além de subtis nuances vegetais e apimentadas, com o final de boca a terminar com um comprimento prolongado.
Classificação Pessoal: 16.5
Pêra-Grave Reserva 2014 (Tinto)

Região: Regional Alentejo
Castas: Touriga Nacional e Syrah
Produtor: Pêra-Grave - Sociedade Agricola Unipessoal, Lda
Álcool: 14%
Enólogo: Nuno Cancela de Abreu
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e um rebordo de tonalidade violácea brilhante, o nariz sugere aromas florais e fruta bem madura muito expressivos, acompanhados por uma leve sensação especiada e de tosta, num fundo mais compotado e que faz lembrar café, na boca apresenta-se um vinho muito equilibrado, com um bom volume e uma complexidade interessante, no paladar é a fruta preta e a madeira que dominam o conjunto, sendo secundadas por uma leve sensação mineral e até vegetal, o final de boca termina de uma forma prolongada, em termos de comprimento e persistência.
Classificação Pessoal: 16.5
Portalegre 2015 (Tinto)

Região: DOC Alentejo
Castas: Castelão, Aragonez, Trincadeira, Grand Noir e Alicante Bouschet
Produtor: Adega de Portalegre
Álcool: 14%
Enólogo: Nuno do Ó e José Reis
Nota de Prova: Apresenta uma cor rubi intensa e concentrada, o nariz sugere aromas de fruta preta misturados com delicadas notas de especiarias, frutos silvestres e uma leve sensação balsâmica e até de chocolate, na boca é um vinho jovem, encorpado e estruturado, com taninos bem presentes e um paladar muito frutado e especiado, além de subtilmente vegetal e tostado, o final de boca termina com um comprimento médio/longo.
Classificação Pessoal: 17
Hugo Mendes Underdog 2008 (Tinto)

Região: Mesa Península de Setúbal
Castas: Castelão
Produtor: Hugo Mendes
Álcool: 13%
Enólogo: Hugo Mendes
Nota de Prova: Cor granada de média intensidade, o nariz revela notas terrosas e resinosas acompanhadas por um leve toque de couro e também breves notas de especiarias, na boca revela-se ligeiramente evoluído e seco, com uma estrutura agradável e taninos polidos, no paladar dominam as notas especiadas e alguma fruta muito madura envolvida por delicadas nuances vegetais, o final de boca termina com um comprimento médio.
Classificação Pessoal: 15.5
Pacheca 30 Anos (Porto)

Região: Douro
Castas: Touriga Nacional Roriz, Touriga Franca e Tinta Barroca
Produtor: Quinta da Pacheca, Sociedade Agrícola e Turística, Lda
Álcool: 20%
Enólogo: Maria Serpa Pimentel
Nota de Prova: Cor âmbar carregada e nariz muito elegante e vivo, onde dominam os aromas de frutos secos e chocolate, agradavelmente misturados com breves apontamentos de caramelo e madeira, ba boca é um vinho envolvente e untuoso com um excelente volume, no paladar destacam-se os frutos secos, o caramelo e um leve toque de vinagrinho que confere uma belíssima complexidade ao conjunto, o final de boca termina de uma forma bem prolongada.
Classificação Pessoal: 17
Valriz [Engarrafado em 1991] (Porto)

Região: Douro
Castas: Várias
Produtor: Coimbra de Mattos, Lda
Álcool: 20%
Enólogo: Jean Hugues Gros
Nota de Prova: Cor acastanhada e nariz marcado pelas notas de madeira velha e fruta em passa, além de subtis nuances torradas e fumadas, formando um conjunto relativamente complexo mas com uma evolução já muito evidente, na boca apresenta-se sem o fulgor de outros tempos e o paladar denota alguns frutos secos e uma leve sensação terrosa, o final de boca é curto e pouco persistente.
Classificação Pessoal: 15
Niepoort Vintage 1997 (Porto)

Região: Douro
Castas: Várias
Produtor: Niepoort Vinhos, S.A.
Álcool: 20%
Enólogo: Dirk Niepoort
Nota de Prova: Cor rubi intensa no centro e auréola de tonalidade granada, o nariz revela agradáveis aromas de frutos vermelhos, envolvidos pela madeira e por breves notas mentoladas e especiadas, na boca apresenta-se com um bom volume e uma complexidade interessante, devido à sua ligeira evolução, no paladar continua muito marcado pela fruta negra e um ligeiro toque alicorado, terminando com um final de boca prolongado.
Classificação Pessoal: 17

Etiquetas: